Dentistas oferecem tratamento gratuito para mulheres vítimas de violência doméstica

O Brasil ocupa a 5ª posição no ranking dos 83 países mais violentos para a mulher no mundo. Em 2014, cerca de 67,2% das mulheres atendidas no SUS sofreram agressões pelo parceiro, ou ex-parceiro, ou ainda por algum parente próximo.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Sensibilizado com esse drama, o dentista Fábio Bibancos, fundador da ONG Turma do Bem, oferece, há quatro anos, tratamento integral e gratuito para mulheres vítimas de violência doméstica. A iniciativa chama Apolônias do Bem.

“A marca da violência estava na boca dessas mulheres. Sentíamos a necessidade de fazer essa nova denúncia”, conta Fábio, vendedor do Prêmio Empreendedor Social 2006.

“Depois de passar pelo tratamento, elas renascem, conseguem mastigar e comer, fora a vaidade que desabrocha de volta”, disse ao jornal Folha de S. Paulo.

Atualmente, a ONG conta com 16 mil dentistas voluntários, em 12 países da América Latina, além de Portugal. O foco é prestar atendimento odontológico gratuito a adolescentes e jovens de baixa renda.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

O nome “Apolônias” é uma homenagem a uma personagem histórica que viveu em Alexandria, no Egito, e morreu em 294, depois de ser presa, espancada e ter os dentes quebrados e arrancados.

Veja o antes e o depois:

DENTISTA1

DENTISTA2

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

DENTISTA3

DENTISTA4

DENTISTA5

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM


Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,518,910SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

‘Deise do Tombo’ faz vaquinha e arrecada R$ 132 mil para comprar casa para vizinha com câncer

A estudante Deise Gouveia, de 21 anos, ficou conhecida no início do mês quando um vídeo seu virailzou nas redes sociais. A gente contou...

Tapeceiros fazem sofás ecológicos com material tirado do lixo

"Onde as pessoas veem um monte de lixo, eu vejo uma montanha de dinheiro", diz o piauiense Diolindo Souza, 43 anos e há 15 tapeceiro.

Caixa de supermercado paga conta de mulher sem dinheiro e recebe 300 vezes mais de volta

Um jovem caixa de supermercado decidiu pagar a conta de uma mulher que não tinha dinheiro para levar todas as suas compras para casa. Seu...

Enfermeira faz book de gestantes carentes para que elas não parem de cuidar da gravidez e faz exposição com as fotos

A enfermeira Gislaine Gonzaga percebeu  que muitas gestantes de baixa renda abandonavam o pré-natal durante a gravidez. Ela teve a ideia então de um lindo projeto:...

Supermercados criam “hora quieta” para diminuir transtorno de autistas e suas famílias

Os estabelecimentos diminuem a música ambiente, a intensidade da luz e estimulam os outros clientes a darem uma maneirada no barulho.

Instagram