Estudantes do PA criam ecobarreira que impede plástico de chegar ao oceano e são finalistas em prêmio mundial

Uma equipe de estudantes da Universidade Federal do Pará (UFPA), criou uma ecobarreira que bloqueia o lixo plástico nos córregos e canais das cidades. A invenção evita que os resíduos cheguem aos rios e, depois, desemboquem nos oceanos.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

O projeto que é liderado pela Larissa Peniche, de 23 anos, aluna de Engenharia Civil na UFPA, teve sua importância reconhecida e chegou até a final do desafio “1 Race 4 Oceans”, da competição Enactus World Cup 2020.

ecobarreira

Ecobarreira: solução simples e barata

As ecobarreiras, desenvolvidas pela equipe da Larissa, são produzidas com conexões de tubos plásticos e finalizadas com fios feitos de garrafas PET. Isso reduz consideravelmente a fabricação das peças, o que é um fator muito importante, quando se pensa em distribuição em larga escala.

montagem da ecobarreira

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

De acordo com os estudantes, a ecobarreira é ainda mais resistente em comparação a alguns modelos que são colocados nos rios atualmente.

Premiação mundial

O projeto Anamã foi escolhido para a competição mundial e disputará a vitória com mais 106 ideias, de jovens estudantes do mundo inteiro.

A Ford é uma das apoiadoras da equipe e está ajudando os estudantes na construção de novas ecobarreiras, que ficarão prontas até o final do ano. Também será construído um um centro de beneficiamento de plástico, o primeiro da Amazônia, de forma que os plásticos recolhidos sejam bem direcionados, evitando que eles voltem para a natureza.

O ganhador do “1 Race 4 Oceans” será anunciado nesta sexta-feira, dia 11, a partir das 13h (horário de Brasília). A equipe vencedora receberá um prêmio de 25 mil dólares.

Como não torcer por esse projeto?! Bacana demais!

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Você também precisa conhecer o projeto do paranaense Diego Saldanha, que montou uma ecobarreira em um trecho do rio Atuba, que fica em Curitiba. Além de recolher plástico, ele recicla os resíduos e transforma em brinquedos para crianças carentes!

FONTE: Conexão Planeta

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM



Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,644,941SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Mulher cria curso online que ensina autônomas a comercializar seus produtos nas redes sociais

O projeto Tech Girls combate o analfabetismo digital entre as mulheres que não possuem renda e que, graças ao curso gratuito de empreendedorismo digital...

Vídeo-campanha faz um alerta sobre a desvalorização do professor. Assista!

A rede Multisom produziu um vídeo-campanha que faz um alerta sobre a desvalorização dos professores colando em suas lojas cartazes com erros de português....

App mapeia colaborativamente árvores nativas da Mata Atlântica em SP

O Viva Floresta desenvolveu um aplicativo de celular incrível de cadastro colaborativo de árvores nativas da Mata Atlântica na Grande São Paulo, disponível para...

Estilista quebra paradigmas e ensina crochê em penitenciária

Gustavo Silvestre é estilista e há 2 anos c0meçou a fazer trabalho voluntário, na penitenciária Desembargador Adriano Marrey, em Guarulhos (SP). Lá, ele ensina...

Mãe transforma camisa de marido em vestido para filha

Ela não imaginava que o vestido da filha fosse mexer tanto com a memória das pessoas e que isso viraria um negócio.

Instagram