Empresária resgata bebê abandonada em sacola e decide adotar criança em Campo Grande (MS)

Uma empresária de Campo Grande (MS) resgatou uma bebê recém-nascida abandonada em uma sacola e agora quer adotar a criança. Kely Zerial, 37 anos, já acionou advogado, preparou a documentação, entrou com pedido de guarda, na expectativa de poder chamar a menina de filha. O mais curioso é que Kelly já havia iniciado tratamento com um embriologista para realizar o sonho de ser mãe

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

“Já encaminhei as documentações com advogado e já estamos fazendo o procedimento para adotá-la. Na segunda-feira, teremos alguma devolutiva da Justiça”, disse. “Externei minha vontade em adotá-la. O que senti naquele dia foi algo especial, muito forte e maternal, mexeu comigo. Não tem como descrever o que senti de sexta pra ontem [sábado]. Foi o dia todo de correria entre posto de saúde, hospital e polícia, só parei à noite”, completou a empresária.

bebê abandonada sacola plástico
Bebê foi abandonada em sacola plástica. Foto: Fala Povo, Mídia Max

Resgate da bebê

Foi tudo muito rápido, conta a empresária. Entre 8h e 10h da manhã de sexta, ela estava em casa, quando percebeu a inquietação dos cachorros: latiam muito! Depois, Kelly ouviu uma pancada no portão. Pegou as chaves e foi verificar o que estava acontecendo.

No caminho, o interfone tocou e Kelly voltou para atender. Era uma vizinha alertando sobre a sacola com um bebê deixada na entrada de sua casa. “Fiquei em choque, com o corpo mole, por uns momentos sem reação. Eu vi que tinha muito sangue, e comecei a verificar se ela estava bem. Fui olhando os dedinhos e os pezinhos”, lembra. 

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

A empresária acredita que a genitora tinha acabado de dar a luz, já que a criança estava suja de sangue e ainda com o cordão umbilical. Ela limpou a bebê e esperou o Conselho Tutelar e a polícia chegarem.

A criança foi transferida de um posto de saúde para um Hospital Universitário. As informações são de que a menina está saudável e sob os cuidados de um abrigo. Agora, Kelly aguarda os trâmites judiciais torcendo para um final feliz. 

Mãe biológica não deve ser julgada, defende empresária

Apesar do abandono, Kelly diz que a genitora da criança não deve ser julgada de forma precipitada, antes de ser ouvida. “Ninguém sabe o que aconteceu com esta mulher, ninguém sabe o desespero dela. Ninguém sabe se foi vítima de abuso, se foi estuprada, se é alguma adolescente. Sabemos que ela certamente estava desamparada, em situação de vulnerabilidade”.

Em vez de julgar, vamos torcer para que Kelly consiga adotar a bebê!

Conheça a história de quatro mulheres que revolucionaram seus destinos, decidiram empreender em momentos de dificuldade e voaram alto!

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Fonte: MIDIAMAX

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM


Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,429,587SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Jason Momoa, o Aquaman, faz videochamada com seu maior fã que luta contra o câncer

Danny é um garotinho de Massachusetts (EUA), completamente apaixonado pelo Aquaman. Foi depois de ver vídeo dele super feliz porque ganhou um boneco do...

Cachorro com tumor que entrou sozinho em clínica veterinária no Ceará faz sua 1ª quimioterapia e passa bem

Lembra do cachorro com tumor que entrou sozinho numa clínica veterinária? Temos boas novas! O cãozinho, que foi encaminhado imediatamente para tratamento após a...

Bilhete de avó para neto ensina sobre amar acima do tempo

O tempo voa e leva junto oportunidades que não voltam mais.

Hospital Badim: Médicos criam corrente solidária para socorrer feridos no incêndio

Diversos médicos atenderam ao apelo dos colegas do Hospital Badim, na Tijuca (RJ), atingido por um incêndio no final da tarde desta quinta-feira (12).

Instagram