Dona de casa coleta óleo e gordura para transformar em sabão no Macapá

Dona Íbis Uchôa, 56 anos, é um exemplo de que preservar o meio ambiente é uma também uma possibilidade de renda extra. No quintal da sua casa, em Macapá (AP), ela transforma óleo de cozinha descartado em sabão, ajudando a evitar a poluição do meio ambiente.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Há 15 anos, ela recolhe óleo e gordura de estabelecimentos comerciais da cidade e transforma em sabão de barra, em pasta ou líquido. “Eu fui atrás ver o que faziam desse óleo e vi que eu podia pegar e transformar e acertei de ficar pegando”, disse.

Leia também: Menina de 7 anos chora ao ganhar bolo de aniversário no Amapá

Depois de transformar esses produtos em sabão, ela vende para mercadinhos da região ou por encomenda.

Eu aprendi a minha primeira receita foi de um jornal, depois desenvolvi sozinha”, relembra. O material é misturado com soda cáustica, água sanitária e outros ingredientes dependendo da cor e da fragrância para chegar ao produto final, que pode ser usado em tudo, desde a limpeza da casa à lavagem de roupa.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Dona de casa coleta óleo da cidade para transformar em sabão
Foto: Joicilene Santos

Com R$ 30 e aproximadamente um balde de gordura dá para fazer até 100 barras de sabão.

Dona de casa coleta óleo da cidade para transformar em sabão
Foto: Joicilene Santos

Dona de casa também capacita mulheres para fabricarem sabão com óleo

E Dona Íbis não quer ficar com o conhecimento apenas para ela. Ela já realizou várias oficinas de fabricação de sabão com moradores de municípios próximos.

Dona de casa coleta óleo da cidade para transformar em sabão
Foto: Joice Batista

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Agora ela passou a integrar também um projeto do Ministério Público do Amapá para levar capacitação para moradores de uma comunidade onde o MP deseja implantar uma associação de reutilização de óleo para fabricação de sabão e geração de renda para as famílias locais.

[Vaquinha: Reserva ambiental na Amazônia pede ajuda para não fechar as portas]

Dona de casa coleta óleo da cidade para transformar em sabão
Produtos da dona Íbis expostos em evento do Ministério Público do Amapá. Foto: Joicilene Santos

Eu acho que o fato de eu aproveitar esse óleo que é em grande quantidade, que naturalmente seria jogado em áreas de ressaca ou no próprio esgoto entupindo tubulações, invadindo as nossas águas, acho que eu tô contribuindo porque a quantidade é muito grande, o prejuízo para as pessoas e o meio ambiente é demais mesmo”, avaliou.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Ela também se disponibiliza a ensinar a atividade e aceita a doação de óleo e gordura. Por isso os interessados podem entrar em contato através do telefone (96) 98119-2086.

É isso aí, dona Íbis!

Compartilhe o post com seus amigos!

  • Siga o Razões no Instagram aqui.
  • Inscreva-se em nosso canal no Youtube aqui.
  • Curta o Razões no Facebook aqui.
  • Envie sua história aqui.

Dona de casa coleta óleo e gordura para transformar em sabão no Macapá 2

Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
2,765,078SeguidoresSeguir
23,170SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Eles são os olhos, ouvidos e mãos dos paratletas. Quem são os chamadores, calheiros e guias

Boa parte das conquistas dos nossos paratletas no Parapan de Lima não seria possível sem a colaboração valiosa dos guias, chamadores ou Calheiros, dependendo da modalidade.

Produtor contratado para fazer vídeo de filme usa toda a verba para ajudar necessitados

Pra quem estiver lembrando, meses atrás um furacão passou pelas Filipinas e devastou lugarejos e cidades que, por serem habitações precárias e pobres, causaram uma grande tragédia. Na mesma...

Livros reúnem histórias que crianças com doenças graves querem contar ao mundo

Um pássaro que ficou amigo de peixes e, por isso, podia nadar, além de voar. Um dragão que cuspia fogo carregando gentileza. Uma data que desaparece...

Aposentados criam fábrica de brinquedos e doam a crianças carentes

A Toy Foundation, uma fábrica de brinquedos fundada e composta por aposentados na faixa dos 80 anos está trazendo alegria a crianças carentes nos...

Juíza que reconheceu amigo no tribunal o reencontra após prisão

A juíza Mindy Glazer ficou famosa em junho do ano passado quando reconheceu o colega de escola, Arthur Booth, durante um julgamento. Ele foi...

Instagram

Dona de casa coleta óleo e gordura para transformar em sabão no Macapá 4