Em Camarões, estudantes produzem canoas com garrafas PET

Todos os dias, milhares de garrafas PET são despejadas – indevidamente, sem passar pela reciclagem – em rios e lagos, principalmente em áreas onde não há uma política de saneamento básico. Em Camarões, país de Essome Ismael, a realidade não é muito diferente dessa que acabamos de descrever.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Mas, se depender da sua força de vontade, essa realidade, pelo menos na cidade onde vive, Kribi, está com os dias contados. Ismael é um jovem empreendedor e fundador da Madiba & Nature, iniciativa que recolhe e aproveita garrafas na produção de botes flutuantes, conforme informações do CicloVivo.

RELACIONADO: Garrafa criada por britânico decompõem-se em 3 semanas

garrafas pet rio

Ismael mora em uma região ribeirinha e lá a prática da pesca é a fonte de renda de muitas famílias. De uma vez só, ele e vários jovens estudantes retiram a poluição plástica dos rios e produzem a ferramenta de trabalho dos pescadores. Isso tudo ajuda a prevenir enchentes causadas pela poluição nos córregos da cidade.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Para fazer uma embarcação, são necessários mil garrafas PET, que leva aproximadamente uma semana para ficar pronta. É muita coisa, não é mesmo? Por isso mesmo, a turma começou a recolher garrafas em cidades vizinhas, ampliando seu raio de atuação.

garrafas pet canoa
Ismael e a equipe do projeto Madiba & Nature

O projeto que começou produzindo canoas feitas de garrafa, agora, também produz outros objetos : móveis, artigos de decoração e até mesmo casas ecológicas. “Nós também auxiliamos a promover para pessoas, comunidades, associações, companhias ou estados os princípios da economia circular para garantir a sustentabilidade de sistemas e construir um mundo mais verde”, diz o projeto em sua página no Facebook.

Para aumentar a conscientização das pessoas sobre o descarte correto das garrafas, eles oferecem oficinas e treinamento para voluntários, realizam workshops abertos e compartilham suas experiências. “Queremos contribuir na criação da maior geração de ‘faça você mesmo’, recicladores e reutilizadores a fim de promover a conservação da natureza e a diversificação de oportunidades de negócios no setor verde.”

Veja as fotos:

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

coleta garrafas PET

canoa garrafas PET

canoa garrafas PET lago

bote flutuante garrafas PET

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Fotos: Reprodução/Madiba & Nature 

Matéria publicada originalmente no site CicloVivo.

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM






Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,984,295SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Após aprender Braille, deficiente visual abre o próprio negócio em Mauá (SP)

Foi através do Braille que João Paulo Lopes Ferreira, 31 anos, de Mauá (SP), conseguiu ter mais independência e abrir o seu próprio negócio. O...

Sabendo que a namorada ama girassóis, ele resolveu fazer uma plantação só pra ela

Não satisfeito em lhe dar um buquê com suas flores preferidas, ele resolveu plantá-las.

Pai leva cachorro errado para casa e demora para descobrir

E o cãozinho "errado" achou mesmo que estava na casa dele: livre, leve e solto.

Canadá quer receber mais de 1 milhão de novos imigrantes nos próximos três anos

Lembra quando você disse a si mesmo/a que queria se mudar para o Canadá? Bom, agora é um bom momento para começar a arrumar...

Engenheiro que virou ‘lixeiro’ cria negócio que revoluciona o mercado da reciclagem

Em um país onde apenas 4% do lixo é reciclado, o engenheiro de materiais Henrique Guilherme Brammer Jr aceitou o desafio de desenvolver um...

Instagram