Escola para mulheres transgêneros na Indonésia quebra padrões religiosos

Conhecidas na Indonésia como waria (uma combinação das palavras “homem” e “mulher” no idioma local), as mulheres trans têm muitas dificuldades para praticar sua fé e estudar o Islã.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

A primeira sala islâmica, no mundo, para mulheres transgêneros foi fundada na cidade de Yogyakarta, em 2008, após a cidade ter sido atingida por um terremoto. Sem lugares onde pudessem fazer suas orações, a diretora da escola, Shinta Ratri, 53 anos, e outras mulheres trans criaram o centro, atrás de uma mesquita.

O grupo de estudos conta com 40 pessoas e um fato chama atenção: a maioria das mulheres trans são mais velhas do que as de outros grupos. Grande parte delas não teve acesso à educação islâmica tradicional por terem sido expulsas de casa ainda muito novas.

O objetivo da escola é fazer com que a marginalização social dessas mulheres tenha um fim e que elas sejam aceitas pelos outros muçulmanos, embora a maior organização muçulmana do país, a Nahdlatul Ulama, e outras lideranças muçulmanas progressistas já tenham demonstrado apoio aos seus esforços.

via [Diário da Manhã]

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM




Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,839,934SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Crianças em tratamento de câncer fazem trote para alunos de Medicina

A profissão médica é repleta de desafios. Esses profissionais carregam a missão de salvar vidas e recuperar muitas outras. Para isso, preparam-se por vários...

Empreendedor social mantém projeto há 15 anos e já ajudou mais de 3.000 pessoas

“Navegar é preciso, viver não é preciso” A frase acima, que segundo historiadores, data de aproximadamente milhares de anos, continua influenciando pessoas, além de ter ganhado...

Golden retriever é mãe de dois filhotes de cabra e quem negar vai se ver com ela 😍

Loryn é uma cachorra da raça golden retriever que desde filhote vive na fazenda de sua dona, a norte-americana Andrea Holley. Ela conta que...

Internautas se mobilizam para ajudar velhinho que teve seu ganha-pão furtado em Uberlândia

Como alguém tem coragem de fazer mal a esse velhinho de sorriso fácil?

VÍDEO: Com barco, trem e trator, bombeiros resgatam casal de idosos de enchente no RS

Bombeiros da região serrana do Rio de Janeiro precisaram montar uma verdadeira força-tarefa para resgatar um casal de idosos e a cuidadora dele. O resgate...

Instagram