Enfermeira salva vida de bebê que sofreu maus tratos, descobre que ela tem irmã gêmea e adota as duas

Ninguém entra em nossas vidas ao acaso e foi exatamente isso o que aconteceu com as gêmeas Delilah e Caroline, que tiveram a sorte de encontrar a enfermeira Jess Hamm em seus caminhos. Jess trabalhava em um hospital infantil, O Wolfson Children’s Hospital in Jacksonville, na Florida – EUA, quando conheceu a pequena Delilah, que estava internada na unidade intensiva, quase morrendo, devido a traumas e abusos.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Ela contou ao canal Action News Jax que foi amor à primeira vista e que com apenas 14 meses de vida ela estava com vários ossos quebrados, uma séria fratura craniana, desnutrida e não conseguia sentar nem segurar nada em suas pequenas mãozinhas, tamanha a sua fraqueza: Ela estava tão sem vida, mas ainda segurava meu dedo. Na mesma hora eu pensei em levá-la pra casa”.

Leia também: Com posto de saúde fechado, médico atende seus pacientes na calçada

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Foi então que ela entrou em contato com o Departamento de Crianças e Famílias da Flórida para dar início ao processo de adoção e descobriu que ela tinha uma irmã gêmea – Caroline, que também estava no hospital, já que sofreu maus tratos, assim como sua irmã: Elas passaram por tantas coisas e são crianças completamente diferentes. Se você as conhecesse quando eu as conheci, você ficaria surpreso”.

A enfermeira não somente ajudou as meninas em relação à saúde, transformando as duas crianças fracas e desnutridas em garotinhas saudáveis e fortes, mas também no processo de acolhimento, amor e carinho, tão essencial para qualquer ser humano, principalmente duas crianças tão pequenas. Ela diz que com sua história, quer inspirar as pessoas, incentivando-as a adotar, dando todo o amor que as crianças precisam receber.

Assista a reportagem feita pela rede de televisão americana Action News Jax:

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Com informações de Love What Matters

Fotos: Action News Jax

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM


Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,411,289SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Este presídio no Uruguai deu liberdade, trabalho, liberou o uso de celular e reduziu o número de guardas

Os prisioneiros se comprometem com seus próprios negócios, circulam livremente e têm o seu próprio programa de rádio.

Hortas comunitárias em Maringá transformam a vida dos moradores da cidade

Já faz algum tempo que nós, seres humanos, estamos estabelecendo novos significados para nossa relação com os alimentos, das comidas que compramos e com...

Garoto que sofreu bullying no 1º dia de aula é acolhido por veteranos

Cale Wrenn, 14 anos, sofreu bullying no seu primeiro dia de aula na nova escola. Mas logo ele foi acolhido pelos veteranos do ensino médio: "Foi muito bom saber que existem pessoas que se importam".

Jovem abre a Downlicia e se torna influencer com vídeos de receitas super divertidos

Gabriel Bernardes de Lima, de 24 anos, tem feito sucesso pelas redes sociais com seus vídeos de receita. Ele tem síndrome de Down e,...

Garoto refugiado conforta cadela atropelada na Turquia até a ajuda chegar

Mais do que merecida a medalha pela sua atitude heroica!

Instagram