Quebrando todas as barreiras, o doutor mais jovem do Brasil é negro e filho de pedreiro e costureira

Guilherme Lopes tem apenas 26 anos se tornou o doutor mais jovem do Brasil recentemente, quando teve a sua tese de doutorado em biotecnologia aprovada.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Guilherme sentado em seu consultório
Reprodução: Google

Só que Guilherme veio quebrando várias barreiras até chegar aqui!

Ele é de Piripiri, no Piauí e passou por cima de todas as adversidades sociais para conquistar o seu diploma.

Guilherme é filho de um pedreiro e de uma costureira e sempre sonhou com um destino melhor para ele e os pais.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Leia também: Ex-doméstica que estudou com livros retirados do lixo se forma em Direito

Ciências Sem Fronteira: uma super oportunidade

Guilherme conseguiu uma vaga para Biomedicina na Faculdade Maurício de Nassau, em Teresina, a partir da sua nota do ENEM.

Guilherme na faculdade Mauricio de Nassau
Reprodução: Google

Indo além, ele tentou vaga no projeto Ciências Sem Fronteiras. Guilherme foi chamado para uma pesquisa no Departamento de Farmacologia da Universidade de Sevilla, na Espanha.

E foi a partir daí que as oportunidades surgiram para o jovem doutor.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Ele então começou seu doutorado na UFPI e concluiu com a defesa de uma tese sobre o desenvolvimento de novos fitomedicamentos.

Guilherme em reunião
Reprodução: Google

Hoje Guilherme é professor da Faculdade Chrisfapi, em sua cidade natal. Ele dá aula para alunos dos cursos de Farmácia e Enfermagem.

[ASSISTA: Segundo episódio do programa do Razões para Acreditar: Era Só  O que Faltava!] 

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

 

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM



Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,092,098SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Empreendedor social mantém projeto há 15 anos e já ajudou mais de 3.000 pessoas

“Navegar é preciso, viver não é preciso” A frase acima, que segundo historiadores, data de aproximadamente milhares de anos, continua influenciando pessoas, além de ter ganhado...

Designer chinesa cria talheres de amido de milho inspirados em plantas

Que tal colocar em sua mesa talheres inspirados em plantas? E se eles forem, além de tudo, descartáveis, mas biodegradáveis? Esta é a ideia da...

Projeto ‘Achei um Livro’ estimula leitura ‘espalhando’ livros no interior de SP

Iniciativa já espalhou 200 livros em diferentes pontos de três cidades do interior de SP: Piracicaba, Rio das Pedras e Charqueada.

Professora paraplégica dá aulas em pé com cadeira especial e supera limite

Rosileia da Costa Borges, ou somente Léia como gosta de ser chamada, era professora e sempre foi cuidadosa ao dirigir. Quando certo dia, aos...

Com humanos em casa, animais selvagens estão ocupando ruas de cidades do mundo todo

As medidas de quarentena e distanciamento social reduziram o trânsito de mais de 3 bilhões de pessoas em cidades de todo o planeta. De forma...

Instagram

Quebrando todas as barreiras, o doutor mais jovem do Brasil é negro e filho de pedreiro e costureira 3