Projeto com jovens em cumprimento de medida socioeducativa é finalista em premiação internacional


Projeto com jovens em cumprimento de medida socioeducativa é finalista em premiação internacional
PUBLICIDADE ANUNCIE

O Programa Jovem Sustentável (PJS) Aprendiz, projeto da Fundação Alphaville, ganhou reconhecimento na categoria “Investimento Social Privado e Comunidades Sustentáveis” na 4ª edição do Prêmio Transformadores, que aconteceu durante o XI Fórum Internacional da RedEAmérica, em Salvador.

O Programa Jovem Sustentável Aprendiz que chegou entre os finalistas deste ano é realizado em Senador Canedo, município de Goiás, e tem como objetivo a redução da violência a partir da ressocialização de jovens em cumprimento de medida socioeducativa.

A iniciativa busca promover a transformação de valores destes adolescentes, estimulando o protagonismo, resgatando sua cidadania, além de possibilitar a inclusão no mercado de trabalho.

Projeto com jovens em cumprimento de medida socioeducativa é finalista em premiação internacional

Leia tambémMétodo criado por gaúcho beneficia 2,1 mil jovens empreendedores de periferias em todo o país

Em prática desde 2015, o projeto conta com a parceria do Ministério Público de Goiás, Prefeitura Municipal, Poder Judiciário, já formou três turmas e, ao todo, 42 alunos tiveram a oportunidade de desenvolver novas habilidades e transformar suas vidas.

A Diretora Executiva da Fundação Alphaville, Fernanda Toledo, comenta o resultado da premiação e o futuro do projeto. “O Prêmio Transformadores reúne projetos sociais de alto nível em 14 países da América Latina e do Caribe e estamos satisfeitos pela colocação que tivemos com o Programa Jovem Sustentável Aprendiz. A iniciativa já conquistou outros prêmios a nível nacional e este reconhecimento reforça o sucesso da nossa ação e os impactos positivos que ela gera para o território”, diz.

Sobre o Prêmio Transformadores

PUBLICIDADE ANUNCIE

O Prêmio Transformadores da América Latina, promovido pela RedEAmérica, tem como objetivo destacar e elogiar experiências inovadoras, inspiradoras e marcantes na promoção de comunidades sustentáveis com uma abordagem básica de desenvolvimento.

Dividido em duas categorias: Investimento Social Privado e Comunidades Sustentáveis e Empresas e Comunidades Sustentáveis, a quarta versão do Prêmio recebeu mais de 92 inscrições de 13 países da região e pela primeira vez foi aberto a experiências de empresas e fundações não integrantes da RedEAmérica.

Projeto com jovens em cumprimento de medida socioeducativa é finalista em premiação internacional

Sobre a RedEAmérica

A RedEAmérica é uma rede de empresas e fundações referência no conhecimento e articulação de práticas, composta por mais de 80 organizações de origem empresarial de 14 países da América Latina e Caribe.

Seu papel é conectar os que possuem em comum o interesse de gerar comunidades sustentáveis, dar-lhes ferramentas de aprendizagem, facilitar sua interação e tornar visíveis seus esforços, para que cada uma das entidades que fazem parte da rede possa aproveitar o conhecimento das demais, e, juntas, construir as estratégias que precisam para realizar comunidades sustentáveis.

Leia tambémProjeto capacita jovens com deficiência para atuar no mercado de pets

Compartilhe o post com seus amigos!

  • Siga o Razões no Instagram aqui.
  • Inscreva-se em nosso canal no Youtube aqui.
  • Curta o Razões no Facebook aqui.
PUBLICIDADE ANUNCIE


PUBLICIDADE ANUNCIE

Comentários no Facebook

Acessar

Resetar senha

Voltar para
Acessar