Brasileira de 15 anos é a única mulher a faturar ouro em olimpíada de matemática na China

"A prova foi de um nível muito elevado, mas eu me esforcei, me dediquei e cheguei lá", comemora a estudante.


Brasileira única mulher ouro olimpíada matemática China
PUBLICIDADE ANUNCIE

A estudante Adrieny Teixeira faturou a disputada medalha de ouro da World Mathematics Team Championship, a principal olimpíada de Matemática do planeta, cuja edição deste ano foi realizada na China.

E não para por aí: Adrieny brilha ainda mais por ter sido a única mulher a conquistar a medalha mais nobre da competição, com o detalhe de que tem apenas 15 anos de idade, competindo em uma categoria avançada (para alunos de até 20 anos).

A jovem cursa o 9º ano, no Colégio Pedro II, unidade Centro, e mora em Vicente de Carvalho, Zona Norte do Rio.

Em sua primeira viagem internacional, Adrieny precisou ser remanejada para participar da olimpíada: por ter completado 15 anos há apenas dois meses, teve que competir junto com estudantes do ensino médio, já que a competição dividia os competidores por idade, e não por série escolar.

Além da carioca, todos os dezoito alunos das unidades Centro e São Cristóvão do Colégio Pedro II que participaram também foram premiados.

Brasileira única mulher ouro olimpíada matemática China
Os estudantes do Colégio Pedro II que participaram da World Mathematics Team Championship (WMTC) desembarcam no Aeroporto RioGaleão e são recebidos pelos familiares e amigos. Foto: Guilherme Pinto/Agência O Globo

Única mulher medalhista de ouro na Olimpíada Internacional de Matemática

Levou um tempo para cair a ficha, afinal, a jovem conquistou sua medalha de ouro há longínquos 16 mil quilômetros de casa. Ao desembarcar no Aeroporto Internacional Tom Jobim (Galeão) na terça-feira (26), abraçou a mãe e se emocionou com o reencontro.

Leia tambémBrasil conquista o 1º lugar em olimpíada de astronomia e astronáutica

“A prova foi de um nível muito elevado, mas eu me esforcei, me dediquei e cheguei lá. Eu consegui um bom resultado, meus amigos também, então a gente trouxe um bom resultado para o Brasil”, afirmou Adrieny.

PUBLICIDADE ANUNCIE
Brasileira única mulher ouro olimpíada matemática China
Adrieny é a única mulher a faturar uma medalha de ouro na Olimpíada Internacional de Matemática, na China. Foto: Guilherme Pinto/Agência O Globo

A equipe brasileira retornou com uma medalha de ouro, três pratas, sete bronzes e sete menções honrosas.

A World Mathematics Team Championship contou com 1.100 estudantes do Brasil, China, Austrália, Filipinas, Malásia e Bulgária, sendo 164 brasileiros de 11 estados, acompanhados de 60 professores.

Brasileira única mulher ouro olimpíada matemática China
Foto: Guilherme Pinto/Agência O Globo

Ir à China não foi uma tarefa fácil: sem verbas ou patrocínios, os estudantes precisaram correr atrás do dinheiro para viajarem.

Leia também: Brasileiros levam 2 medalhas na Olimpíada Internacional de Linguística

Eles fizeram diversas campanhas de financiamento coletivo, vaquinhas e venderam palhas italianas, brigadeiros e bolos, sempre na companhia dos pais. Só a vaquinha virtual levantou R$ 14.845.

O treinador de vôlei Bernardinho doou uma camisa assinada por ele para os meninos fazerem uma rifa. Outra maneira  de conseguir o dinheiro foi dar aulas particulares de Matemática a colegas de classe.

Compartilhe o post com seus amigos!

  • Siga o Razões no Instagram aqui.
  • Inscreva-se em nosso canal no Youtube aqui.
  • Curta o Razões no Facebook aqui.
  • Envie sua história aqui.

Fonte: O Globo

PUBLICIDADE ANUNCIE


PUBLICIDADE ANUNCIE

Comentários no Facebook

Acessar

Resetar senha

Voltar para
Acessar