Ensaio fotográfico mostra que crianças nascidas do estupro são belas e merecem respeito

A fotógrafa Patricia Willocq criou a série fictícia “Look at me I am beautiful” (“Me olhe, eu sou bonita”, em tradução livre), a forma que ela encontrou para contar a história de Esther, uma menina nascida de um estupro.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

As imagens se passam em Goma, na República Democrática do Congo, local com grande índice de crimes de violência sexual por causa da guerra.

Esses atos devastaram a vida de muitas mulheres e crianças, mas iniciativas como essa da Patricia buscam mostrar que essas crianças são lindas como qualquer outra e merecem nosso amor e respeito e também para ajudar mulheres violentadas que escolheram ter seus filhos, mesmo apesar da brutalidade sofrida, a se empoderarem.

Através das fotos e da personagem Esther, podemos acompanhar todos os passos da vida da menina, desde o seu nascimento até a velhice.

Mas tem algo nas fotos que é bem real: todas as crianças que aparecem nas imagens nasceram de estupros.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Confira as fotos aqui:

esther1

esther2

esther3

esther4

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

esther5

esther6

esther7

esther8

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

esther9

esther10

esther11

esther12

esther13

Fonte: Hypeness

Quer ver a sua pauta aqui? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

MARCAS QUE NOS APOIAM


Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,056,852SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Bate meta da vaquinha para levar água limpa para aldeia no Acre

Com a construção de um poço, as famílias da aldeia Novo Natal, da etnia Kaxinawá, receberão água encanada em suas casas!

Pai publicitário reúne diálogos divertidos dos filhos pequenos

Quem tem filho, ou sobrinho, ou filho de amigo, enfim, sabe o quanto é prazeroso acompanhar o crescimento de uma criança, e talvez uma...

Menino de apenas 12 anos entra na universidade no México

O menino Carlos Santamaría, 12 anos, começou as aulas do curso de Física Biomédica da Universidade Nacional Autônoma do México (UNAM) esta semana.

Elas são gêmeas, possuem tons de pele diferentes e mostram que a natureza é perfeita e diversa

A natureza é diversa e perfeita. Ainda bem que não existe ninguém exatamente igual a qualquer outra pessoa. O mundo seria muito sem graça...

Esposa de cantor prova que “o amor cura” após assumir recuperação do marido que sofreu acidente

Bruna fez questão de tirar o marido Ricardo Anthony do hospital para que ele fosse cuidado por ela em casa. Sua recuperação tem sido incrível em poucos dias.

Instagram

Ensaio fotográfico mostra que crianças nascidas do estupro são belas e merecem respeito 2