Estudantes criam ‘micro-ondas ao contrário’: gela bebidas em 1 minuto

Um trio de estudantes de uma escola pública do Distrito Federal desenvolveU um equipamento capaz de refrigerar uma lata de bebida em até 1 minuto. Batizada como ColdStorm (“Tempestade Gelada”, em tradução livre), a invenção foi apelidada como ‘micro-ondas ao contrário’.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Moradores da região do Gama, Adrielle Dantas, Gabrielly Vilaça e Raffaella Gomes estudam no Centro de Ensino Médio Integrado à Educação Profissional (CEMI) e iniciaram o projeto em 2017.

Na fase de prototipagem, elas precisaram de lixo eletrônico, coolers de computadores (que resfriam os componentes eletrônicos) e pastilhas Peltier (condutores que aquecem ou esfriam objetos).

[Conheça a história da Liliane: mulher, negra, periférica, que conseguiu uma vaga em uma das faculdades mais renomadas do mundo e criou uma vaquinha para custear os estudos, saiba como ajudá-la aqui.]

Estudantes criam 'micro-ondas ao contrário' capaz de gelar bebidas em um minuto no DF

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Em 2018, elas levaram o protótipo adiante e participaram do Circuito de Ciências das Escolas Públicas do Distrito Federal e da exposição de ciências da escola e foram classificadas para levar o ‘micro-ondas ao contrário’ para a Exposição de Ciências, Engenharia, Tecnologia e Educação (EXPOCETI), em Pernambuco.

Leia também: 

Na EXPOCETI, que aconteceu no mês passado, o ‘micro-ondas ao contrário’ recebeu diversas premiações.

Adrielle, Gabrielly e Raffaella faturaram o primeiro lugar na área de engenharia e receberam certificado de destaque da Faculdade Imaculada Conceição de Recife e da World International Fairs Association (WIFA).

As estudantes retornaram para o Distrito Federal com um carta-convite para a Muestra Cientifica Latino-americana (MCL), em Trujillo, no Peru. O encontro vai ocorrer entre os dias 9 e 15 de setembro deste ano.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Chances de mercado

Credenciadas para a Mostra Científica no Peru, as meninas precisam concluir o ColdStorm, que ainda é um protótipo.

Para isso, Gabrielly Vilaça, uma das desenvolvedoras do projeto, afirma que o grupo precisa de recursos financeiros para lançar a versão final, além de dinheiro para arcar com os custos de deslocamento.

“Após a EXPOCETI, surgiram várias ideias para melhoria baseadas em sugestões de avaliadores”, diz a estudante. Para pôr em prática as recomendações, elas criaram uma vaquinha online.

“Estamos focadas em duas coisas: reconstrução e melhoria do protótipo e arrecadação de fundos para pagar a viagem ao Peru.”

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Estudantes criam 'micro-ondas ao contrário' capaz de gelar bebidas em um minuto no DFA professora Maria Zilma Conceição de Araújo, que trabalha no CEMI e acompanha a criação do ‘micro-ondas ao contrário’, a invenção das estudantes tem futuro. “Comercialmente falando, acredito que o ColdStorm tem potencial de mercado. Principalmente por conta da economia energética que é a proposta final do projeto.”

Segundo Maria, as meninas têm a combinação perfeita de perfis. “As meninas são curiosas, estudiosas e estão cientes dos desafios que tem que enfrentar”, afirma.

Você conhece o VOAA? VOAA significa vaquinha online com amor e afeto. E é do Razões! Se existe uma história triste, lutamos para transformar em final feliz. Acesse e nos ajude a mudar histórias.

Fonte: G1/Fotos: Reprodução/Gabrielly Vilaça

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

Relacionados

MARCAS QUE NOS APOIAM


Quer receber boas notícias todas as manhãs?

995,401FãsCurtir
1,908,308SeguidoresSeguir
9,293SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Idosa de 87 anos confecciona máscaras de proteção para distribuir gratuitamente no MA

Sem conseguir encontrar máscaras de proteção, a professora, bióloga e engenheira civil Renatha Costa uniu forças com sua avó, dona Bernarda, 87 anos, para...

Magazine Luiza doa 1.000 colchões e travesseiros para moradores de rua em Belém (PA)

Desde o último sábado (21), o Estádio Olímpico do Pará, o Mangueirão, passou a receber centenas de pessoas em situação de rua da Região Metropolitana...

Após ver família comendo restos do lixo, homem abre restaurante para servir pessoas carentes

O dono de um restaurante em Vila Velha (ES) abriu seu estabelecimento para atender gratuitamente pessoas em situação de rua durante a pandemia de...

Angelina Jolie doa R$ 5 milhões para manter merenda de alunos durante quarentena

A atriz Angelina Jolie, 44 anos, doou US$ 1 milhão (R$ 5,2 milhões) para manter a distribuição de merendas escolares para crianças de baixa...

Coronavírus ‘sela paz’ entre palestinos e israelenses: saúde é prioridade máxima!

Há anos o mundo não via um encontro pacífico entre palestinos e israelenses. A Autoridade Palestina e Israel sentaram na mesma mesa para firmar...

Instagram