Conheça o drone ‘ambulância’ que pode salvar vítimas de ataque cardíaco

Clique e ouça:

Estima-se que um drone voando a mais de 100 km/h poderia fornecer atendimento em apenas 1 minuto para vítimas de ataques cardíacos.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Muito além de prover belíssimas fotografias em casamentos, vídeos panorâmicos, os drones podem ser úteis para uma infinidade de outras aplicações, como transportar órgãos humanos em tempo recorde para transplante.

Em Ruanda, nação centro-oriental africana, uma empresa chamada Zipline já trabalha com a entrega aérea de bolsas de sangue e insumos médicos a partir de um centro de distribuição na capital, Kigali.

[Matéria continua depois do vídeo abaixo]

Convidamos cinco mulheres que enfrentaram o câncer de mama para falar sobre suas experiências. Mas elas não sabiam que, durante a gravação do vídeo, seriam surpreendidas. Nesta linda homenagem, as filhas presenteiam suas mães com um sutiã especial (para quem viveu o câncer) acompanhado por uma prótese externa, uma espécie de enchimento que encaixa na lingerie. Assista o vídeo e prepare o lencinho:

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Em apenas 30 minutos, os insumos são entregues aos seus destinos, como hospitais e clínicas, que não precisam mais esperar 4 horas por suprimentos que vinham antes pelo chão.

Conheça o drone 'ambulância' que pode salvar vítimas de ataque cardíaco

Na outra ponta do mundo, na Suécia, o Instituto Karolinska testa desde 2014 o protótipo de um drone que incorpora um desfibrilador portátil em sua estrutura para atendimentos médicos emergenciais em pessoas que sofreram um ataque cardíaco.

Leia tambémEm voo bem-sucedido, drone transporta rim a hospital e permite transplante nos EUA

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Segundo a entidade, uma ambulância leva aproximadamente 10 minutos para chegar até o indivíduo, enquanto o drone levaria cerca de 1 minuto, graças a uma rede de aeronaves que se deslocariam a 100 km/h acima do chão, garantindo ajuda em tempo recorde.

Conheça o drone 'ambulância' que pode salvar vítimas de ataque cardíaco

Na prática, o tempo de atendimento seria reduzido em dez vezes, garantindo grande eficiência e uma maior possibilidade de sobrevivência do indivíduo atingido.

Segundo o idealizador dos drones suecos, o ganho de eficiência aumentaria as chances de sobrevivência de uma pessoa infartada em até 80%.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Leia tambémDrone inteligente e do bem: ele consegue plantar 1 bilhão de árvores em 1 ano

Compartilhe o post com seus amigos!

  • Siga o Razões no Instagram aqui.
  • Inscreva-se em nosso canal no Youtube aqui.
  • Curta o Razões no Facebook aqui.

Fonte: Update or Die!
Fotos: Reprodução/YouTube TU Delft

Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,079,445FãsCurtir
2,422,376SeguidoresSeguir
20,882SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Após humilhação, motoboy ganha mais de R$190 mil em vaquinha, moto nova e é contratado por agência de marketing

Em menos de 24 horas, batemos a meta da vaquinha na VOAA para ajudar o motoboy Matheus a dar a volta por cima, depois...

Sogro anda de mãos dadas com genro para ajudá-lo a superar medo de sair na rua com o namorado

Fran guarda algumas memórias ruins de um passado recente, quando ele sofreu preconceito por ser homossexual. O jovem foi agredido fisicamente, além de ter passado...

Confeiteira é humilhada por cobrar taxa de entrega de R$2 e recebe apoio de internautas

A confeiteira Ângela Oliveira foi humilhada por uma cliente que se recusou a pagar a taxa de entrega do seu bolo de pote. Na troca...

Vaquinha para motoboy humilhado bate mais de R$100 mil em menos de 24h

Todo mundo acordou ontem precisando engolir a seco a história do Matheus Pires, de Valinho (SP). Vivemos em um país onde ainda há muita indiferença...

Homem raspa cabelo da namorada com alopecia, depois o seu também e ela não aguenta a emoção

Quando a gente escuta que amar não tem limites, a gente fala de gestos como o de Damien! Ele namora Eva Barilaro e, recentemente, os...

Instagram

Conheça o drone 'ambulância' que pode salvar vítimas de ataque cardíaco 13