Jovens criam aplicativo infantil para desenvolver o raciocínio lógico das crianças

O aplicativo criado pelos jovens reúne jogos bem divertidos de raciocínio lógico, para que a criançada aprenda se divertindo! O projeto surgiu quando uma das idealizadoras quis ajudar o irmão mais novo a treinar matemática lógica.


Jovens criam aplicativo infantil para desenvolver o raciocínio lógico das crianças

Sabemos muito bem que os jogos de raciocínio lógico são ótimos para exercitarmos o cérebro e melhorar a nossa memória, certo? Quem nunca foi até uma banca de jornal comprar os famosos caderninhos de caça-palavras ou os de desafios do Sudoku, não é mesmo?

Mas, os tempos são outros, e identificando a necessidade da garotada de também exercitar a mente, que a recém-formada em Análise e Desenvolvimento de Sistemas, Larissa Bastos, 22 anos, juntamente com o colega e estudante de Ciências da Computação, Anderson Sampaio, 28 anos, e o professor de Lógica de Programação e Banco de Dados, Márcio Soussa, do Centro Universitário Jorge Amado de Salvador (BA) criou o aplicativo Logicamente, fruto do projeto universitário nomeado de Games Bahia.

Meu irmão mais novo estava com muitas dificuldades em matemática lógica e sentia que essas necessidades não eram totalmente supridas na escola, e como ele era viciado em jogos, juntei as peças e pensei que poderia ajudar não somente a ele, mas muitas crianças de forma divertida, sabe?”, relatou Larissa.

Então, em 2017, nascia o aplicativo Logicamente! Ele reúne 5 jogos de raciocínio lógico: Torre de Hanói, Desafios de Lógica, Genius, Matematiks e Sudoku. Apesar do público-alvo ser o infantil, o aplicativo é feito para todas as idades.

print do aplicativo Logicamente
Foto: Reprodução/Aplicativo Logicamente

prints do aplicativo Logicamente
Foto: Reprodução/Aplicativo Logicamente

Criação do novo game educativo: Barriga D'água

Com o sucesso do Logicamente, que desde o lançamento, já bateu mais de 11 mil downloads, inclusive, downloads de pessoas de diversos países (ele pode selecionar a língua para jogar, português ou inglês), a universidade pediu que o grupo Games Bahia desenvolvesse um jogo que auxiliasse as crianças sobre os problemas causados pela doença esquistossomose, que ainda hoje em dia assola milhares de pessoas em todo o Brasil.

Prints do aplicativo Barriga D'água
Foto: Reprodução/Aplicativo Barriga D'água

Prints do aplicativo Barriga D'água
Foto: Reprodução/Aplicativo Barriga D'água

Prints do aplicativo Barriga D'água
Foto: Reprodução/Aplicativo Barriga D'água

“Daí surgiu o segundo jogo, o "Barriga D'água", que também traz informação de grande importância de forma divertida, já que contamos a história do personagem Zequinha. Para esse projeto, tivemos o envolvimento além de Anderson e de Márcio, de duas pessoas da área de saúde, o estudante Antônio Santos e a professora Lídia”, afirmou.

Valorização de jogos independentes brasileiros

Larissa relatou que o apoio da universidade foi essencial para que o projeto desse certo, mas que sente falta de uma valorização maior dos jogos independentes brasileiros.

“Existem tantos jogos fantásticos sendo desenvolvidos aqui, sinto falta do incentivo de empresários, governo e demais investidores. No nosso caso, o interesse é puramente filantrópico, mas existe uma série de detalhes envolvidos na construção de um jogo, para a construção de um game com visão lucrativa, é praticamente impossível, infelizmente”, disse.

Pessoas que se importam: ideias que merecem ser premiadas!

Acreditamos no poder de transformação da tecnologia na vida das pessoas, e acreditando junto com a gente, a Intel se uniu ao Razões na criação do projeto Pessoas que se Importam, com o intuito de mostrar a vocês ideias e ações que fazem da tecnologia um instrumento de mudanças!

Selecionamos quatro projetos que receberão da Intel uma mentoria completa para que suas ferramentas continue impactado a vida das pessoas!

E para que esses grandes idealizadores consigam aprimorar suas ideias, a Intel premiou os selecionados com um computador turbinado!! Porque pessoas que se importam merecem uma tecnologia que foi desenvolvida por pessoas que também se importam. QUE DEMAIS, não é mesmo?!

Esta semana foi a vez da Larissa de receber a notícia e o próprio prêmio. Ela fez uma linda publicação agradecendo a gente <3

"Eu não sei nem o que dizer sobre o quão inacreditável foi esse presente 😍 Gostaria de agradecer imensamente à toda a equipe do @razoesparaacreditar e todos os demais envolvidos nesse projeto maravilhoso!" 💙

 

Ver essa foto no Instagram

 

Uma publicação compartilhada por Games Bahia (@gamesbahia) em

Ambos os jogos estão disponíveis na PlayStore: LogicamenteBarriga D'água. Baixe o seu!

Em parceria com a Intel, selecionamos histórias e projetos que utilizam a tecnologia com um único propósito: o de mudar, ajudar e transformar vidas! Acesse todas as matérias aqui.



Comentários no Facebook

Acessar

Resetar senha

Voltar para
Acessar