Array

Ela viu na reciclagem a chance para mudar de vida: conheça a história da Katinha (SP)

“Hoje, com a reciclagem, consegui comprar a minha casa”. Conheça a história da nossa querida Kátia Regiane, de São Paulo (SP), que há 12 anos trabalha no ramo da reciclagem e viu neste mercado a oportunidade para crescer.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

A Kátia, conhecida carinhosamente como Katinha, é uma das dezenas de pessoas que tiveram suas vidas “recicladas” com o Programa Reciclo PepsiCo, que vem tornando cooperativas de reciclagem da Zona Sul de São Paulo verdadeiras geradoras de emprego.

O programa capacita os cooperados, que se tornam empreendedores e, consequentemente, geram oportunidades para pessoas como a Kátia, que não conseguia emprego por conta do preconceito com a sua altura, vocês acreditam?!

“Todas as portas se fechavam por causa da minha altura. Eu nem sabia o que era uma cooperativa na época, mas enfrentei o desafio e estou aqui até hoje”, diz toda orgulhosa.

catadora recicláveis depoimento cooperativa
Katinha comprou sua casa com o dinheiro da reciclagem. Foto: Reprodução

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Com a capacitação do programa, ela percebeu como era importante a separação correta dos resíduos e como isso beneficiaria não somente o meio ambiente, mas também ela, como profissional do ramo, e a própria cooperativa.

“Aqui foi o lugar que me abriu as portas. Para mim, tudo era plástico, a mesma coisa. Com o tempo eu fui aprendendo a importância de separar nosso material”, afirmou Katinha, que até hoje trabalha na Coopercaps Rede Sul.

“Nosso propósito é reciclar vidas”

A Coopercaps Rede Sul foi criada com o propósito de reciclar vidas de pessoas como a Kátia, excluídas da sociedade. Com o Programa Reciclo PepsiCo, a cooperativa recicla não só o lixo, mas também vidas, e muitas!

“Aqui reintegramos essas pessoas à sociedade, elas acreditam na gente”, disse Telines Brasílio, presidente da cooperativa.

presidente cooperativa reciclagem depoimento
“O principal pra nós é reciclar vidas!” Foto: Reprodução

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Embalagens 100% recicláveis até 2025

O Programa Reciclo PepsiCo promove a redução de resíduos dos processos produtivos por meio da reutilização e a reciclagem de matérias primas, o que fomenta o aumento da produtividade e a responsabilidade compartilhada entre fabricantes, comerciantes e consumidores na busca de uma solução conjunta para a questão da reciclagem no Brasil.

“A PepsiCo compartilha a preocupação de que plásticos e outros resíduos estão se acumulando no ambiente marinho e em terra, e é por isso que estamos comprometidos em alcançar 100% de embalagens recicláveis, compostáveis ou biodegradáveis até 2025.”

Que demais, não é mesmo?! Confira abaixo o vídeo que fizemos contando um pouco mais sobre a Katinha e o programa. Vaai, Planetaa! 🙂

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM



Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,646,211SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Paciente toca violino durante cirurgia no cérebro para retirada de tumor

Uma paciente ficou acordada durante uma cirurgia de retirada de um tumor no cérebro tocando seu violino, permitindo assim que os médicos pudessem verificar,...

[VÍDEO] Desconhecida paga compras para mãe com filho pequeno sem dinheiro no caixa

Um vídeo de uma americana ajudando uma desconhecida na fila de um mercado viralizou nas redes sociais! Na gravação, é possível ver a mulher...

Gêmeas celebram 100 anos com ensaio apaixonante e cheio de vida em Ibiraçu

As irmãs gêmeas Maria e Paulina completam 100 anos no próximo dia 24.

Professor adapta lousa em caminhão para levar educação a alunos de comunidades remotas

Desde o início da pandemia, escolas e universidades do mundo todo precisaram se adaptar, afinal, a educação não pode parar nunca! No entanto, o...

Garoto de 11 anos dá exemplo ao escrever carta para o primeiro-ministro australiano após vetar Casamento Gay

A carta já começa desta forma: “Meu nome é Orlando Burcham, tenho 11 anos e eu gostaria de saber por que você não permitiu...

Instagram