Designers recriam a (ultrapassada) muleta para facilitar a vida de quem as usa

Há 150 anos as muletas não passavam por alguma importante atualização, mas o casal de designers industriais Max e Liliana Younger mudaram de vez esse cenário.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Quando o pai de Max passou a precisar usar o acessório permanentemente, após ter sua perna amputada em 2008, decidiram repensar a ultrapassada tecnologia. “Sabíamos que era algo que precisava mudar”, disse Max em entrevista ao site KCUR.

O que começou como um projeto de tese de faculdade se transformou em peça central de um novo negócio. Liliana largou o emprego para se tornar CEO da Mobility Designed e Max se tornaria o diretor de inovação.

“Se você já usou muletas sabe que elas podem ser muito dolorosas. Agora imagine ter que usar muletas todos os dias para o resto de sua vida”, indagou Liliana. “Há 736.000 usuários permanentes de muleta nos EUA e no nosso primeiro ano pretendemos abordar esses usuários, por serem eles as pessoas que mais precisam de uma solução melhor. O potencial para o negócio é grande e é uma coisa nobre de estar envolvida”.

Se é uma necessidade temporária ou uma condição de longo prazo, lidar com mobilidade restrita deve ser livre de dor. Atualizar a tecnologia das muletas significa melhorar a qualidade de vida do usuário, funcional emocionalmente.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

A Muleta M+D é projetada em torno de uma premissa simples: cotovelos, não axilas.

Cada Muleta tem duas braçadeiras flexíveis e o seu design curvo e material permite que o usuário retire seus antebraços com facilidade, mas se mantenha no lugar com as mãos livres enquanto utiliza o aparelho.

Além disso, vem com um pé projetado para absorver parte do impacto de cada passada. O pé padrão pode ser facilmente removido e substituído com outros pés concebidos para diferentes terrenos e atividades.

“Temos fé que o produto poderá mudar algumas vidas, e é isso que vale a pena para nós”, finaliza Liliana.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

1453753325698

(Photo/ Julie Denesha)
(Photo/ Julie Denesha)

fl;exible+arm+bands

hands+free

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

hinged+cradle

mobility-designed-01

mobility-designed-m-d-crutch-designboom-001-818x700

Leia também: Designer cria embalagens de macarrão celebrando a diversidade do cabelo feminino 

Fotos: Reprodução

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM






Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,993,160SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Você também compartilhou o vídeo do “falso cadeirante”? Devia ter se informado primeiro

Muitas pessoas se sentiram “traídas”, enganadas por ele. Elas erraram. Deveriam procurar saber qual é a limitação física de João antes de julgá-lo. Uma simples pesquisa no Google esclareceria tudo...

Após foto em parada de ônibus viralizar, casal ganha presentes e até festa de casamento

Como não tinham dinheiro para pegar um táxi, os recém-casados voltaram para casa de ônibus.

Idoso cuida de esposa que sofreu AVC há 12 anos e canta para acalmá-la quando está sentindo dores

Alguns dias atrás, a mãe da Jacqueline Chagas precisou ser internada em um hospital público após sofrer um mal súbito. Na mesma ala onde a...

Paciente usa Código Morse para se comunicar e dá chocolates para todas as visitas

As pessoas que têm Esclerose Lateral Amiotrófica (ELA) geralmente ficam bastante debilitadas por causa do enfraquecimento dos músculos e do comprometimento físico, o que...

Idosos japoneses se voluntariam para lidar com a crise nuclear, e polpam os jovens

Aposentados japoneses são voluntários para lidar com a crise nuclear Yasuteru Yamada disse que pessoas de todas as faixas etárias são benvindas no grupo. Um grupo...

Instagram