Diretor de escola trabalha todas as noites em supermercado para ajudar alunos necessitados

Henry Darby é diretor da North Charleston High School, em Carolina do Sul (EUA), mas tem feito turnos todas as noites também no Walmart. Só que não é para se manter. A razão para o segundo emprego é das mais nobres.: Darby doa todo o salário para cobrir despesas de alunos mais necessitados.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

diretor trabalha a noite para ajudar alunos
Foto: reprodução Today

O diretor conta que, vendo as necessidades dos seus alunos, não se sentia bem em não ajudá-los. Foi assim que resolveu iniciar um trabalho de meio período como repositor na rede de supermercados.

“Há alguns anos, eu tinha duas alunas mulheres que dormiam embaixo da ponte. Houve outra situação em que uma ex-aluna minha e sua filha dormiam no carro e outra em que uma ex-aluna precisava de dinheiro para suas contas de água e luz”, lembra o diretor.

diretor trabalha a noite para ajudar alunos
Foto: reprodução Today

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Henry trabalha três noites por semana, das 22h às 7h. “Fui ensinado que ‘se suas mãos encontram algo para fazer, faça’. Então voltei a mim mesmo e disse: ‘Talvez eu precise de outro emprego em termos de meio expediente'”, disse ele.

diretor trabalha a noite para ajudar alunos
Foto: reprodução Today

Reconhecimento

Após a história de Henry viralizar, ele tem recebido muita ajuda. O diretor já ganhou mais de US$ 100 mil (cerca de R$ 500 mil) em doações de todo o país. Inclusive, o Walmart doou US$ 50 mil para a escola.

diretor trabalha a noite para ajudar alunos
Foto: YouTube

Henry conta que não fez isso pensando em ser notado. Ele queria apenas ajudar seus alunos, mas agradece todo o reconhecimento e suporte que tem recebido. “Eu não esperava a atenção. Eu simplesmente queria trabalhar para o Walmart sem alarde e usar esses recursos para meus alunos”, explica.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Parabéns Henry! Você é inspirador! 👏

A Renee Dixson é outro super exemplo. Em dezembro ela foi trabalhar como motorista de aplicativo para juntar dinheiro e comprar presentes de Natal para seus alunos. Contamos essa história aqui no Razões.

Fonte: People

 

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM


Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,505,556SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Professora adapta aulas para aluno especial: inclusão!

A professora Joana D’Arc Manente faz o que está ao seu alcance para promover a inclusão do garoto Stevão.

Cavalo leva comida para a amada e a beija depois

O vídeo do cavalo “T”, que aparece levando comida para namorada Layla, mostra que no reino animal, com o perdão do trocadilho, também existe...

Após vaquinha, mãe de quadrigêmeos com paralisia cerebral consegue comprar carro

A Patty é mãe solo de quadrigêmeos que, por complicações no parto, adquiriram paralisia cerebral. Abrimos uma vaquinha para ela na VOAA para ajudar...

Casal se fantasia de dinossauros para mostrar que o amor não está em extinção

Ultimamente muitos casais estão inovando e fazendo suas festas de casamento ou até mesmo as fotografias da comemoração de um jeito totalmente inusitado e...

Campos do Jordão terá pela primeira vez festa da virada com fogos silenciosos

A festa da virada, em Campos do Jordão, neste ano tem um ingrediente a mais: o Show Pirotécnico, que deverá durar de 10 a...

Instagram