Em SP, empresa acaba com cargos de chefia e ganha em produtividade

Já não é de hoje que muitas empresas estão inovando e criando coisas diferentes, que antes até seriam consideradas fúteis, mas elas têm relação direta com o rendimento e a qualidade de vida de seus funcionários. Um grande exemplo de como as mudanças podem e são positivas é a empresa Verte, localizada na Vila Olímpia. Até pouco tempo atrás, essa era mais uma empresa comum, com CEO, diretor e etc…

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Desde 2016 a empresa adotou um sistema de gestão compartilhada, onde existem três núcleos: o orientativo (onde estão os profissionais mais graduados), o executivo (equivalente ao nível de analista num sistema tradicional) e o de apoio (onde estão assistentes e auxiliares).

Resumidamente, nesta empresa não existem chefes, já que a ideia é que cada um possui a sua importância e assim a empresa acaba funcionando de forma mais orgânica e circular. Se antes a empresa tinha aquela estrutura tradicional, com várias mesas e salas apertadas, hoje o escritório é todo aberto, com mesas conjuntas e sem lugar marcado. Cada um pode trabalhar de onde quiser.

Quando a liberdade é maior, o rendimento também é. A dona da empresa e responsável pelo projeto é Sandra Rossi e ela afirma que desde que houve a mudança, os projetos passaram a ser avaliados em 100% pelos clientes e todas as decisões são tomadas em conjunto.

No começo os funcionários se assustaram um pouco com a mudança, mas isso é normal, pois todo mundo tem medo do desconhecido. Mas Leandro Gandra, que está na empresa há mais de 10 anos e tinha um cargo de diretoria antes da mudança, afirma que agora a empresa é muito mais preocupada com a gestão das pessoas que trabalham lá e que isso é extremamente importante para a felicidade dos funcionários e o bom funcionamento das coisas.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

As férias por exemplo, são os próprios funcionários que decidem entre eles quem vai tirar férias quando e assim, todo mundo fica feliz. O que fez a empresa adotar esse novo modelo? Quando eles viram que os funcionários estavam desmotivados e infelizes.

Felizmente, o mundo está cada vez mais propenso a adotar um sistema diferente de trabalho, consumo e vida em conjunto, mais democrático e que seja bom para todo mundo. Quem não gostaria de trabalhar em uma empresa assim?

Com informações de Exame

Fotos: Rafael Rupsel/Verte/Divulgação

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM









Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
4,917,765SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Mesmo sendo afastado do trabalho, guarda se recusa a matar dois filhotes de ursos

Um agente de conservação ambiental no Canadá foi suspenso do seu emprego após se recusar a matar dois filhotes de ursos órfãos. A mãe...

Mochileiro ajuda casal de turistas que foi assaltado no RJ e dá lição de empatia

Lico e Lari são um casal de mochileiros que amam fazer trekking (caminhar em trilhas em meio a montanhas e florestas) e que já...

Motorista de ônibus encontra passageira pelo Facebook e devolve troco

Em um post do Facebook, o motorista de ônibus Eder de Oliveira procura uma passageira que esqueceu de pegar o troco da passagem. Nilza...

Bailarino de 10 anos é selecionado para dançar na Disney e ganha vaquinha para viajar a Orlando

Mesmo com sua pouca idade, para seguir seu sonho na dança, Vinícius lutou contra muito preconceito, até mesmo dentro de casa. 😭 De uma cidade...

Suíça cria chocolate com ervas medicinais capaz de combater cólicas menstruais

As mulheres têm vários motivos para se queixar das cólicas menstruais. As cólicas causam fortes dores na região inferior do abdômen e podem passar para...

Instagram

Em SP, empresa acaba com cargos de chefia e ganha em produtividade 4