Estudante com câncer terminal recebe título honorário de enfermeira

A estudante de enfermagem Ana Cristina Gualberto da Silva, 45 anos, recebeu uma certificação simbólica e inédita do Conselho Regional de Enfermagem do Distrito Federal (Coren).

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Ana tem um câncer no pâncreas em estado terminal. Desde o dia 14 de janeiro, ela está internada na ala de cuidados paliativos do Hospital de Apoio de Brasília (HAB). A estudante interrompeu a faculdade de enfermagem no último semestre.

No hospital, ela expressou à psicóloga do HAB seu desejo de obter o diploma. Na quinta-feira passada (23), ele foi atendido: o Coren aprovou o título honorário de enfermeira à estudante “porque nunca é tarde para se realizar um sonho”.

Estudante internada câncer terminal recebe título honorário enfermeira
Foto: Arquivo pessoal

“Vamos realizar o seu último desejo em um ato público inédito, marcante como a vida dela”, disse Marcos Wesley, presidente do Coren.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Leia também: Trigêmeas passam juntas em medicina motivadas pela perda do pai para o câncer

A psicóloga de Ana, Giselle de Fátima Silva, conta que a paciente trabalhou como técnica de enfermagem a vida toda, e quando conseguiu entrar na faculdade, o câncer tragicamente interrompeu aquilo que seria a conquista do seu maior sonho.

Estudante internada câncer terminal recebe título honorário enfermeira
A estudante de enfermagem Ana Cristina Gualberto da Silva recebeu uma certificação simbólica e inédita do Coren DF. Foto: Facebook

Sensibilizada com a história da enfermeira, Giselle pediu ajuda à colega de hospital Ana Catarine Carneiro, para entrar em contato com o Conselho Regional de Enfermagem do Distrito Federal e poder contar a história de Ana Cristina.

Foi então que o Coren criou uma carteirinha honorária para homenagear a estudante.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Estudante internada câncer terminal recebe título honorário enfermeira
Foto: Arquivo pessoal

A entrega da certificação honorária foi um dos momentos mais emocionantes que Giselle e Ana Cristina já vivenciaram. “Ela ficou muito feliz com tudo o que aconteceu. Disse que achava que estávamos brincando quando contamos da cerimônia . A Ana Cristina ficou muito emocionada em realizar esse sonho.”

Compartilhe o post com seus amigos!

  • Siga o Razões no Instagram aqui.
  • Inscreva-se em nosso canal no Youtube aqui.
  • Curta o Razões no Facebook aqui.

Fonte: G1

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM


Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
2,827,323SeguidoresSeguir
24,592SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Humanos reproduzem as danças de sedução que os animais fazem na natureza

Eles interpretam o acasalamento de animais de diferentes espécies, como os lobos, os flamingos e caranguejos, com movimentos de dança que celebram o amor!

Cearense é primeira travesti a defender tese de doutorado no Brasil

A cearense Luma Andrade, 35 anos, será a primeira travesti do Brasil a apresentar uma tese de doutorado, segundo a ABGLT (Associação Brasileiras de Lésbicas,...

Árbitro decide paralisar partida entre Vasco e São Paulo após gritos homofóbicos

O jogo entre Vasco e São Paulo pela 16ª rodada do Brasileirão precisou ser interrompido abruptamente pelo árbitro Anderson Daronco neste domingo (25), por conta...

Mulher-Maravilha brasileira, Yara Flor, vai ganhar série de TV!

Filha de uma guerreira amazônica e um Deus brasileiro dos rios, conheça Yara Flor, a Mulher-Maravilha Brasileira. Tem série para a TV vindo aí! A...

Instagram

Estudante com câncer terminal recebe título honorário de enfermeira 2