“Ela apareceu aqui com um bebê nos braços. Como recusar ajuda?”, desabafa mãe que adotou 2 filhos da cunhada viciada em drogas

Karla Salvador, de 35 anos, assumiu a guarda de dois sobrinhos, que foram abandonados pela mãe em situação de rua.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

“Passamos em todas a bocas de fumo da cidade procurando ela e o bebê. Até que, em uma delas, encontramos mãe e filho numa situação crítica”, desabafa Karla, ao encontrar o bebê enrolado em uma toalha toda suja nas ruas. 😭

Karla não conseguiu fechar os olhos para o que estava vendo e precisou ajudar. E desde então, tem cuidado da criança. 

A tia, vendo que a mãe não tinha condições de cuidar do bebê, resolveu lutar pelo menino. E em maio, conseguiu a guarda provisória dele, e o batizaram como: Pedro. Por causa das drogas, Pedro ficou com algumas sequelas e não desenvolveu a fala. A criança também tem rinite, sinusite, bronquite, asma e autismo.

“Nesse intervalo, eu engravidei novamente e nasceu a Karolyna. Fiquei com dois bebês pequenos em casa e precisei deixar o meu emprego para cuidar dos dois. Hoje Pedro está com 5 anos e Karolyna, com 4.” – Karla.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Em 2019, eles perderam a casa todinha numa grande enchente, que veio e carregou tudo. A casa foi inteira rio abaixo. 💔

Com a vaquinha, queremos pagar 2 anos de aluguel e ajudar a família com sustento. Contamos com você para transformarmos essa história!

mãe cuida de 2 bebês de cunhada viciada em drogas

“Nossa casa era simples, tinha somente três cômodos (um quarto, uma cozinha e um banheiro pequeno), mas era nossa. Depois disso, tivemos que voltar a pagar aluguel para morar. Perdi todos os móveis e eletrodomésticos. Mas, graças a Deus, não perdi a minha vida, nem do meu marido e dos nossos filhos.” – conta, Karla.

Em maio de 2021, a cunhada chegou na porta da Karla com mais um bebê!

“Ela apareceu na porta da minha casa com uma menininha nos braços. ‘Cunhada, minha neném está aqui passando mal, vê aí o que você faz’, ela me disse. Como recusar ajuda? Eu não podia. Peguei a criança e a levei para o hospital. Ela estava realmente passando muito mal e ficamos com ela.”

Minha família foi contra, pois todos viam a dificuldade que eu já passava para criar as três crianças. Mas não pensei duas vezes, acolhi a menina e a levei do hospital direto para a minha casa. Eu já estava apegada e ela precisava do meu amor e cuidados de mãe. Demos a ela o nome Ketllin.” – desabafa, Karla.

Hoje, a família segue na luta para sustentar as crianças, mas passam por muitas dificuldades, com contas em atraso. Muitas vezes, eles precisam escolher entre pagar uma conta ou colocar comida na mesa. Vamos ajudá-los? 🙏

“Quando sobra tempo, faço uns bicos como faxineira. A luta é diária, mas sentir o amor dos quatro é algo sublime, não tem preço. Aqui tenho amor de sobra para todos eles. Eu amo os quatro igualmente.” – Karla.
“Recentemente, eu soube que a minha cunhada está grávida de novo. Já recorri à Justiça para que possamos conseguir que ela faça uma laqueadura. Não tenho a menor condição de ter mais uma criança em casa, mas também não sei virar as costas para uma criança indefesa, um ser humano que precisa do meu amor e dos meus cuidados para sobreviver.” – conta, a mãe adotiva dos bebês.
"Ela apareceu aqui com um bebê nos braços. Como recusar ajuda?", desabafa mãe que adotou 2 filhos da cunhada viciada em drogas 1
Fotos: VOAA

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM









"Ela apareceu aqui com um bebê nos braços. Como recusar ajuda?", desabafa mãe que adotou 2 filhos da cunhada viciada em drogas 2

Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
5,145,170SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Designer cria prótese que combina resistência, leveza e elegância

Feita com titânio sinterizado a laser, a Exo Prótese é personalizada para cada usuário.

Fotógrafa faz fotos mágicas de crianças com deficiência e conta suas histórias

As fotos são encantadoras como toda foto de criança se divertindo. Até aí, nenhuma novidade, é a mensagem que elas transmitem que merecem um...

Jovens de periferias contam histórias de ‘dentro para fora’

O projeto ‘Jovens Comunicadores’ visa ampliar o potencial comunicativo de jovens de periferias.

Modelo de 5 anos com síndrome de Down está derretendo corações com seu sorriso fofo 😘

"Ele gosta de tudo o que faz e faz tudo com um sorriso; sempre que as pessoas o veem, não veem sua deficiência, apenas ele sorrindo. Um lindo garotinho sorrindo!".

Faber-Castell amplia linha de produtos com diferentes tons de pele

A Faber-Castell lançou em 2018 uma linha de lápis chamada Caras&Cores que possuía seis lápis com diferentes tons de pele. Agora, a marca estende a...

Instagram

"Ela apareceu aqui com um bebê nos braços. Como recusar ajuda?", desabafa mãe que adotou 2 filhos da cunhada viciada em drogas 3