Alunas criam protótipo que trata esgoto doméstico antes de chegar ao Tietê

A poluição do Rio Tietê é um dos grandes problemas ambientais que temos no Brasil há muitos anos.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

E as estudantes Anally Nunes de Souza, Júlia Rodrigues da Silva e Keiko Moura Hanashiro tiveram uma grande ideia para ajudar a melhorar essa situação.

Elas criaram um dispositivo que trata o esgoto doméstico antes que ele chegue ao rio, o Vitágua! 

As três jovens são alunas do Colégio Santo Américo, em São Paulo e tiveram a orientação da professora de biologia Leila Miguel Stávale para desenvolver o dispositivo.

Como funciona o dispositivo

A peça é dividida em três partes: a primeira é composta por casca de banana e tem a função de limpar metais mais pesados.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

A segunda parte inclui a bactéria Bacillus subtilis e a terceira possui um composto biossurfactante para dissolver gordura.

A ideia das meninas era utilizar o protótipo em locais que não têm rede de esgoto adequada”, diz a professora.

estudantes

Reconhecimento

Por causa do trabalho, Anally, Júlia e Keiko ganharam medalha de bronze na versão on-line do International Festival of Engineering Science and Technology (I-FEST²).

Este é um evento científico organizado pela Associação Tunisiana para o Futuro da Ciência e Tecnologia (ATAST), que contou com a apresentação de 150 estudos.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

O melhor é que [o dispositivo] também é barato. Os três materiais que usamos para limpar a água são acessíveis”, diz a professora.

Bolsistas

Anally, Júlia e Keiko entraram para o Colégio Santo Américo, através do Instituto Social para Motivar, Apoiar e Reconhecer Talentos (Ismart).

A entidade identifica jovens talentos de baixa renda e oferece bolsas de estudo em escolas particulares.

O Vitágua, a princípio, era um projeto a ser apresentado apenas ao Ismart – mas como ele fez sucesso, as meninas e a professora resolveram levá-lo adiante.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

O próximo passo é buscar por empresas parceiras que tenham interesse em desenvolver o dispositivo em grande escala.

Apesar de o foco ser o Rio Tietê, as alunas garantem que ele pode ser adaptado para diversos outros rios, independente do nível de poluição e extensão.

Vamos testá-lo em uma área do próprio rio [na área da Usina da Elevatória da Traição], porque a Empresa Metropolitana de Águas e Energia (EMAE) fechou uma parceria com a gente”, comenta Leila.

Se o protótipo realmente funcionar como o esperado, as instalações em residências serão iniciadas.

[Nota da Redação]

Estamos com a campanha especial #PoderDoSomos com OMO contando histórias incríveis de projetos que transformam vidas! Confira o primeiro projeto selecionado anunciado pela Giovanna Ewbank:

FONTE: Revista Galileu

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM



Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
2,849,393SeguidoresSeguir
24,910SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

‘Barraca da honestidade’ funciona sem vendedor e surpreende motoristas em SC

Uma barraquinha sem vendedor instalada na BR-470, entre os municípios de Rodeio e Ascurra, Santa Catarina, tem feito o maior sucesso entre os motoristas...

Pesquisadoras brasileiras vencem o maior prêmio de conservação ambiental do mundo

Duas renomadas cientistas brasileiras receberam recentemente o maior prêmio da conservação ambiental do planeta, o Whitley Awards, conhecido como o 'Oscar Verde'. Patrícia Médici e...

Jovem trans dá aulas de inglês gratuitas para transexuais em igreja inclusiva no RJ

Thiago Peniche, 21 anos, proporciona a pessoas menos favorecidas um futuro com mais oportunidades no mercado de trabalho, em um ambiente de respeito e acolhimento mútuos.

Tijolo ecológico feito de plástico retirado do oceano encaixa como blocos de Lego

Todos os anos, milhões de toneladas de lixo são jogadas no mar, colocando em risco a vida animal e dos seres humanos. Felizmente, existem...

Universidade atende pedido de mãe e entrega diploma em Braille para estudante deficiente visual

Na última sexta (9), a conclusão dos estudos da aluna do curso de Estética Taís Machado Araujo, 25 anos, ficou marcada por uma surpresa...

Instagram

Alunas criam protótipo que trata esgoto doméstico antes de chegar ao Tietê 2