Dojô cria faixa arco-íris em defesa de pessoas LGBTQIA+

A Kimonos Dojô, uma das principais marcas brasileiras de artigos de artes marciais, lança a “Faixa da Resistência”, produto que traz luz à violência sofrida diariamente por pessoas LGBTQIA+. A cada 19 horas uma pessoa é vítima fatal de LGBTfobia, tornando o Brasil o país onde mais morrem pessoas LGBTQIA+ no mundo.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Para chamar a atenção a esse dado cruel, a marca convocou alguns parceiros para ajudar na divulgação da “Faixa da Resistência”, produto que terá todo o lucro revertido para o Coletivo Trans Sol, casa de acolhimento a travestis e transexuais em situação de vulnerabilidade.

[Matéria continua depois do vídeo abaixo]

Convidamos cinco mulheres que enfrentaram o câncer de mama para falar sobre suas experiências. Mas elas não sabiam que, durante a gravação do vídeo, seriam surpreendidas. Nesta linda homenagem, as filhas presenteiam suas mães com um sutiã especial (para quem viveu o câncer) acompanhado por uma prótese externa, uma espécie de enchimento que encaixa na lingerie. Assista o vídeo e prepare o lencinho:

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

“Para a Kimonos Dojo se aliar a uma causa como a Faixa da Resistência demonstra o nosso compromisso com uma sociedade mais igualitária. É muito importante que todos se sintam seguros para viver suas vidas, e estimular o conhecimento de artes marciais e defesa pessoal para uma comunidade vulnerável, e também apoiá-los financeiramente através desse produto especial que criamos nos enche de orgulho”, conta Lucas Brion, Gerente de Social Media da Kimonos Dojo.

Leia tambémPlataforma viabiliza assessoria jurídica gratuita a pessoas LGBTQIA+

Além da faixa, a marca criou um site com vídeo aulas de alguns movimentos de defesa pessoal para ajudar as pessoas da comunidade LGBTQIA+ a ter mais uma ferramenta de segurança contra o preconceito.

Dojô cria faixa arco-íris em defesa de pessoas LGBTQIA+ Dojô cria faixa arco-íris em defesa de pessoas LGBTQIA+

Uma das professoras da ação, Camila Godoi é uma mulher lésbica e trans. Pratica o Taekwon-Do ITF há 24 anos e ensina esta arte marcial há 13 anos. Conquistou Copa Mercosul, Campeonatos Brasileiro e Paulista e a medalha de bronze na Copa do Mundo (Buenos Aires 2013).

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

“O engajamento de uma marca tradicional como a Dojô nesta campanha contribui imensamente para a construção de um diálogo maduro e respeitoso envolvendo a pauta LGBT e favorece mudanças positivas de atitude em relação aos nossos corpos e aos nossos afetos”.

Além de Camila, o fisioterapeuta e instrutor de Aikido Igor Koga, e o coletivo carioca Piranhas, que promove aulas coletivas de Krav Magá para o público LGBTQIA+ também participam das dicas de defesa pessoal.

Dojô cria faixa arco-íris em defesa de pessoas LGBTQIA+ Dojô cria faixa arco-íris em defesa de pessoas LGBTQIA+

No site Faixa da Resistência, que você pode acessar clicando aqui, é possível conhecer todo o conteúdo e também comprar o produto.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

A “Faixa da Resistência” e a série de conteúdos sobre defesa pessoal foram criados em parceria com a agência Y&R.

Leia tambémMenina explica significado da bandeira LGBT para o irmão, dá show de maturidade e áudios viralizam

Compartilhe o post com seus amigos!

  • Siga o Razões no Instagram aqui.
  • Inscreva-se em nosso canal no Youtube aqui.
  • Curta o Razões no Facebook aqui.

Fotos: Divulgação

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM







Dojô cria faixa arco-íris em defesa de pessoas LGBTQIA+ 3

Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
5,075,725SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Lembram do Tamagotchi? Brinquedo dos anos 90 volta com uma edição especial

Será que essa moda vai pegar pela segunda vez? Com vendas limitadas, o brinquedo da fabricante japonesa Bandai já está a venda no Estados Unidos...

“Meu avô e minha filha, 97 anos de diferença e um amor de outras vidas que os une” [VIDEO]

Um encontro precioso de duas gerações, separadas por 97 anos de diferença: esse foi o momento registrado pela Joana Rita, mãe da pequena Julia,...

Jovem perde a perna após ser arrastado por trem e precisa de prótese para voltar a trabalhar

O que pode ser mais triste do que um jovem cheio de sonhos ser impossibilitado de realizá-los? Foi exatamente isso o que aconteceu com...

Curso ensina idosos a usarem redes sociais no Bairro da Tijuca (RJ)

É notório que a população brasileira com mais de sessenta anos de idade vem crescendo. Temos bairros no Rio de Janeiro que já possuem...

Empresa de engenharia alfabetiza funcionários e ensina informática

Uma empresa que atua há mais de 36 anos na construção civil e acredita no reconhecimento e valorização do seu time, a MPD Engenharia...

Instagram

Dojô cria faixa arco-íris em defesa de pessoas LGBTQIA+ 4