Desenganado pelos médicos, menino com leucemia chora ao receber alta

O pequeno Marcelo Otávio Gomes, 7 anos, recebeu alta do Hospital do Câncer Infantil (Gpaci) de Sorocaba (SP) após vencer uma leucemia diagnosticada meses antes. Ele foi liberado da instituição na terça-feira (2o) e recebeu uma surpresa da Guarda Civil Municipal.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Os agentes se comoveram com a história do menino ao conhecê-lo dias antes, durante uma simulação de incêndio no prédio do hospital. A equipe médica do Gpaci então fez um convite aos guardas, que toparam visitar Marcelinho.

Ajuda para idosa com câncer abandonada pela filha

“Lembro que no dia eu estava dando banho nele e fomos rápidos para poder receber a visita. O sonho dele era ver os oficiais de perto e ficamos muito felizes com a presença no hospital”, conta Simone Nascimento, mãe do menino.

menino chorando

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Naquela aguardada manhã de terça-feira, Marcelinho teve dois trajes para comemorar sua saída: um de cowboy, escolhido por ele mesmo, e uma farda recebida pela GCM.

Leia também: Advogado curado de leucemia junta dinheiro para dar casa à sua doadora

“Como pai, nós da equipe nos emocionamos e buscamos ajudar para que o Marcelinho possa começar essa nova fase com mais esperança e motivação”, conta o guarda Armênio.

menino vestido cowboy alta hospital

Quadro grave de leucemia

A médica responsável pelo tratamento oncológico do menino, Luiza Milaré, conta que chegou a desenganar a família sobre a chance de sobrevivência de Marcelo. “O quadro dele era grave. Ele chegou enfraquecido e ficou mais doente pelo efeito da quimioterapia”, comenta.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Leia também: Professora com leucemia é homenageada por 300 alunos em hospital de Bento Gonçalves (RS)

“Desconfiamos de leptospirose no início e ele até precisou ser entubado. Chegamos a avisar a família que ele não sobreviveria. Ficamos todos surpresos com a evolução dele e estamos muito felizes.”

menino vestido policial cumprimentando policial

Até outubro, Marcelinho voltará ao hospital para realizar exames e acompanhamento pós-remissão. O pai do menino, Marcelo José Gomes, que trabalha como motorista, agradece a Deus pela alta do filho.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

menino pais quarto hospital

“Agradeço também a todos os funcionários do hospital pela ajuda, não há palavras para descrever a emoção. Daqui para frente vamos reavaliar e dar mais valor à vida“, conta.

Você conhece o VOAA? VOAA significa vaquinha online com amor e afeto. E é do Razões! Se existe uma história triste, lutamos para transformar em final feliz. Acesse e nos ajude a mudar histórias.

Fonte: G1/Fotos: Mayara Corrêa/TV TEM

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM


Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,505,556SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Programa de inovação da Red Bull impulsiona empreendedores sociais

O Red Bull Amaphiko conecta e impulsiona empreendedores sociais que estão transformando realidades.

Ensaio fotográfico questiona padronização da beleza do corpo humano

A nossa reação de estranhamento quando uma pessoa obesa diz que se sente feliz com o seu peso é sintoma da padronização de algo...

Funcionário de pet shop dança com cachorro durante banho, viraliza e conquista o coração da web

O problema desse vídeo é que ele acaba. Dá vontade de sair dançando junto com o Yan e com o doguinho! Uma câmera do...

Bebê de 2 anos grita “papai” após fim do processo de adoção

Mandi Palmer é uma norte-americana de 33 anos que compartilhou sua história no site Love What Matters e nós ficamos tão encantados que gostaríamos...

Instagram