Desempregado que virou doméstico causa comoção do bem na internet

O “Seu Zé”, como é conhecido, passou um ano e meio desempregado, fazendo bicos para poder se alimentar e pagar o aluguel da casa onde vive, até que ele se descobriu um ótimo faxineiro.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

José Ferrer, 50 anos, tirou da cabeça que faxina é coisa de mulher e começou a trabalhar como faxineiro, no dia 31 de dezembro de 2015, no Rio de Janeiro.

O serviço encantou a patroa, a fotógrafa Bhia Correia, que contou o caso na sua página no Facebook:

“Seu Zé é esforçado e honesto, e sim eu confio no Seu Zé, um homem que nunca aceitou viver de doação, não seria capaz de roubar ninguém…”

“Seu Zé quer com seu trabalho, comprar um barraco na favela, que custam 10 faxinas. Seu Zé quer com seu trabalho consertar seus dentes, que custam outras 10 faxinas. Seu Zé hoje vai comprar um gás e duas lâmpadas com o dinheiro do seu trabalho.”

A história emocionou muita gente na rede social e, em pouco tempo, ele começou a receber ligações de pessoas dispostas a ajudá-lo, chamando-o para entrevistas de emprego e novas faxinas.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

“Foi uma surpresa receber tantas ligações. Já me perguntaram se eu fazia outras coisas. Passar roupa até aceito, mas cozinhar não”, disse Seu Zé, que não tem Facebook, ao saber da repercussão.

via [Jornal Meia Hora]

Leia também:

Sabão caseiro de dona de casa de 61 anos viraliza e recebe encomendas até da Suiça

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

MARCAS QUE NOS APOIAM


Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
2,775,615SeguidoresSeguir
23,363SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

A internet está ajudando a mudar a vida de uma senhora que vende buchas

Essa história nos lembra o poder da internet para mudar a vida das pessoas, que tenhamos mais e mais histórias como essa!

No Pará, há mais de 40 anos existe um bloquinho infantil que homenageia os animais da Amazônia

Cada vez mais os blocos carnavalescos estão inovando e usando e abusando da criatividade, mas o que falar deste bloquinho infantil, do interior do...

Terreiro de Umbanda oferece cursinho pré-vestibular gratuito em Ponta Grossa (PR)

O terreiro virou sala de aula! O terreiro Umbanda Caboclos da Lei, de Ponta Grossa (PR), criou o Cursinho Solidário Abre Caminhos para preparar...

Jovem que quase largou a escola vai estudar medicina em Harvard

Marcinho é de uma família de catadores de material recicláveis. Ele ralou muito para entrar na universidade de medicina e, agora, tenta ir estudar em Harvard.

Companhia aérea reserva avião para transportar animais desabrigados pelo furacão Harvey

Cerca de 64 cães e gatos foram transportados do Texas até a Califórnia.

Instagram

Desempregado que virou doméstico causa comoção do bem na internet 3