Drag queens leem para crianças em biblioteca de Nova York e ensinam sobre diversidade

Há pouco mais de um ano, a Biblioteca Pública do Brooklyn, em Nova York, realiza a Drag Queen Story Hour. O projeto convida drag queens para lerem histórias infantis que divertem e ensinam crianças de todas as idades, desde bebês até crianças do jardim de infância, uma vez por mês.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Criada pela escritora Michelle Tea e a Radar Productions, a iniciativa começou em São Francisco, em 2015, e depois se espalhou por outras cidades americanas, como Nova York, graças à repercussão positiva nas redes sociais.

“Eu vi no Facebook uma publicação sobre o projeto”, disse Rachel Aimee, coordenadora da Drag Queen Story Hour em Nova York, ao The New York Times. “E assim que eu vi disse: ‘Uau, é isso o que eu estava esperando’”.

@lilmisshotmess compares outfits with 2-year old Eva McInnes at the @bklynlibrary . . . #dragqueenstoryhour #dqsh #drag #dragqueen #dragqueens #instadrag #instagood #lgbt #lgbtq #lgbtqi #lgbtfamily #lgbtqfamily #community #nyc #nycdrag #nycqueen #instagood #queer #brooklyn #nyc #love #bkpride #lgbtpride

Uma publicação compartilhada por dragqueenstoryhour (@dragqueenstoryhour) em

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Desde agosto de 2016, o projeto, que é gratuito, atrai centenas de crianças, que aprendem sobre respeito à diversidade de forma lúdica e divertida, numa idade em que elas são abertas para o novo e que o preconceito não está enraizado como nos adultos.

“É incrível ensiná-los sobre autoaceitação de forma geral”, disse a drag queen Lil Miss Hot Mess sobre o projeto à Associated Press.

Harmonica Sunbeam with 3-year old twins Mimi & Alexander 0’Keeffe. . . . #lgbtqfamily #dragqueens #dragqueen #library #childrenarethefuture #drag #instadrag #lgbtq #lgbtqi #library #dragqueenstoryhour #dqsh #instadrag

Uma publicação compartilhada por dragqueenstoryhour (@dragqueenstoryhour) em

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Para os organizadores do projeto, a conexão entre as crianças e as drag queens é instantânea e natural, já que os pequenos adoram se fantasiar, sem precisar de um dia específico para dar asas à sua imaginação e sem qualquer tipo de constrangimento, como fazem as drag queens. Os pais também participam e aprendem tanto quanto os filhos.

“As crianças veem as drag queens como pessoas que estão fazendo a mesma coisa, expressando-se criativamente e se divertindo com isso. Além disso, as crianças têm uma compreensão de gênero muito mais fluida do que a maioria dos adultos”, afirmou Aimee.

Veja fotos da Drag Queen Story Hour em outras cidades americanas:

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Com informações do Daily Mail e The New York Times

fotos: reprodução Instagram/@dragqueenstoryhour

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM









Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
4,917,765SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Menino de 13 anos usa redes sociais para salvar negócio da família em BH

Um menino de 13 anos (isso mesmo, 13 anos!), ajudou a salvar o negócio do pai com uma boa dose de iniciativa. Ao ver...

Cachorra anda 3,2 km para fazer uma ‘visitinha’ à tutora no trabalho: ‘Estava com saudade’

No início deste mês, Liza Thayer, de Connecticut (EUA), recebeu uma ligação surpreendente do seu trabalho, suficiente para deixá-la sem reação. Liza trabalha como cuidadora...

A cada peça de roupa comprada, você ajuda uma criança pobre do mundo

Um dos grandes desafios da humanidade é garantir a todas as crianças direitos básicos, como educação, alimentação e moradia. O fato é que muitas...

Em meio à guerra, dono de abrigo se nega a deixar Ucrânia para cuidar de seus 450 animais acolhidos

Dez anos atrás, o italiano Andrea Cisternino, que vive em Kiev, na Ucrânia, criou um grande santuário onde vivem 450 animais, entre cães, gatos,...

Instagram

Drag queens leem para crianças em biblioteca de Nova York e ensinam sobre diversidade 3