Ensaio fotográfico mostra que crianças nascidas do estupro são belas e merecem respeito

Clique e ouça:

A fotógrafa Patricia Willocq criou a série fictícia “Look at me I am beautiful” (“Me olhe, eu sou bonita”, em tradução livre), a forma que ela encontrou para contar a história de Esther, uma menina nascida de um estupro.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

As imagens se passam em Goma, na República Democrática do Congo, local com grande índice de crimes de violência sexual por causa da guerra.

Esses atos devastaram a vida de muitas mulheres e crianças, mas iniciativas como essa da Patricia buscam mostrar que essas crianças são lindas como qualquer outra e merecem nosso amor e respeito e também para ajudar mulheres violentadas que escolheram ter seus filhos, mesmo apesar da brutalidade sofrida, a se empoderarem.

Através das fotos e da personagem Esther, podemos acompanhar todos os passos da vida da menina, desde o seu nascimento até a velhice.

Mas tem algo nas fotos que é bem real: todas as crianças que aparecem nas imagens nasceram de estupros.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Confira as fotos aqui:

esther1

esther2

esther3

esther4

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

esther5

esther6

esther7

esther8

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

esther9

esther10

esther11

esther12

esther13

Fonte: Hypeness

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM


Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,026,486FãsCurtir
2,191,217SeguidoresSeguir
11,972SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Brasileira voluntária da 2ª Guerra Mundial é hoje voluntária na luta contra o Coronavírus

A dona Blandina era adolescente quando confeccionou luvas para os soldados brasileiros da FEB (Força Expedicionária Brasileira) que lutaram na 2ª Guerra Mundial. Lá se...

Jovens antecipam casamento após saber que um deles tem apenas 5 meses de vida

Se você, assim como eu, se acabou de chorar vendo "Um amor para recordar" lá em 2002, se prepare: essa história é real, e...

Policiais unem-se a manifestantes em ato contra racismo e violência, nos EUA

É preciso tomar muito cuidado com generalizações, afinal, a profissão e a raça de uma pessoa não podem a definir. E para provar isso, diversos...

Engenheiro cria próteses gratuitas para pessoas carentes em impressora 3D

Aos 24 anos, o engenheiro industrial Guillermo Martinez decidiu usar todo seu conhecimento e criatividade em prol das pessoas carentes. Depois de comprar uma...

Pela primeira vez o Solstício de verão de Stonehenge será transmitido online

Pela primeira vez na história poderemos acompanhar o solstício de verão de Stonehenge online, o evento marca o dia mais longo do ano e...

Instagram