Escola para mulheres transgêneros na Indonésia quebra padrões religiosos

Conhecidas na Indonésia como waria (uma combinação das palavras “homem” e “mulher” no idioma local), as mulheres trans têm muitas dificuldades para praticar sua fé e estudar o Islã.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

A primeira sala islâmica, no mundo, para mulheres transgêneros foi fundada na cidade de Yogyakarta, em 2008, após a cidade ter sido atingida por um terremoto. Sem lugares onde pudessem fazer suas orações, a diretora da escola, Shinta Ratri, 53 anos, e outras mulheres trans criaram o centro, atrás de uma mesquita.

O grupo de estudos conta com 40 pessoas e um fato chama atenção: a maioria das mulheres trans são mais velhas do que as de outros grupos. Grande parte delas não teve acesso à educação islâmica tradicional por terem sido expulsas de casa ainda muito novas.

O objetivo da escola é fazer com que a marginalização social dessas mulheres tenha um fim e que elas sejam aceitas pelos outros muçulmanos, embora a maior organização muçulmana do país, a Nahdlatul Ulama, e outras lideranças muçulmanas progressistas já tenham demonstrado apoio aos seus esforços.

via [Diário da Manhã]

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM



Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,022,016FãsCurtir
2,165,102SeguidoresSeguir
11,577SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Batismo de bebê conta com bençãos de familiares católicos, espíritas, evangélicos e umbandistas

Quando completou três meses de vida, o pequeno Iago recebeu as bençãos de sua família, cada qual à sua maneira: uma avó é católica,...

Jovens e agricultores se unem e abrem bibliotecas na zona rural da Paraíba

Eu já estou apaixonado por essa história antes mesmo de começar a contar pra vocês. Esse é um exemplo de que a união entre...

Com 4 filhos pequenos, dona de casa abandonada por marido recebe apoio de internautas

A jovem mamãe Andreza Santos Araújo, 23 anos, mora e cria sozinha seus quatro filhos pequenos em Várzea Grande, Mato Grosso. Desde que o...

Universitário de 92 anos se adapta à tecnologia e nos dá uma linda lição de resiliência e otimismo

Não existe idade certa para realizarmos nossos sonhos e o universitário Carlos Augusto Manço, que entrou na faculdade aos 90 anos, é um dos...

Supermercado mobiliza internautas e encontra cliente que perdeu R$ 840 dentro da loja

O seu João foi fazer compras no supermercado Rei da Economia, em Solânea (PB), e acabou deixando cair uma bolada de R$ 840 no...

Instagram