Brasileira de 16 anos vai para a Academia de Voo da NASA


Estudante brasileira de 16 anos é aceita na Academia de Voo da NASA
PUBLICIDADE ANUNCIE

A brasileira Lara Campos, 16 anos, ganhou uma bolsa de estudos para participar de um programa na Academia Nacional de Voo Americana.

A estudante do Colégio Pedro II, no Rio de Janeiro, uma escola federal que tem parceria com a ONG Junior Achievement, vai passar seis dias a bordo do maior simulador de porta-aviões do mundo, na sede da Nasa, na Flórida, EUA.

A estudante conta que a primeira reação foi contar para os amigos nas redes sociais. Em seguida, tremendo de emoção e pulando de felicidade, ligou para a mãe. “Alô, mãe? Vou para a Nasa! Eu passei!”, disse.

Enquanto respondia as perguntas da mãe, Lara afirma que passou um filme na cabeça dela. “Lembrei de todos os degraus que tive que subir para conquistar essa oportunidade. Não, não foi fácil, mas também foi muito prazeroso perceber que todo o esforço valeu a pena”, contou.

Conheça a história da Liliane: mulher, negra, periférica, que conseguiu uma vaga em uma das faculdades mais renomadas do mundo e criou uma vaquinha para custear os estudos, saiba como ajudá-la aqui.

Estudante brasileira de 16 anos é aceita na Academia de Voo da NASA

PUBLICIDADE ANUNCIE

Todos os jovens que participam dos programas aplicados pela ONG Junior Achievement, explica, são convidados a integrar o Nexa (Núcleo de Ex-Achievers). “É uma turma que quer continuar em contato com o empreendedorismo. E eu, claro, aceitei”, relata. Em março deste ano, a jovem trabalhou como staff em um evento da Nasa promovido pela ONG.

Ao todo, nove estudantes brasileiros foram selecionados, sendo três do Rio de Janeiro. Apesar de ter boa parte dos custos cobertos pela bolsa, como alimentação e hospedagem, as passagens aéreas devem ser pagas pelos estudantes. Assim, o grupo decidiu se unir e fazer uma vaquinha virtual. O objetivo é arrecadar R$ 25 mil.

Leia também:

Você conhece o VOAA? VOAA significa vaquinha online com amor e afeto. E é do Razões! Se existe uma história triste, lutamos para transformar em final feliz. Acesse e nos ajude a mudar histórias.

Fonte: Revista Glamour/Fotos: Reprodução/Glamour

PUBLICIDADE ANUNCIE


PUBLICIDADE ANUNCIE

Comentários no Facebook

Acessar

Resetar senha

Voltar para
Acessar