Empresário que catava latinhas doa carro para catador que teve veículo incendiado

No início de julho, o veículo de um catador de latinhas foi destruído por um incêndio. O acontecimento comoveu a população de Ponta Grossa, no Paraná, que se mobilizou para ajudá-lo.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Gilberto Padilha, 61 anos, utilizava um veículo Uno para realizar seu trabalho – certo dia, após apresentar problemas mecânicos, o carro pegou fogo em um posto de combustíveis.

“Meu neto percebeu que estava saindo fumaça do carburador. Aí só consegui pegar meus documentos e saímos do carro imediatamente”, contou o paranaense.

O carro foi destruído pelo fogo e o catador não conseguia mais recolher uma quantidade considerável de recicláveis para obter sua renda mensal.

“Há dez anos eu pego caixinhas de leite, papelão, garrafas, latinhas e outros materiais para vender”, afirma o homem, que também possui uma pequena marcenaria em sua casa para fabricar algumas banquetas, casinhas de cachorro e mesas infantis. Segundo ele, o valor que conseguia era suficiente para manter a casa e adquirir os medicamentos que precisa. No entanto, isso não seria mais possível sem o carro. Por isso, precisava de ajuda.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

empresário doa carro catador latinhas
Foto: Reprodução/Rede Massa

Gilberto só não esperava que após a veiculação de uma reportagem contando sua história, o dono de uma concessionária da cidade se sensibilizaria com sua história, doando para Gilberto um carro novinho – um Ford Ka.

De início, ele não conseguiu acreditar que receberia um veículo em perfeito estado de uso. Só quando Gilberto foi levado até a loja para conhecer o doador e receber as chaves do possante, ele acreditou.

O catador ficou emocionado ao saber do motivo do ato de generosidade: o empresário, que preferiu não se identificar, também já havia sido catador de latinhas na infância e, por isso, se identificou com a situação do idoso. “Ele contou que puxava gaiota, que é aquela carroça com duas rodas. Então, ficou bem comovido com meu caso”, disse Gilberto, que comemorou muito ao lado do neto de 14 anos.

empresário doa carro catador latinhas
Foto: Reprodução/Arquivo pessoal

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

O ato do empreendedor foi muito especial para Gilberto, e para ele, merece destaque por ser “um gesto muito difícil de ser visto hoje em dia”. Além disso, Gilberto garante que o carro chegou em boa hora e que já está ajudando no recolhimento de recicláveis pela cidade. “Estou trabalhando normalmente, mas acho que ainda não caiu a ficha. Estou muito feliz com esse presente!”, agradece.

Você conhece o VOAA? VOAA significa vaquinha online com amor e afeto. E é do Razões! Se existe uma história triste, lutamos para transformar em final feliz. Acesse e nos ajude a mudar histórias.

Fonte: Sempre Família

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM


Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,444,158SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Flautista de 15 anos alegra e emociona pacientes idosos internados em UTI

O adolescente Daniel Ribeiro, de 15 anos, usa sua flauta transversal para amenizar os momentos de dor e tristeza de pacientes internados na Unidade...

5 dicas para auxiliar no seu bem-estar neste inverno

Regis Severo, fisioterapeuta da empresa Mercur, construiu algumas dicas que podem auxiliar no seu bem-estar neste inverno.

Como uma CEO de 15 anos está mudando a vida de quem precisa de cuidados com a visão

Lillian Pravda é a CEO da "Vision for and from Children", que ajuda pessoas sem acesso a cuidados com a visão. Pravda, com apenas 15...

Relógio solar digital projeta horas na sombra

As primeiras tentativas de medir o tempo através do movimento do sol eram relógios de sombra criados pelos egípcios e babilônios. Os relógios solares foram...

Pegadinha do bem: em vez de susto, as pessoas que entravam neste elevador ganhavam motivos para sorrir

Você já parou para pensar como é fácil gerar um sorriso? Não precisa de muito. Você deve ter sorrido para um desconhecido na rua e...

Instagram