Estudante se torna primeiro surdo a defender tese de doutorado na UFPE

O estudante Marcelo Amorim é o primeiro aluno surdo na história da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) a defender uma tese de doutorado e ser aprovado.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Marcelo, que é formado em Ciência da Computação, defendeu na segunda-feira (9) a tese “Acessibilidade de Ambientes Virtuais de Aprendizagem: Uma Abordagem pela Comunicabilidade para Pessoas Surdas”, no auditório do Centro de Informática (CIn) da instituição.

Atualmente, ele ocupa o cargo de professor do curso de Letras Libras da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS).

Estudante primeiro surdo defender tese doutorado UFPE
Marcelo Amorim, que é surdo, defendeu sua tese de doutorado na UFPE. Foto: Hugo Bonner/ Ascom UFPE

“Fui o primeiro aluno surdo a ingressar no programa de pós-graduação do Centro de Informática e não foi tão fácil”, disse.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

“Faltou acessibilidade e também foi um processo que precisou envolver outras instâncias para que eu conseguir um intérprete aqui na universidade. Foi um momento que envolveu vários passos, até que eu pudesse de fato ser um aluno da pós-graduação”, afirma o doutor.

Os anos na universidade não foram fáceis: Marcelo enfrentou uma série de dificuldades no desenvolvimento das atividades acadêmicas.

Cada obstáculo superado se tornou aprendizado e inspiração para sua tese, que demonstra o quanto a comunicação na educação à distância, voltada para uma acessibilidade aos surdos, está em evolução.

Durante o Mês da Mulher, nós aqui do Razões junto com O Boticário contaremos histórias de mulheres que ajudam mulheres. Vamos falar sobre essa linda rede de apoio, para mostrar que #SomosFeitasDeTodas. Acesse as histórias aqui.

Fonte: Folha PE

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM


Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
2,829,971SeguidoresSeguir
24,609SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Estudantes desenvolvem sistema que ajuda cegos a fazerem compras

Um grupo de estudantes do Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (SENAI) do Amapá desenvolveu um sistema que ajuda os cegos a escolherem produtos em supermercados. A...

Colégio em Aracaju (SE) realiza evento para que as crianças amem seus cabelos cacheados

O Colégio do Salvador, em Aracaju (SE), realizou no último dia 26, um evento importante, com o objetivo de reafirmar o respeito aos alunos...

Sem turistas, tartarugas-olivas prosperam em praias indianas pela 1ª vez em anos

As praias litorâneas de Odisha, na Índia, estão experimentando o retorno em massa de milhares de tartarugas-olivas para o período de nidificação, quando elas...

Este menino já costurou mais de 400 bichinhos de pelúcia para crianças hospitalizadas

Campbell já costurou mais de 400 bichinhos de pelúcia para presentear crianças no Natal.

Instagram

Estudante se torna primeiro surdo a defender tese de doutorado na UFPE 2