Início Tecnologia Conheça o drone 'ambulância' que pode salvar vítimas de ataque cardíaco

Conheça o drone ‘ambulância’ que pode salvar vítimas de ataque cardíaco

Estima-se que um drone voando a mais de 100 km/h poderia fornecer atendimento em apenas 1 minuto para vítimas de ataques cardíacos.

Muito além de prover belíssimas fotografias em casamentos, vídeos panorâmicos, os drones podem ser úteis para uma infinidade de outras aplicações, como transportar órgãos humanos em tempo recorde para transplante.

Em Ruanda, nação centro-oriental africana, uma empresa chamada Zipline já trabalha com a entrega aérea de bolsas de sangue e insumos médicos a partir de um centro de distribuição na capital, Kigali.

[Matéria continua depois do vídeo abaixo]

Convidamos cinco mulheres que enfrentaram o câncer de mama para falar sobre suas experiências. Mas elas não sabiam que, durante a gravação do vídeo, seriam surpreendidas. Nesta linda homenagem, as filhas presenteiam suas mães com um sutiã especial (para quem viveu o câncer) acompanhado por uma prótese externa, uma espécie de enchimento que encaixa na lingerie. Assista o vídeo e prepare o lencinho:

Em apenas 30 minutos, os insumos são entregues aos seus destinos, como hospitais e clínicas, que não precisam mais esperar 4 horas por suprimentos que vinham antes pelo chão.

Conheça o drone 'ambulância' que pode salvar vítimas de ataque cardíaco

Na outra ponta do mundo, na Suécia, o Instituto Karolinska testa desde 2014 o protótipo de um drone que incorpora um desfibrilador portátil em sua estrutura para atendimentos médicos emergenciais em pessoas que sofreram um ataque cardíaco.

Leia tambémEm voo bem-sucedido, drone transporta rim a hospital e permite transplante nos EUA

Segundo a entidade, uma ambulância leva aproximadamente 10 minutos para chegar até o indivíduo, enquanto o drone levaria cerca de 1 minuto, graças a uma rede de aeronaves que se deslocariam a 100 km/h acima do chão, garantindo ajuda em tempo recorde.

Conheça o drone 'ambulância' que pode salvar vítimas de ataque cardíaco

Na prática, o tempo de atendimento seria reduzido em dez vezes, garantindo grande eficiência e uma maior possibilidade de sobrevivência do indivíduo atingido.

Segundo o idealizador dos drones suecos, o ganho de eficiência aumentaria as chances de sobrevivência de uma pessoa infartada em até 80%.

Leia tambémDrone inteligente e do bem: ele consegue plantar 1 bilhão de árvores em 1 ano

Compartilhe o post com seus amigos!

  • Siga o Razões no Instagram aqui.
  • Inscreva-se em nosso canal no Youtube aqui.
  • Curta o Razões no Facebook aqui.

Fonte: Update or Die!
Fotos: Reprodução/YouTube TU Delft

Relacionados

Quer receber boas notícias todas as manhãs?

980,196FãsCurtir
1,669,942SeguidoresSeguir
8,188SeguidoresSeguir
10,900InscritosInscrever

+ Lidas

Médico faz desenhos em curativos de crianças após cirurgias

O cirurgião pediátrico Robert Parry sempre tira um momento após uma cirurgia para garantir que uma cicatriz não seja a única lembrança duradoura do...

Vizinhos cuidam da lavoura de família que busca tratamento para filhas

Essa é uma daquelas histórias para encher o nosso coração de esperança nesse início de ano. Mais de 100 pessoas fizeram um mutirão para...

Fotógrafo capta momento em que esquilo cheira flor amarela e imagem viraliza

As fotos foram publicadas no Instagram e Facebook há quase dois meses, mas só agora viralizaram na internet.

Mãe pede pizza só para ver o filho entregar no primeiro dia de trabalho

Lindo gesto de amor da mãe para incentivar o filho no novo trabalho!

Aluno usa dinheiro que ganhou de aniversário para pagar ida de amigo a excursão

Um gesto de amizade envolvendo dois estudantes da escola Francisco Murilo Pinto em Bragança Paulista (SP) tem comovido milhares de pessoas na internet.

Instagram