Em prol da redução do desperdício, ONU lança concurso nas escolas

Cerca de um terço de todos os alimentos produzidos no mundo é perdido ou desperdiçado nos sistemas de produção e consumo de alimentos. Quase metade dessa quantia é gerada por varejistas e consumidores em regiões industrializadas, descartando alimentos que estão aptos para o consumo. Isso equivale a mais 1,3 bilhões de toneladas de alimentos, equivalente a aproximadamente US$ 1 trilhão, o suficiente para alimentar a cerca de 870 milhões pessoas que estão passando fome a cada dia.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

E foi pensando neste problema que a UNEP (ou PNUMA no Brasil), United Nations Environment Programme, decidiu criar e lançar no dia 17 de setembro deste ano o Desafio de Estudantes Think.Eat.Save. Fazendo com que alunos do ensino médio e avançado do mundo todo concorram por prêmios de milhares de dólares.

desafio-estudantes-2

Este desafio procura incentivar os alunos a descobrir e entender, através da criação e implementação de projetos, quanto desperdício de alimento eles produzem e o impacto que tem sobre o ambiente e a economia. A idéia é espalhar a autoconsciência sobre os resíduos de alimentos, com o objetivo de capacitar a próxima geração a pensar diferente e agir para superar o assustador e crescente problema de desperdício de alimentos.

“Esperamos encorajar uma atitude mais consciente em relação a comida, planejamento, preparação, armazenamento e consumo nas escolas como nós tentamos construir na sua compreensão de onde vem sua comida e seu valor inerente,” disse Lucita Jasmin, Gerente de campanha, UNEP.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

“Os alunos também são um ponto de entrada eficaz para suas famílias e lares, que também são outra importante fonte de desperdício de alimentos e onde há uma grande oportunidade para uma mudança positiva,” acrescentou.

Para concorrer, os alunos ou as escolas devem se inscrever no programa e apresentar um projeto que:

  • Investigue o quanto a escola desperdiça de comida anualmente e aponte as principais causas do desperdício ou
  • Tome medidas para eliminar ou reduzir o desperdício de comida na escola ou
  • Sensibilize a escola e/ou a Comunidade sobre a questão do desperdício de alimentos e por que o desperdício deveria ser eliminado.

desafio-estudantes-3

O prazo para se inscrever e apresentar o projeto é até o dia 16 de novembro por meio do site do desafio. Os projetos devem ser apresentados em inglês, espanhol, francês, chinês, árabe ou russo. As três melhores idéias vão ganhar respectivamente, US$ 5 mil para o primeiro lugar, US$ 3 mil para o segundo lugar e US$ 2mil para o terceiro lugar e os vencedores serão anunciados no dia 15 de dezembro.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM




Em prol da redução do desperdício, ONU lança concurso nas escolas 4

Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
4,971,659SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Cafeteria inclusiva reabre após um ano e funcionários comemoram: ‘Enfim de volta ao trabalho’

Após vários meses de incerteza devido à pandemia de Covid-19, a primeira cafeteria inclusiva de Concepción, na Argentina, reabriu suas portas ao público e...

Polícia do Paraná desmonta “rinha” de pitbull no interior de São Paulo

Os cães que sobreviveram receberão todo o atendimento médico necessário e, depois de castrados e adestrados, irão para a adoção.

Menina de 4 anos ensina sobre respeito com toda sua doçura em música

Não pode odiar o amiguinho que pensa diferente, né, Mariane?

Senhor de 91 anos com câncer já costurou mais de 8 mil gorros para desabrigados

Enquanto luta contra o câncer de pele, Morrie Boogaart, um senhor de 91 anos, faz gorros para moradores de rua. Ele já confeccionou mais de...

Vovó de 75 anos com Parkinson começa a lutar boxe para diminuir os sintomas da doença

"Meu médico disse um dia que era proibido ficar parada", explica a vovó Nancy Van Der Stracten, da Turquia. Diagnosticada com Parkinson há cerca...

Instagram

Em prol da redução do desperdício, ONU lança concurso nas escolas 5