Estudante vence dificuldade em matemática e cria o próprio teorema

A estudante Camille Etiene, de 16 anos, superou sua dificuldade em aprender matemática e criou um teorema para chamar de seu: o “Teorema de Etiene“.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Aluna do curso técnico em Química do Instituto Federal Fluminense (IFF) em Bom Jesus do Itabapoana (RJ), Camille hoje se declara ‘apaixonada’ pela disciplina.

Ajude a Liliane a realizar o sonho do intercâmbio na Califórnia

Um teorema, na matemática, é uma afirmação que pode ser provada como verdadeira, diferindo-se de uma mera teoria.

“Eu era muito ruim na matemática”

Atualmente no segundo ano do ensino médio, a estudante recorda sua descoberta com um largo sorriso no rosto: foi no ano passado durante uma aula do curso técnico, enquanto estudava funções quadráticas, que têm como gráfico a curva chamada parábola.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

estudante vence dificuldade em matemática e cria teorema no rj

De início, ela nem acreditou quando a experiência saiu do papel, uma vez que nunca teve muita afinidade com a matemática.

“É muito bom dividir esse conhecimento. A experiência foi impressionante. Pelo simples motivo: eu era muito ruim na matemática e com ajuda do Leonardo Muniz, consegui criar esse Teorema”, falou.

Leia também:

Leonardo, professor de matemática da IFF, explica que gosta de ensinar seus alunos com um esquema de cinco passos para o esboço da parábola.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

O último passo é a marcação do ponto P, que é o simétrico do ponto de intersecção da parábola com o eixo y (ponto (0,c)), em relação ao eixo de simetria da parábola, que representa o gráfico de uma função quadrática qualquer com raízes reais. “Enquanto fazíamos a lista de exercícios e discutíamos as perguntas, olhei para o quadro e vi que, para encontrar o ponto P, era só somar as raízes (os valores de x1 e x2)”, contou a aluna.

estudante vence dificuldade em matemática e cria teorema no rj

Leonardo concordou e logo os estudantes começaram a aplicar a ideia às questões já resolvidas. Identificaram então que o argumento era válido e o professor chamou a atenção da turma para a prova, que é o processo de mostrar que o teorema está correto.

“É simples, basta somar as raízes da função que encontrava o ponto da simetria da função (0,c). A descoberta foi de enorme alegria, tanto para mim, tanto para os demais. Quando eu levantei a mão para falar com o professor, sobre somar as raízes, ele tinha falado que era uma teoria, quando ele realizou a prova, foi provado o “Teorema de Etiene”. E depois dali, enxerguei a matemática de um outro jeito”, finalizou.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

estudante vence dificuldade em matemática e cria teorema no rj

O “Teorema de Etiene” foi uma forma de humanização desses estudantes, diz o professor

O momento de descoberta coletiva foi comemorado por todos, e aquele momento mudou para sempre o modo como Camille e os colegas enxergavam a tão temida matemática: “A felicidade foi contagiando a sala toda”.

Se antes Etiene precisava de aulas particulares para superar o desentendimento com a disciplina, hoje ela oferece ajuda para aqueles que têm dificuldades com os números. “Fiquei muito boa nas matérias de exatas. Nas provas, eu estudava para mim e ajudava os colegas e com isso me senti muito especial”, afirmou a estudante.

O Razões e o Educa Mais Brasil te ajudam a conseguir bolsa de estudo para cursos técnicos e profissionalizantes, cursos de idiomas, entre outras, clique aqui

Para Leonardo, a oportunidade de presenciar o momento de aprendizado dos estudantes trouxe grande satisfação. “As turmas precisam desses momentos. Acho muito importante compartilhar conhecimento e isso aconteceu de forma mágica naquele dia. O “Teorema de Etiene” foi uma forma de humanização desses estudantes“, recordou.

“É um teorema bem simples, mas mudou minha visão e a visão de amigos. Foi muito importante para mim, minha família e amigos. Aproximou mais a turma e isso foi muito legal”, concluiu.

Você conhece o VOAA? VOAA significa vaquinha online com amor e afeto. E é do Razões! Se existe uma história triste, lutamos para transformar em final feliz. Acesse e nos ajude a mudar histórias.

Fonte: G1/Fotos: Divulgação / IFF

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM


Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,758,975SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

E o uso de canudos de plástico para pessoas com deficiência física?

No último dia 25 de junho, o prefeito de São Paulo, Bruno Covas, sancionou o projeto de lei que proíbe o fornecimento de canudos...

Jovem cria filtros de água a partir de restos de isopor

Uma nova utilidade para um material que custa caro reciclar.

Estudantes de SP criam app que alerta e ajuda a prevenir a propagação do Coronavírus

Os alunos da escola técnica de informática do Senac São Paulo, unidade Lapa Tito, desenvolveram um aplicativo capaz de monitorar os horários de pico...

Por mais de 3 km, acreano carrega idosa de mais de 80 anos nas costas para ela sacar benefício

Já contamos algumas vezes aqui histórias de pessoas que ajudaram seus amigos e idosos os levando nas costas. Histórias como a da garota chinesa chinesa que carrega...

Criança com lábio leporino se apaixona por cachorro com a mesma característica e o adota

Tem coincidências nessa vida que a gente nem dá conta de tentar explicar. E foi o que aconteceu com Bentley, de 2 anos. Nascido...

Instagram