Em SP, empresa acaba com cargos de chefia e ganha em produtividade

Já não é de hoje que muitas empresas estão inovando e criando coisas diferentes, que antes até seriam consideradas fúteis, mas elas têm relação direta com o rendimento e a qualidade de vida de seus funcionários. Um grande exemplo de como as mudanças podem e são positivas é a empresa Verte, localizada na Vila Olímpia. Até pouco tempo atrás, essa era mais uma empresa comum, com CEO, diretor e etc…

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Desde 2016 a empresa adotou um sistema de gestão compartilhada, onde existem três núcleos: o orientativo (onde estão os profissionais mais graduados), o executivo (equivalente ao nível de analista num sistema tradicional) e o de apoio (onde estão assistentes e auxiliares).

Resumidamente, nesta empresa não existem chefes, já que a ideia é que cada um possui a sua importância e assim a empresa acaba funcionando de forma mais orgânica e circular. Se antes a empresa tinha aquela estrutura tradicional, com várias mesas e salas apertadas, hoje o escritório é todo aberto, com mesas conjuntas e sem lugar marcado. Cada um pode trabalhar de onde quiser.

Quando a liberdade é maior, o rendimento também é. A dona da empresa e responsável pelo projeto é Sandra Rossi e ela afirma que desde que houve a mudança, os projetos passaram a ser avaliados em 100% pelos clientes e todas as decisões são tomadas em conjunto.

No começo os funcionários se assustaram um pouco com a mudança, mas isso é normal, pois todo mundo tem medo do desconhecido. Mas Leandro Gandra, que está na empresa há mais de 10 anos e tinha um cargo de diretoria antes da mudança, afirma que agora a empresa é muito mais preocupada com a gestão das pessoas que trabalham lá e que isso é extremamente importante para a felicidade dos funcionários e o bom funcionamento das coisas.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

As férias por exemplo, são os próprios funcionários que decidem entre eles quem vai tirar férias quando e assim, todo mundo fica feliz. O que fez a empresa adotar esse novo modelo? Quando eles viram que os funcionários estavam desmotivados e infelizes.

Felizmente, o mundo está cada vez mais propenso a adotar um sistema diferente de trabalho, consumo e vida em conjunto, mais democrático e que seja bom para todo mundo. Quem não gostaria de trabalhar em uma empresa assim?

Com informações de Exame

Fotos: Rafael Rupsel/Verte/Divulgação

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM


Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,413,626SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Menino pinta incríveis retratos de animais para alimentar cães e gatos de abrigo

Pavel Abramov, que mora em Arzamas, na Rússia, pinta incríveis e caprichados retratos de animais. Em seguida, os vende ou os troca por ração para alimentar cães e gatos de um abrigo.

Eletricista chamado para trocar lâmpada em casa de idosa faz reforma de graça em imóvel

John Kinney trabalha como eletricista em Massachusetts (EUA) e foi chamado para trocar uma lâmpada na casa da Gloria Scott, uma idosa de 72...

2 anos depois de perder sua mulher para o câncer, homem recria fotos do casamento com sua filha pequena

Quando um ente querido morre, muitas vezes usamos fotografias como uma forma de manter a memória da pessoa viva. Uma família de Ohio deu...

Filha de diarista passa em medicina na UFRN: ‘Pessoa mais determinada que já conheci’

A família de Raíssa Nascimento, 21 anos, vive um sonho desde que a filha foi aprovada no curso de Medicina da Universidade Federal do...

Designer chinesa cria talheres de amido de milho inspirados em plantas

Que tal colocar em sua mesa talheres inspirados em plantas? E se eles forem, além de tudo, descartáveis, mas biodegradáveis? Esta é a ideia da...

Instagram