Educadora usa horta como método de ensino (e ganha atenção dos alunos mais difíceis da escola)

Por Jéssica Miwa

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Ava Bynum tem 23 anos de idade e é diretora do programa Hudson Valley Seed, que ensina ciência, matemática e outras matérias da regular grade curricular por meio de uma horta, cultivada na própria escola em que leciona. Mais de 1.500 alunos são beneficiados pelo programa, que conseguiu a atenção até dos estudantes “mais difíceis”, diagnosticados comdéficit de atenção.

Moradora da cidade de Philipstown, no estado de Nova York, a educadora colocou os planos de entrar na faculdade um pouco de lado para trabalhar em algo que acreditava realmente fazer diferença na vida das crianças – que, de quebra, ainda aprendem sobre culinária, jardinagem e cooperação.

E mais: além do aprendizado, os alunos acabam se interessando pelos legumes e vegetais que ajudam a cultivar. Com isso, cresce também a vontade de comer alimentos saudáveis,orgânicos e produzidos localmente. Em um país onde a obesidade é um problema tão grave, trata-se de um ganho e tanto!

Assista, abaixo, ao vídeo da iniciativa.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Matéria originalmente publicada aqui.

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM



Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,644,941SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Menino de 6 anos anda pela 1ª vez e a alegria dele é tudo o que você precisa ver hoje

Graças à fisioterapia, ele não depende mais da cadeira de rodas para desbravar o mundo.

Mauricio de Sousa aparece de surpresa em aula de escola pública por menino autista

Mauricio de Sousa apareceu de surpresa em uma aula online para crianças de uma escola pública de São Paulo. A criançada amou, especialmente o...

Gestante surda faz ultrassom com ajuda de tradução em Libras

Uma gestante deficiente auditiva fez ultrassom com tradução em Libras (Língua Brasileira de Sinais) e 'descobriu' o sexo da criança.

Após repercussão, menino que faz crochê para ajudar mãe com paralisia recebe pedidos até de Portugal

Orgulho da mãe, André, 15 anos, cuida de Luciane, que teve paralisia infantil e não consegue arrumar emprego.

Nigeriano de 12 anos cria fórmula matemática que simplifica estudo da Divisão

A descoberta permite mostrar rapidamente se um número inteiro é divisível por sete.

Instagram