Empresa oferece serviços de reparos domésticos para mulheres e LGBTs

Quem é mulher sabe a insegurança que bate quando precisa solicitar um reparo ou reforma em casa. O medo do assédio é enorme e muitas mulheres acabam resolvendo o problema sozinhas, com a ajuda de uma amiga ou mesmo adiando um conserto para não ter que passar por nenhum tipo de constrangimento.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Foi pensando nessa demanda que a técnica de edificações, Priscila, Vaiciunas, criou em 2015 a Manas à Obra, uma empresa que presta vários serviços de “Mana de Aluguel”, para um público específico: mulheres e LGBTs.

A empresa oferece serviços de pintura, carpintaria, elétricos, fixação de pisos e azulejos. Além de projetos arquitetônicos e de energia solar com a missão de assegurar a integridade física, moral, social e psicológica para o público alvo. “Essa é a máxima que resume todo o meu trabalho, empenho e dedicação pela empresa”, enfatiza Priscila.

Empresa oferece serviços de reparos domésticos para mulheres e LGBTs
Foto: Divulgação

Leia também: Curso gratuito de programação é oferecido para mulheres em São Paulo

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

As clientes chegam por indicações ou através das redes sociais. Para solicitar orçamento, é necessário preencher um formulário de serviços no site da empresa. Após o preenchimento e envio do formulário, é feita uma triagem conforme ordem de chegada e agendada a execução do serviço.

Empresa oferece serviços de reparos domésticos para mulheres e LGBTs
Foto: Divulgação

A equipe é formada majoritariamente por mulheres e também LGBTs. Todos são capacitados e a cliente pode escolher se quer ser atendido exclusivamente por profissionais do sexo feminino. Todos os profissionais são certificados e os serviços possuem garantia de três meses.

Você pode acessar o site do Manas à Obra aqui e o Instagram aqui.

Leia também: Juíza celebra casamento homoafetivo com bandeira LGBT e bolo para noivas

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Compartilhe o post com seus amigos!

  • Siga o Razões no Instagram aqui.
  • Inscreva-se em nosso canal no Youtube aqui.
  • Curta o Razões no Facebook aqui.
  • Envie sua história aqui.

Com informações da Assessoria

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM


Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,777,821SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Motorista dá caminhão de brinquedo para crianças que sempre cumprimentam ele na rua

Três vezes por semana, os pequenos Jordan e Jaxson vão para a varanda de casa, na Geórgia (EUA), esperar o caminhão de coleta de...

Como dizer “Eu te amo” em 100 idiomas

Está rolando um vídeo na web muito bacana, onde um site chamado memrise, que mostra como se diz "Eu te amo" em 100 idiomas. O mais...

Cansei de ler notícias ruins e resolvi construir minhas próprias notícias boas

Há aproximadamente dois anos perdi meu emprego, o país estava em crise econômica e política e tudo era muito assustador,  minha “timeline” estava repleta...

Jessie J interrompe show para ler carta de fã e não consegue segurar emoção

O vídeo de um show da cantora britânica Jessie J em Manila, Filipinas, lendo a carta de um fã agradecendo à artista por ajudá-lo...

Globeleza veste roupas típicas e traz diversas representações do carnaval e folclore do país

Em tempos de grandes criticas à apropriação cultural pela publicidade, temos uma “apropriação importante”, que sai do carnaval para gringo ver e traz uma iconografia folclórica, diversa, que mostra como o Brasil é muito maior, mais abrangente e mais rico do que a chamada Globeleza.

Instagram