Dona de restaurante distribui caldos de graça após perder tudo em incêndio

Após um incêndio destruir a cozinha do seu restaurante, a cozinheira Maria de Lourdes está distribuindo caldos de graça para a população carente de Teresina (PI).

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Na última segunda-feira (25), um botijão de gás recém-instalado entrou em combustão e as chamas se espalharam rapidamente pela cozinha do local.

“Estava cozinhando quando escutei um chiado na mangueira do botijão de gás. Ela já tinha soltado quando o entregador trocou mais cedo, mas ele disse que era só baixar a torneira, mas não resolveu. Foi um susto. O fogo foi muito alto pois havia dois botijões. O pessoal da loja ao lado ainda veio com o extintor, mas não tinha mais jeito”, disse.

Parte do teto do restaurante, que é alugado, cedeu.

dona restaurante incêndio distribui caldos

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Mesmo diante do prejuízo, a cozinheira decidiu distribuir gratuitamente copinhos com caldo de galinha para a população. Ela costuma vendê-los a R$ 2 para complementar a renda da família.

“Eu vendo caldo para ajudar na renda da minha família porque o restaurante não dá dinheiro. Criei meus filhos sozinha e sempre inventei algo para não deixar ninguém passar fome. Esses caldos que tô distribuindo são os que eu vendo, mas como aconteceu isso, estou dando como forma de ajudar o próximo. Acredito que herdei esse lado bom dos meus pais que sempre me ensinaram a dividir até mesmo um prato de comida”, disse Maria de Lourdes.

Ludmila Jádia, filha da cozinheira, conta que diariamente a mãe sai às oito horas da manhã para vender o caldo.

dona restaurante incêndio distribui caldos

“Ela batalha bastante, uma mulher de fibra que criou três filhos sozinha. Quando a gente não tinha restaurante, ela fazia faxina, quando não tinha lavava roupa, sempre batalhando para tentar formar a gente. Ela é uma pessoa muito bondosa”, disse Jádia.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

dona restaurante incêndio distribui caldos

O restaurante funcionou por um ano em um ponto alugado na Avenida Miguel Rosa com Valter Alencar, na zona Sul de Teresina. As filhas de Maria trabalhavam com a mãe.

Chorando, Maria conta que não faz ideia de como vai arcar com o prejuízo causado pelo incêndio.

dona restaurante incêndio distribui caldos

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

“Graças a Deus está todo mundo vivo. Agradeço a Deus por isso. Agora quem vai pagar nosso prejuízo? O restaurante já não dava dinheiro e era um meio de sobrevivência para mim e meus filhos. Hoje não vou ter como atender. Não sei como vou fazer. Agora é tocar a vida”, lamentou.

Mesmo em meio às dificuldades, Maria de Lourdes não deixou de ajudar a quem precisa. Esperamos que ela consiga superar essa tragédia com a ajuda das filhas e da sua comunidade.

Compartilhe o post com seus amigos!

  • Siga o Razões no Instagram aqui.
  • Inscreva-se em nosso canal no Youtube aqui.
  • Curta o Razões no Facebook aqui.
  • Envie sua história aqui.

Fonte: Cidade Verde/Fotos: Roberta Aline/Cidade Verde

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM


Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,505,556SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Outdoors viram moradias para moradores de rua na Eslováquia

A falta de moradia é uma complexa questão global, e encontrar soluções envolve a coordenação de diversas áreas e serviços. O Gregory Project visa proporcionar...

Adoção de pets dispara com pandemia de coronavírus e isolamento social

O número de adoções de animais de estimação nos Estados Unidos disparou por conta do isolamento causado pelo coronavírus. Um evento da ONG Lucky Dog...

Conheça a ONG Aldeias Infantis, que promove os direitos de crianças, adolescentes e jovens

Uma Organização sem fins lucrativos, de promoção ao desenvolvimento social que trabalha desde 1949, na defesa, garantia e promoção dos direitos de crianças, adolescentes...

Empresária arrecada mais de R$ 5 milhões para que famílias carentes não sejam despejadas

Durante a pandemia, a empresária Marjy Stagmeier fez uma vaquinha e arrecadou o equivalente a cerca de R$ 5,5 milhões para ajudar famílias carentes...

Costureira reforma bonecas do lixo e doa para crianças carentes em Cariacica (ES)

A Dona Francisca, ou Chiquita Costureira como é carinhosamente chamada no bairro de Santana, em Cariacica (ES), decidiu transformar o Natal de crianças carentes que adorariam...

Instagram