Diretora da pré-escola vai trabalhar como Uber para comprar presente Natal para seus 50 alunos

0
1600
Professora compra presente para alunos

Sabe aquelas histórias de amor ao próximo, que sempre têm cheirinho de Natal? A Renee Dixson protagonizou uma delas. Essa Diretora incrível foi trabalhar como Uber, pois queria juntar dinheiro para comprar presentes de Natal para todos os seus alunos. É para amar muito essa mulher, gente!

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Diretora da pré-escola vai trabalhar como Uber para comprar presente Natal para seus 50 alunos 3

A maioria dos alunos matriculados na pré-escola da Igreja Batista Lynhurst, em Indianápolis, vêm de famílias que estão na linha de pobreza ou abaixo dela, de acordo com a diretora da pré-escola, Renee Dixon .

E todos os 50 alunos, mais seus irmãos, receberam presentes de Natal este ano graças a Renne, que passou suas noites e fins de semana como motorista de Uber a fim de ganhar dinheiro extra para comprar presentes para eles.

professora compra presente para alunos
Foto: Inspire More

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Ela lecionou durante 25 anos e começou a trabalhar como motorista do Uber há quatro anos, quando ainda dava aulas e precisava de dinheiro extra para comprar presentes para seus alunos. E continuou com a boa ação após virar Diretora, há dois anos.

Mesmo com a pandemia do coronavírus, Renee disse, semana passada, que foi capaz de arrecadar mais de US $ 2.500.

Além de dar presentes para seus alunos e seus irmãos, ela também deu um bônus de $ 50 para sua equipe de 12 professores.

O porta-voz da Uber, Levin Mitchel, disse que planeja igualar o dinheiro que Renee ganhou até o momento e doá-lo para ajudar seus alunos. “Com este presente, desejamos a Renée e seus alunos um feriado feliz e seguro.”, completou.

Ajudantes

Vendo o esforço nobre da Diretora, outras pessoas da comunidade e da escola se manifestaram para fazer algum tipo de doação. Renee já ganhou caixas com brinquedos e doações em dinheiro.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Eu sei o que é sentir-se triste quando criança porque seus pais não têm nada”, disse ela . “Essas crianças, o mundo delas virou de cabeça para baixo, não é culpa delas.

Renee compra brinquedos para alunos
Foto: reprodução Inspire More

Quando o perguntam o motivo de tanto esforço, a ela conta que se não fizesse isso por eles, os estaria decepcionando. “Todos sempre me disseram que tenho um grande coração”, acrescentou ela. “Eu disse: ‘Não, eu amo crianças.’

Se isso não é amar a profissão, eu não sei que é.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Fonte: GMA

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.