J. K. Rowling deixa lista de bilionários por um motivo nobre: a caridade!

A escritora e roteirista britânica J. K. Rowling, 54 anos, consagrada pela série de livros Harry Potter (1998-2007), se tornou uma bilionária ainda jovem, quando a saga do bruxinho, abraçada por jovens e adultos do mundo todo, batia a marca de 500 milhões de exemplares vendidos.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Conhecida pelo estilo de vida simples e pacato, Rowling logo se embrenhou na causa filantrópica, se tornando grande financiadora de dezenas de projetos e instituições de caridade.

Ajuda para construir casa pra idoso que vive em condições desumanas

Ao longo dos últimos vinte anos, a escritora, que já passou por dificuldades na infância, ganhou tanto dinheiro quanto doou: foram milhões de dólares destinados à entidades de apoio a pessoas com esclerose (como a esclerose lateral amiotrófica) e organizações pelos plenos direitos das crianças e dos animais.

J. K. Rowling doa R$ 650 milhões para caridade e deixa lista de bilionários
Via

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Em 1997, J. K. Rowling escreveu o primeiro livro da série Harry Potter, A Pedra Filosofal, que ganhou uma adaptação cinematográfica quatro anos depois. O livro foi um grande sucesso literário.

Em 2004, seus ganhos com a franquia de livros e filmes a colocaram na famosa “lista dos bilionários” da Forbes.

Doação para instituições de caridade

Rowling figurou na lista por sete anos, enquanto doava grandes somas de dinheiro à filantropia. Ao todo, estima-se que a escritora tenha doado mais de 160 milhões de dólares (R$ 665 milhões), cerca de 16% de todo seu patrimônio líquido, suficientes para ‘tirá-la’ da lista desde então.

“Tenho uma responsabilidade moral, de que quando lhe é dado muito mais do que [você] precisa, é preciso fazer coisas sábias e doar de forma inteligente”, afirmou.

J. K. Rowling
Via

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Além da doação a instituições de caridade, Rowling repassou uma grande quantia em dinheiro para ajudar na construção de um centro de neurologia regenerativa na Escócia, referência em toda a União Europeia.

Leia também: 

J. K. Rowling também fundou a Lumos em 2005, uma instituição beneficente criada ao lado da baronesa Emma Nicholson de Winterbourne, membro do Parlamento Europeu. A entidade tem por objetivo implementar plenamente a convenção das Nações Unidas sobre os Direitos da Criança em toda a Europa e no mundo inteiro.

Ajuda para construir casa pra idoso que vive em condições desumanas

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

J. K. Rowling
Via

Você conhece o VOAA? VOAA significa vaquinha online com amor e afeto. E é do Razões! Se existe uma história triste, lutamos para transformar em final feliz. Acesse e nos ajude a mudar histórias.

Fonte: Shareably/Foto de capa: Via

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM









Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
4,917,765SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Hospital em BH possui quase 7 mil m² de telhado verde, um dos maiores da América Latina

O Hospital Orizonti - Instituto Oncomed de Saúde e Longevidade foi apontado como um projeto-referência, que contribui para deixar as cidades mais permeáveis. A...

Airbnb nega hospedagem de neonazistas que pretendiam participar de marcha racista

A Airbnb negou hospedagem a várias pessoas que pretendiam participar da  Unite the Right Free Speech Rally, uma marcha racista, em Charlottesville, na Virgínia, Estados...

Internauta pede ajuda para bombar restaurante do irmão e dá certo!

O garoto recebeu tantos pedidos que até precisou fechar a cozinha por um tempo, mas prometeu voltar logo. 👨‍🍳

Comerciante conserta celular de menino que vende doces na rua e se recusa a cobrar serviço [VIDEO]

Um comerciante de Capão Redondo (SP) decidiu surpreender um menino de 11 anos que vende doces nas ruas que foi até sua loja para...

Ela nasceu surda e sua avó a ensinou falar através de leitura labial

Mesmo tendo o apoio da avó, Morgana sofreu bastante bullying por conta do seu "sotaque surdo".

Instagram

J. K. Rowling deixa lista de bilionários por um motivo nobre: a caridade! 1