Ex-aluno presenteia professor daltônico com óculos especial que resgata cores: ‘Uau, o céu é azul!’

Por 38 anos, o professor de inglês Alisson Godói, de Taguatinga (DF), não pôde contemplar as cores como elas são. No entanto, tudo mudou pra ele graças a um presente maravilhoso!

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Leo Vieira, um ex-aluno que mora nos Estados Unidos, veio para o Brasil e trouxe consigo um óculos especial para o professor que resgata as cores não vistas entre as pessoas com daltonismo.

professor daltônico enxerga cores pela primeira vez

professor daltônico enxerga cores pela primeira vez

Sabia que agora o Razões tem um livro? O Que Eu Aprendi Até Agora – 50 Conselhos Inspiradores Para Uma Vida Cheia de Razões Para Acreditar! está em pré-venda até 15/08. Comprando o seu exemplar, você doa outro para crianças em situação de vulnerabilidade, clique aqui.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Assim, pela primeira vez em sua vida, Alisson pôde ver as cores azul e verde, entre outras. Nada mais justo para o educador que ensinou tanto para Leo. “Mais do que lições de inglês, mas também lições de vida“, afirmou o rapaz em um vídeo compartilhado no Instagram.

professor daltônico enxerga cores pela primeira vez

No vídeo, Alisson demonstra receio em testar o óculos, mas é encorajado por Leo. Ao colocá-lo pela primeiríssima vez, sua reação diz tudo: choro, suspiros e fascínio ao enxergar as cores do mundo em toda a sua plenitude! 😭

professor daltônico enxerga cores pela primeira vez

Ao olhar para o céu, no qual enxergava cinza, o professor tem outra surpresa… “É azul agora“, afirmou, completamente fascinado.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

professor daltônico enxerga cores pela primeira vez

Mesma cor da camisa do ex-aluno. “[Sua camisa] é azul, velho!!!”, disse Alisson, pouco depois de abraçar Leo e agradecer pelo presente extraordinário.

professor daltônico enxerga cores pela primeira vez

Ele tira e coloca o óculos várias e várias vezes, pra ter certeza que não é uma pegadinha. 😂

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Agora eu vejo o verde também“, disse, extasiado.

professor daltônico enxerga cores pela primeira vez

Sabia que agora o Razões tem um livro? O Que Eu Aprendi Até Agora – 50 Conselhos Inspiradores Para Uma Vida Cheia de Razões Para Acreditar! está em pré-venda até 15/08. Comprando o seu exemplar, você doa outro para crianças em situação de vulnerabilidade, clique aqui.

“Foi você que abriu minha mente para o Inglês. E olha onde eu tô hoje”, disse Leo, enfatizando o gesto como de gratidão e retribuição pelo amor do professor em ensinar seus alunos.

Isso é maravilhoso, obrigado! Contemplar as cores é bonito demais“, respondeu Alisson. “Você me trouxe mais que um presente, Leo! Grato a Deus pela sua vida e carinho! Ainda sem palavras pelo que você me proporcionou! ❤️❤️❤️”, completou o professor.

O que não parece nada pra alguém, pode ser tudo para outro. Que gesto lindo! E mais maravilhosa ainda a reação… Assista ao vídeo abaixo (desafio você a assistir sem chorar):

Fotos: Reprodução / Instagram: @leo_556

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM




Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,857,801SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Cão cego acorda de cirurgia e vê dono pela primeira vez

Não temos muitas informações sobre os donos, mas para algumas histórias basta apenas assistirmos e percebermos o amor do cão pelo dono (e vice-versa!)  

Empresa em NY cria plástico feito a partir de cogumelos

Isso mesmo que você leu: cogumelos. A empresa Ecovative Design é a pioneira no processo de fabricação de um material plástico que usa como base...

Jovem com paralisia aprende se maquiar sozinha e inspira web com lindos tutoriais [VÍDEO]

A Bia ama maquiagens. Um vídeo dela chegou até nós e nos emocionamos bastante. Essa jovem, de 18 anos, nasceu com paralisia cerebral e...

Policial compra bolo de aniversário para jovem que chorava por terem esquecido a data

O que você faria se todo mundo que você conhecesse esquecesse de seu aniversário? Esta situação, hipotética para muitos, aconteceu com um garoto tailandês....

Após ficar paraplégica, jovem cria empresa que destina lucro a projetos sociais e encontra seu propósito de vida

“Eu acredito que nada na vida é por acaso”. A frase é da brasiliense Isabela Fialho, que ficou sem andar por quatro anos devido...

Instagram