Desconhecido dá carona pra advogado não perder viagem com a família e recusa pagamento de R$ 2 mil

O advogado Rodrigo Valverde quase perdeu o voo com a esposa e o filho para uma viagem fora do país, na quinta-feira de Carnaval. Tudo deu errado nesse dia: chovia em São Paulo, o aplicativo de rota bugou, atrasando em mais de 2 horas o deslocamento até o aeroporto de Guarulhos, imagina o estresse…

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Desesperado, Rodrigo tentou parar os motoqueiros que passavam na Marginal Tietê pra pedir ajuda, pois só de moto chegaria no aeroporto a tempo de embarcar no voo com a esposa e o filho de 1 ano. O único que parou foi o Hallan Machado Palharini. Pra sorte de Rodrigo, Hallan tinha dois capacetes: o dele e o da namorada.

Leia também: Balconista compra remédio com próprio dinheiro e entrega para mãe desesperada às 2h da manhã

“Eu tinha alugado um apartamento com minha família [9 pessoas], e eles não poderiam entrar no apartamento sem mim. Estava com o dinheiro pra pagar a parte que faltava, tinha que assinar contrato etc. E era aniversário da minha irmã na sexta, faríamos um jantar no apartamento dela”, disse Rodrigo ao Razões para Acreditar.

Hallan contou à redação que duas semanas atrás tinha presenciado um assalto e lamentou não ter ajudado a vítima. Ele ficou pensando depois que deveria ter ido atrás do assaltante para recuperar a bolsa da mulher. Na verdade, Hallan fez muito bem em não ter ido, pois colocaria sua segurança em risco. Sempre é bom reforçar: nunca reaja a um assalto! Mas o fato é que ele não queria perder a oportunidade de ajudar alguém.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

desconhecido carona advogado aeroporto viagem família
Hallan (direita) recusou pagamento de R$ 2 mil oferecido por Rodrigo

“Eu percebi o desespero dele, começou a passar um monte de coisa na minha cabeça. Tipo, a mulher dele deve tá em trabalho de parto, ele vai perder uma entrevista de emprego… E eu sabia que se não parasse pra tentar ajudar, eu ia ficar muito ruim. Eu presenciei um roubo. Passou um cara correndo com uma bolsa na mão, e depois eu fui ver que era um assalto. Aí eu pensei ‘por que eu não fui atrás’. Fiquei remoendo aquilo umas duas semanas”, diz Hallan.

Hallan disse pra Rodrigo que talvez não conseguisse deixá-lo no aeroporto, pois sua moto costuma dar pane quando fica muito tempo ligada. Mas que o deixaria o mais próximo possível! Rodrigo disse tudo bem e perguntou quanto Hallan cobraria. Nada, respondeu Hallan. Rodrigo insistiu e até o taxista entrou na conversa, falando pra Hallan cobrar a carona.

Como não é mototaxista, Hallan achou que não seria correto cobrar. Os dois seguiram para o aeroporto numa corrida contra o tempo. No meio do caminho a chuva apertou. Hallan parou a moto debaixo de um viaduto e falou pra Rodrigo vestir sua capa de chuva. Disse que o advogado precisava mais da capa do que ele, pois depois iria pra casa, tomaria um banho e estava tudo resolvido.

“A gente continuou, a moto começou a dar umas falhadas, e eu pensei ‘meu Deus do céu, não vai chegar’. Graças a Deus chegou!”

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Leia também: Motorista de ônibus interrompe viagem para socorrer passageira em Petrolina (PE)

Rodrigo tirou um bolo de notas do bolso (R$ 2 mil) e novamente insistiu que queria pagar Hallan. Mas quem disse que Hallan aceitou? “Falei que não queria, que fiz aquilo de coração. Só pedi pra ele ajudar o próximo, quem ele pudesse ajudar”, afirma.

Hallan fez mesmo de coração, já que está desempregado e dinheiro não anda sobrando. Até mesmo pra pagar sua faculdade de tecnologia de gestão em qualidade. “O mundo fica melhor se cada um fizer a sua parte”, comenta Hallan, que faz bicos de estoquista.

“O Hallan é um cara simples. Ele reforça a crença de que estamos nessa vida para amar e ajudar os outros. Perder o voo não era uma opção. O Hallan é um cara de princípios”, afirma Rodrigo.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Ele encontrou a esposa e o filho no aeroporto, e finalmente a família seguiu viagem, graças ao Hallan “Salvador”, como Rodrigo registrou o número de Hallan no celular. “Me salvou bonito.”

Veja o post do advogado enaltecendo o gesto nobre do Hallan Salvador, mais um exemplo de alguém que faz o bem sem olhar a quem:

 

Visualizar esta foto no Instagram.

 

“Razões para acreditar: Estava em um táxi, indo para Guarulhos, quando a chuva apertou. O trânsito, que estava caótico, piorou absurdamente. O Waze dobrou o tempo para chegar ao aeroporto – o tempo total era de 2hs, passou para 04:15hs. Desesperado com a hipótese de perder um voo importante, tentei parar TODOS os motoqueiros que passavam – só de moto poderia chegar a tempo. O @hpalharini parou. Ele tinha acabado de deixar a namorada na faculdade e estava com dois capacetes. Ofereceu ajuda. Quando disse que precisa ir a Guarulhos, ele pensou “e eu estou do lado de casa”… Mas ponderou que eu estava precisando muito de uma ajuda naquele momento. Disse que me levaria. Perguntei quanto ele me cobraria e ele me disse “nada”. Ao chegar no aeroporto, tendo me emprestado sua jaqueta a prova d’água – 1) ele ofereceu de forma espontânea e 2) me disse que ele iria para casa, enquanto eu iria pegar um voo longo, logo eu deveria ter prioridade -, ofereci-lhe todo o dinheiro que estava no meu bolso. Ele tornou a recusar. E completou: “eu fiz de coração, faça por outra pessoa também, vamos manter uma corrente bacana de pessoas do bem”. Muito mais do que uma carona salvadora, uma verdadeira aula – e um belo exemplo de vida. @hpalharini , meu amigo, nunca esquecerei desse gesto. Que Deus te abençoe sempre.” . Publicado por @rod_valverde ao @razoesparaacreditar

Uma publicação compartilhada por Razões Para Acreditar (@razoesparaacreditar) em 27 de Mar, 2019 às 9:08 PDT

Compartilhe o post com seus amigos!

  • Siga o Razões no Instagram aqui.
  • Inscreva-se em nosso canal no Youtube aqui.
  • Curta o Razões no Facebook aqui.

desconhecido carona advogado aeroporto viagem famíliacrédito da foto: Reprodução/Instagram @rod_valverde

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM



Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,095,548FãsCurtir
2,693,270SeguidoresSeguir
22,558SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Tio doa festa de sobrinho que morreu dois dias antes de fazer aniversário

A criança morreu dois dias antes de completar 3 anos.

Professor vai montado de drag para falar sobre tolerância e respeito à diversidade na Paraíba

Você já viu um professor que vai montado de drag queen dar aula? Foi assim que o professor Luis Lima deu aula na última...

Garota de nove anos faz carta para seu professor que se assumiu gay

Uma garota de nove anos escreveu uma carta fofa para seu professor, após ele se assumir gay em uma aula para combater homofobia e...

Conheça o aplicativo que faz as obras de arte sorrirem

O aplicativo FaceApp permite estampar um sorriso no rosto das pessoas em selfies e fotografias.

Cliente deixa mega gorjeta de R$ 7 mil para ajudar churrascaria familiar

Tem sido um enorme desafio para as pequenas e microempresas se adaptar às medidas de isolamento social impostas para combater a Covid-19. Muitas delas tiveram...

Instagram

Desconhecido dá carona pra advogado não perder viagem com a família e recusa pagamento de R$ 2 mil 1