Empregada doméstica paga IPTU de creche em Gravataí (RS)

A empregada doméstica Roseli Teresinha Meinerz comemorou recentemente seu aniversário de 50 anos e, na festa, pediu aos convidados doações para pagar o IPTU de uma creche.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Moradora de Gravataí (RS), Roseli ficou sensibilizada ao descobrir que a Escola de Educação Infantil Cantinho Feliz, que atende crianças entre 3 e 5 anos, em sua maioria de famílias de baixa renda, poderia fechar as portas.

A escolinha é a única alternativa para os pais que precisam trabalhar o dia todo e necessitam de alguém para cuidar dos filhos. Como não cobra mensalidade, ela conta com o apoio vital da comunidade para se manter e oferecer quatro refeições por dia para os pequenos.

Empregada doméstica paga IPTU de creche comunitária

Segundo a diretora da Cantinho Feliz, Margareth Borges, o custo é alto, mas a escolinha mantém pedagogo, nutricionista e todos os profissionais exigidos para dar a melhor educação aos alunos.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Leia também: Sandra Annenberg pagou cursinho pré-vestibular para filho de sua empregada doméstica

No ano passado, a instituição atendeu 52 alunos. Alguns já se formaram na educação básica e devem ingressar no Ensino Fundamental, enquanto outros devem chegar.

Empregada doméstica paga IPTU de creche comunitária

Margareth estima entre 40 e 50 novas crianças no ano letivo que começa em fevereiro. Mas manter as contas em dia é bastante complicado. “Estávamos com o IPTU atrasado, íamos para o terceiro ano sem conseguir pagar”, relata.

Assim, o pagamento do IPTU atrasado foi essencial para assegurar que as crianças poderão contar com a escola neste ano.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Empregada doméstica paga IPTU de creche comunitária

Ao lado de amigos e familiares, Roseli conseguiu juntar R$ 3.500 para quitar a dívida. Ao descobrir mais R$ 600 de juros e multas por atrasos, a empregada doméstica tirou do próprio bolso o restante para complementar.

Ela afirma que fez tudo ‘de bom grado’ e que não fez nada ‘para aparecer’. “Quero apenas incentivar outras pessoas a tomarem ações como essa”, concluiu.

Veja como foi a formatura de 2019 da escolinha:

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Leia também: Ex-empregada doméstica ‘enfrenta’ o tráfico e alimenta 230 crianças todos os dias em favela de SP

Compartilhe o post com seus amigos!

  • Siga o Razões no Instagram aqui.
  • Inscreva-se em nosso canal no Youtube aqui.
  • Curta o Razões no Facebook aqui.

Fonte: Giro de Gravataí/Fotos: Lúcio Motta/Reprodução

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM



Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
2,835,148SeguidoresSeguir
24,725SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Professor cego e cadeirante inspira alunos com sua história

Professor formado em pedagogia, Osvaldo Fernando Moreira, de 29 anos, foi vítima de uma rara doença degenerativa que lhe tirou a visão e parte...

Gal Gadot apoia menino com tiara e mochila da Mulher-Maravilha

Vivendo a Mulher-Maravilha nas telonas, a atriz Gal Gadot defendeu um menino que gosta de ir para a escola com a mochila e a tiara de sua personagem.

Sem-tetos de Londres fazem registros incríveis da capital inglesa

No mês de julho deste ano, o Café Art deu aos sem-tetos de Londres uma oportunidade para que eles expressassem sua visão da ürbe. O...

Após publicar vídeo racista, estudante de Direito é demitido e proibido de ver aulas

Durante a manhã desta terça-feira, 30 de outubro, centenas de estudantes da UPM, Universidade Presbiteriana Mackenzie, em São Paulo, se manifestaram repudiando veementemente às...

Em campanha por geração sem Aids, marca cria uma “orquestra” de bebês

A (RED) é uma organização que batalha por uma geração livre da AIDS. Ela faz isso através de parcerias com grandes marcas que fazem...

Instagram

Empregada doméstica paga IPTU de creche em Gravataí (RS) 3