fbpx

Paul Walker era muito mais que o “bonitão de Velozes e Furiosos”


PUBLICIDADE ANUNCIE

Aos 40 anos, o ator Paul Walker morreu em um acidente de carro. Foi uma tragédia ver alguém novo e em ascenção partir assim de forma tão trágica.

Nunca mais a franquia “Velozes e Furiosos” seria a mesma, se é que ainda vão continuá-la.

O artista não ganhou Oscar, não foi aclamado pela crítica como a próxima grande descoberta cinematográfica, mas ainda assim era difícil achar alguém que não simpatizasse com o moço.

Não é à toa não. Sabia que o galã dos filmes de ação era formado em biologia marinha? Sabia que ele fundou a ONG Reach Out WorldWide para ajudar pessoas afetadas por catástrofes naturais?

Apesar de ter sua própria ONG, ele ainda ajudava outras instituições que protegem animais e a Cruz Vermelha.

E tem mais:

Ajuda depois do terremoto no Chile

Depois dos terremotos chilenos em 2010, ele viajou para a área para ajudar:

“Eu tenho um monte de amigos que surfam e viajam aqui pro Chile”.

Amigo dos tubarões

Como um formado em biologia marinha, Paul fez uma parceria com o canal National Geographic para uma expedição que pesquisou sobre a vida do Grande Tubarão Branco em 2009.

Haiti

Logo após a fundação da ROWW, Walker e sua equipe decolaram para o Haiti em 2010. Junto com amigos e voluntários, ele ajudou na compra e distribuição de alimentos para os desabrigados, e em outras diversas necessidades que a população passou, ele esteve presente.

Tornado de Oklahoma

A ONG implantou equipes em Oklahoma, na Primavera de 2013 após tornados devastarem a paisagem e deixar muitos sem casas. Isto foi na mesma semana que estreiou “Velozes e Furiosos 6”, em que Walker foi o protagonista. Paul fez uma campanha com seus fãs no Facebook, oferecendo uma doação para os esforços de ajuda para cada pessoa que postasse uma foto de seu bilhete de cinema com #Fast6.

Se unindo por Dalton

Em março deste ano, Walker postou uma série de tweets para ajudar a aumentar a consciência sobre um jovem com uma doença terminal chamado Dalton Andrews.

Leia também: Keanu Reeves: O ator mais caridoso da história

O vídeo abaixo mostra um pouco dos dois anos de fundação da ONG de Paul Walker:

Algumas frases que Paul Walker disse em entrevistas:

“Sabe, tudo o que realmente importa é que as pessoas que você ama estão felizes e saudáveis​​. Todo o resto é apenas confete de sorvete”.

“Surfar me acalma. Sempre foi uma espécie de experiência zen pra mim. O oceano é tão magnífico, pacífico e incrível. O resto do mundo desaparece pra mim quando eu estou em uma onda”.

“Eu sou um sonhador. E a vida é muito curta”.

PUBLICIDADE ANUNCIE

1487755_603459233035266_921448967_o-1024x682 20131204-paul-walker-natureza 20131204-paul-walker-tyrese-gibson-615x351 20131204-velozes-familia 20131204-vin-diesel-paul-walker 20131204-vindieselpaulwalker-615x429 131206121741-paul-walker-humanitarian-ron-00011513-story-top rs_800x437-131220070726-walker

Sim, perdemos um ator belo, divertido, mas perdemos um ser humano daqueles que o mundo precisa aos montes.

PUBLICIDADE ANUNCIE

PUBLICIDADE ANUNCIE

Comentários no Facebook

Acessar

Resetar senha

Voltar para
Acessar