Maracanã e outros estádios de futebol são transformados em hospitais de campanha

Por todo o país, estádios de futebol vão virar hospitais de campanha para pessoas infectadas pelo coronavírus (Covid-19).

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

No Rio de Janeiro, as instalações temporárias serão erguidas no Maracanã (comandado por Flamengo e Fluminense), no Nilton Santos (administrado pelo Botafogo) e no São Januário (gerido pelo Vasco), com espaço e leitos para atender centenas de pessoas.

Os três principais estádios cariocas foram oferecidos ao Governo do Estado e agora aguardam informações sobre o prazo de utilização, via Secretaria Estadual de Esportes, Lazer e Juventude.

Estádios de futebol convertidos hospitais para pacientes com coronavírus
Foto: Editoria de Arte/O GLOBO

Participe do nosso canal no Telegram e receba todas as matérias e novidades do Razões, clique aqui.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

“Hoje, temos muito mais casos do que conseguimos registrar. Sem contar que ainda estamos no começo da pandemia. Os casos devem aumentar muito e os hospitais não estão dando mais conta. Precisamos desafogar a rede e os hospitais de campanha farão esse papel”, afirmou Elisa Aires, infectologista da DaVita Serviços Médicos.

Em São Paulo, são construídos em ritmo acelerado 200 leitos para pacientes de média e baixa complexidade no Pacaembu.

Estádios de futebol convertidos hospitais para pacientes com coronavírus
Estádio do Pacaembu virou hospital de campanha para pacientes diagnosticados com COVID-19. Foto: Prefeitura de São Paulo

Em Fortaleza (CE), o estádio Presidente Vargas virou um hospital temporário com 204 leitos; em Boa Vista (RR), o estádio Canarinho já conta com uma estrutura para 120 leitos, e em Brasília (DF) o governo local estuda usar o Mané Garrincha. Na capital mineira, Belo Horizonte, o Mineirão se colocou à disposição.

Em outros países, a tendência é a mesma. Na Espanha, o estádio Santiago Bernabéu, do Real Madrid, virou um depósito para doações médicas. Já o Centenário, do Uruguai, foi convertido em albergue para moradores de rua.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Leia mais boas notícias em meio ao coronavírus clicando aqui.

Nós aqui do Razões para Acreditar juntamente com O Boticário criamos um canal especial para contar histórias de mulheres que ajudam outras mulheres, para mostrar que #SomosFeitasDeTodas. Acesse as histórias aqui.

Fonte: O Globo

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM



Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,644,123SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Depois de 70 anos, homem vê foto de sua mãe pela primeira vez

Demorou quase 70 anos, mas Thomas Cain finalmente pôde ver uma foto de sua mãe. Órfão ainda adolescente, Thomas foi deixado sem quaisquer imagens de seus...

Fotógrafo mostra adolescentes LGBTs que não tem medo de serem quem são

O fotógrafo Michael Sharkey, radicado em Nova York, criou o projeto Queer Kids, que consiste em fotografar e coletar depoimentos de jovens LGBT dos...

Madri está plantando 500 mil árvores e criando ‘Mar Verde’ para absorver CO2 e reduzir temperatura

Madri, a capital espanhola e segunda maior cidade da União Europeia, está construindo um enorme "anel florestal" em torno de seu perímetro para reduzir...

Furacão Harvey: Essas fotos de resgates vão restaurar sua fé na humanidade

O furacão Harvey foi o maior que atingiu o estado do Texas em 50 anos. Porém, um exército diverso de voluntários, tropas de guarda...

Repórter interrompe reportagem para ajudar idoso preso em alagamento em SP

As fortes chuvas que atingiram São Paulo no último fim de semana alagaram as várzeas dos rios Pinheiros e Tietê, impedindo a livre circulação...

Instagram