A escola criada na fazenda de uma família que se transformou em referência de ensino e inclusão

O amor é capaz de educar, ensinar e acolher. O amor não enxerga barreiras, limitações,
nem mesmo porteiras e mata-burros! Essa é a verdade que Silvana Patrícia de Vasconcelos passou para Iara e Eduardo, os Caçadores de Bons Exemplos.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Foto: banco de dados do projeto e Caçadores de Bons Exemplos

 

 

 

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

A fundadora e responsável pela Escola Rural Maria Teixeira, em Luziânia (GO), transformou junto com sua família e amigos a chácara de lazer familiar em um espaço de transformação social por meio do amor e da educação.

“São 25 anos de história de dedicação à comunidade rural da região, às crianças, aos jovens, adultos e idosos que não tiveram a oportunidade de estudar. Ali, ao mesmo tempo que se tem espaço para todos, não importando condições físicas ou mentais, cada um é único. Cada jeito de ensinar é especial e particular”, afirmam Iara e Eduardo.

Em busca de alunos

Quando tudo começou, as crianças eram procuradas na redondeza. De porta em porta, de
casa em casa, eles andavam procurando por quem não conhecesse uma escola e assim
foram construindo um lugar seguro para eles.

“Na época as escolas eram muito mais distantes do que hoje e havia crianças especiais em casa, sem estudar, principalmente na nossa região, que é rural. Então, fomos literalmente de fazenda em fazenda procurando crianças sem escola. Para nossa surpresa, as pessoas nos atenderam. Encontramos muitas crianças especiais, que chamamos para estudar conosco. E elas vieram”, afirma Silvana.

Cacadores de Bons Exemplos e Escola Maria Teixeira
Foto: banco de dados do projeto e Caçadores de Bons Exemplos

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Hoje, com mais de 250 alunos e 19 turmas, o local atende desde crianças com dois meses de vida até idosos, já que também oferece alfabetização de adultos. A Escola Maria Teixeira recebe crianças autistas, surdas, cegas, alunos com paralisia cerebral e com deficiência física.

“Oferecemos várias modalidades de atendimento e buscamos desenvolver diferentes tipos
de atividades de acordo com a necessidade de cada um. E quando eu olho para tudo o que
foi construído e tantas vidas que passaram por aqui, só consigo me sentir profundamente
agradecida pela oportunidade de sonhar que seria possível uma escola assim, que acolhe a
todos da mesma forma amorosa. Em breve serão três décadas de possibilidades de melhorar como ser humano e isso não tem preço”, sonha Silvana, com os olhos cheios de
amor.

Quer ajudar o projeto e saber mais? Acesse:
Site: Escola Maria Teixeira
Instagram: Escola Maria Teixeira
Facebook: Escola Maria Teixeira

FOTO DE CAPA: banco de dados do projeto e Caçadores de Bons Exemplos

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM


Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,491,052SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Cantora é transformada pelo Photoshop durante clipe pra criticar padrões de beleza impostos pela mídia

O vídeo da cantora húngara Boggie se tornou recentemente uma poderosa mostra sobre a verdade do que o mercado artístico tem obrigado mulheres a se...

Criança fica hospitalizada após comer marmita envenenada e família recebe ajuda e muito apoio de internautas

Fabinho tem 11 anos e era uma criança extremamente ativa e feliz! Brincava, pulava e vivia bem com o seu pai Flávio, que cria...

Pai amoroso faz com que sua filha gótica se sinta em casa num comovente comercial

Este vídeo é um comercial viral da Hornbach, uma loja alemã de móveis e equipamentos para casa com o conceito DYI (Do It Yourself ),...

Ex-detento apresenta TCC para juíza que lhe deu a oportunidade de estudar

"Nem sempre se tem ideia do quanto é gratificante fazer justiça, abrindo caminhos e oportunizando a ressocialização”, disse a juíza Denise Helena Schild, titular...

Irmãos filipinos criam lâmpada que precisam apenas de água salgada para funcionar

Além do mais, como as Filipinas são cercadas por água salgada, há uma fonte quase ilimitada de energia para manter as lâmpadas iluminadas ao longo da sua vida útil, prevista em seis meses.

Instagram