Dono de restaurante dirige 6 horas para preparar prato favorito de cliente com câncer terminal

Tudo começou quando Steve Chu, dono de um restaurante asiático em Baltimore (EUA), recebeu um e-mail inesperado. Era de Brandon Jones pedindo a receita do famoso tempurá de brócolis. Sua sogra tem câncer terminal e ama o prato, mas eles moram longe e pedir a receita parecia ser a única solução para matar a vontade da senhora.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Dono de restaurante asiático, Steve Chu dirige 6 horas para entregar prato favorito de cliente terminal
Foto: Brandon Jones

O que eles não imaginavam era que Chu se ofereceria para dirigir 6 horas até a casa da família, em Vermont, para que ele mesmo pudesse preparar o prato. “Obrigado por entrar em contato. Gostaríamos de conhecê-lo em Vermont e preparar um tempurá fresquinho para você”, disse o gentil chef.

Dono de restaurante asiático, Steve Chu dirige 6 horas para entregar prato favorito de cliente terminal. Na foto, genro e nora da senhora doente que ama o prato do estabelecimento
Brandon Jones e sua esposa. Foto: arquivo pessoal

Jones ficou pasmo, afinal, não é todo dia que nos deparamos com tanta gentileza, né?! “Eu respondi o e-mail dizendo: ‘Você sabe que estamos falando de Vermont, certo? É uma viagem de seis horas'”. Mas Chu respondeu: “Sem problemas. Diga-nos a data, hora e local e estaremos lá!”

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Dono de restaurante asiático, Steve Chu dirige 6 horas para entregar prato favorito de cliente terminal
Foto: Brandon Jones

Sempre que a sogra de Jones visitava Baltimore, o primeiro lugar que ela costumava ir era no Ekiben – restaurante de Chu -, para se deliciar com o delicioso tempurá. Cliente fiel de seu restaurante, o chef sentiu que seria hora de retribuir tamanha fidelidade.

Promessa é dívida!

E assim ele cumpriu sua promessa. No dia 12 de março, Chu carregou seu carro com uma chapa quente e um refrigerador cheio de ingredientes para a famosa receita e foi para Vermont com seu sócio, Ephrem Abebe.

chef dirige prato preferido cliente 3
Foto: Brandon Jones

Assim que chegaram, puxaram a porta da picape, ligaram a placa quente e começaram a cozinhar, para a alegria da sogra de Jones. “Ela estava radiante. Para mim, foi uma grande honra poder ajudar a cumprir os desejos da família. Teve muita energia boa e positiva em fazer isso”, disse o genro emocionado.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

A senhorinha mal podia acreditar em sentir o delicioso aroma de seu prato preferido! “Ela é uma senhora adorável, que nos encheu de amor em nosso restaurante por anos. Foi uma experiência poderosa e estou feliz por termos feito isso acontecer”, diz Chu 😍

Fonte: Majically


Cozinhar é um ato de amor e o ex-Masterchef Juneo que o diga!

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM


Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
4,265,903SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

A emocionante reação de uma menina ao ganhar o cãozinho de estimação

Ela não queria smartphone, tablet, nada disso. Como presente de aniversário ela queria um cãozinho, simples assim. Com certeza esse pequeno animal vai ensinar-lhe...

Dois irmãos desajeitados tentam fazer uma surpresa para a mãe

Carter e Cayden tentaram fazer um lindo café da manhã para sua mãe em homenagem ao dia delas. Bom, tentaram, um deles é bem...

Mapa da Felicidade: 24 floriculturas de SP para conhecer e incentivar o comércio local

A Primavera chegou no Razões e juntamente com Lancôme trazemos histórias de floriculturas de São Paulo que também receberão um kit da marca para...

Cristã e bem-humorada, influencer Patrícia Ramos promove autoestima e rompe estereótipos: ‘Deus te quer feliz, ri sim’

Patrícia Ramos é uma “cristã fora do padrão”. É o que diz muita gente quando vê seus vídeos pela primeira vez. Por ser divertida...

Reino Unido vai pedir perdão a homossexuais condenados por sua orientação sexual

O governo britânico emitiu um comunicado na quinta-feira (20) dizendo que vai perdoar pessoas condenadas pelo “crime” de serem homossexuais.

Instagram