Mãe faz filho se desculpar e levar flores para coleguinha após empurrão


Mãe faz filho se desculpar e levar flores para coleguinha após empurrão 1
PUBLICIDADE ANUNCIE

A mãe do pequeno Diogo, de apenas quatro anos, deu uma aula sobre como educar o filho para que ele não cresça e se torne um homem machista.

20160706103153qNcDF6XkMr

Tavane Carvalho soube do empurrão que o filho deu na coleguinha Isabelle quando ela foi buscá-lo na escola, na última quinta-feira (30). Ao invés de pedir licença para passar, ele empurrou a menina.

Ela conta que deixou o filho de castigo no quarto, permitindo somente ir ao banheiro, por algumas horas, para que ele pensasse no que tinha feito e aprendesse com seu erro.

Mas, Tavane fez mais: no dia seguinte, ela voltou a falar com Diogo sobre o assunto e teve a ideia de mandá-lo para escola com um vaso de flores e um pedido de desculpas para a coleguinha.

PUBLICIDADE ANUNCIE

Ela publicou no seu perfil no Facebook a foto do menino segurando o vaso com violetas e explicou: “Depois de muita conversa, castigo ontem, hoje foi o dia de levar flores para a coleguinha que ele empurrou ontem na escola. #naosebateemmulher #sóflores #sócarinho #vaiserumprincipe #nãoéfácil”.

A professora de Diogo contou para Tavane que o menino pediu desculpas e ofereceu as flores para a menina. Sem esboçar muita reação, ela aceitou o pedido de desculpas e retribuiu o abraço oferecido por ele depois que foi autorizada pela própria mãe, que estava ao seu lado no momento.

“Quando peguei ele na escola, eu perguntei se ele foi desculpado, ele disse que sim e que não iria mais repetir o erro. Agora é esperar que nunca aconteça mesmo”, finaliza Tavane.

[Nota da Redação]

Projeto abre vagas para pessoas com mais de 50 anos voltarem ao mercado de trabalho. Assista o vídeo:

Crédito: Reprodução Facebook

PUBLICIDADE ANUNCIE


PUBLICIDADE ANUNCIE

Comentários no Facebook

Acessar

Resetar senha

Voltar para
Acessar