Ex-cortadora de cana cria marca milionária de semijoias

Clique e ouça:

A empreendedora mineira Sabrina Nunes, 34 anos, passou por muitas dificuldades em sua vida. Começou a trabalhar muito nova, aos 14 anos. O seu primeiro emprego foi como cortadora de cana. Hoje, é dona de uma marca milionária de semijoias, Francisca Joias, um e-commerce que já faturou mais de R$ 6 milhões e que conta com mais de 600 revendedoras espalhadas pelo Brasil.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Sabrina nasceu em Itinga, no norte de Minas Gerais. Entre os 14 e 15 anos começou a ajudar a família com vendas de picolés na comunidade rural onde vivia. Ela contou ao Razões que a região é muito carente de oportunidade de emprego, por isso, aproveitava as missas da cidade para vender os picolés e abraçava o que aparecia.

“Vendia naquele lugar, pois lá havia um aglomerado de pessoas e seria mais fácil de trabalhar”, disse.

cortadora de cana cria marca milionaria de semijoias
Sabrina nasceu em Itinga, no norte de Minas Gerais

cortadora de cana cria marca milionaria de semijoias
Entre os 14 e 15 anos, começou a ajudar a família com vendas de picolés na comunidade rural onde vivia

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

O emprego no canavial

Depois de alguns anos, surgiu a proposta de trabalhar num canavial em Mato Grosso do Sul. Sabrina já era mãe e como em Mato Grosso do Sul existe uma alta procura por mão de obra para serviços rurais, ela foi tentar a vida por lá como cortadora de cana.

“Essa fase doeu muito, doeu as mãos que ficaram calejadas e com sangue, doeu na alma. Na época eu estava terminando a faculdade de serviço social. Não foi fácil, a comida era fria, não tinha banheiro, mas eu aprendi. Tudo na vida ensina, tudo te fortalece! Eu aprendi a valorizar coisas pequenas e que hoje fazem muita diferença na minha jornada”, disse.

Na própria empresa, ela conseguiu um emprego de secretária.

“Lá mesmo eu fiz contatos para conseguir me recolocar. Eu só agarrei a oportunidade”, relembrou Sabrina.

cortadora de cana cria marca milionaria de semijoias
Sabrina trabalhou por anos num canavial em Mato Grosso do Sul

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Venda de bijuterias

Após sete anos, já formada, em Serviço Social, e trabalhando como secretária, Sabrina conseguiu uma bolsa para estudar engenharia no Rio de Janeiro. Resolveu sair do Mato Grosso do Sul. Cursando ensino superior e precisando de renda extra, em 2012, resolveu fazer alguma atividade para complementar a renda.

“Como eu precisava de dinheiro para me manter na cidade, descobri um site que alguns microempresários vendiam produtos e conseguiam bom faturamento, então resolvi arriscar. Comprei R$ 50 de bijuteria no Centro do Rio de Janeiro e vendi tudo”, lembra.

Ela explicou que o começo não foi fácil, e que fazia feiras em eventos para conseguir vender.

“Dessa forma, eu conseguia giro e assim eu ia melhorando e evoluindo o negócio. A venda pela internet ainda era pouca, mas eu sempre acreditei e continuei investindo na ideia.”

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

cortadora de cana cria marca milionaria de semijoias
Em 2012, começou a fazer suas bijuterias para vender e ter uma renda extra

cortadora de cana cria marca milionaria de semijoias
Hoje, o negócio tem mais de 300 mil fãs nas redes sociais e um site próprio

A marca de semijoias

No mesmo ano, em 2012, nasce a Francisca Joias, nome criado em homenagem a sua avó. Das bijuterias compradas de terceiros, a empreendedora passou a oferecer semijoias, desenhadas por ela própria e banhadas a ouro.

“Sim, hoje 65 % das semijoias sou eu que desenvolvo com o apoio de parceiros, pois acredito na economia colaborativa”, contou.

cortadora de cana cria marca milionaria de semijoias
A empreendedora passou a oferecer semijoias, desenhadas por ela própria

De 2012 até agora, Sabrina acumula conquistas, possui mais de 600 revendedoras espalhadas pelo Brasil, já ultrapassou a casa dos R$ 6 milhões em faturamento, o e-commerce conta com mais de 4 mil modelos e vende cerca de 12 mil peças por mês.

“Não é só o dinheiro e nem sucesso financeiro, é um legado, é uma vida, são sonhos. Todo dia eu levanto para realizar sonhos, os meus, os dos meus colaboradores, sonho das pessoas que querem aprender a empreender e que ajudo diariamente.”

cortadora de cana cria marca milionaria de semijoias
Sabrina acumula conquistas, possui mais de 600 revendedoras espalhadas pelo Brasil, já ultrapassou a casa dos R$ 6 milhões em faturamento

cortadora de cana cria marca milionaria de semijoias cortadora de cana cria marca milionaria de semijoias cortadora de cana cria marca milionaria de semijoias

Ela também dá aulas de empreendedorismo, com conteúdos sobre venda, estratégia, planejamento, parcerias.

“Eu acredito e defendo que você precisa e deve fazer o que ama para obter sucesso. Meu objetivo é ajudar a gerar 1.000 empregos até o final do ano por meio das minhas alunas e pessoas que seguem minhas dicas. Eu acredito que o simples funciona e que podemos mudar nossa realidade de vida!”, conclui a empresária.

Você conhece o VOAA? VOAA significa vaquinha online com amor e afeto. E é do Razões! Se existe uma história triste, lutamos para transformar em final feliz. Acesse e nos ajude a mudar histórias.

cortadora de cana cria marca milionaria de semijoias

crédito das fotos: Assessoria de Imprensa Francisca Joias

Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,071,618FãsCurtir
2,422,376SeguidoresSeguir
20,109SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Desconhecidos dão vida nova a idoso que recebeu arroz com ração de cachorro para comer

A história de seu José Adan começou triste, mas terminou muito feliz. Ele é um senhor idoso que vive em situação de rua e...

Yaci e Yara, filhas de quilombolas, são capa da Marie Claire

Dona Maria Santana deve estar orgulhosa, afinal, suas duas filhas gêmeas, Yaci e Yara, estão conquistando o mundo da moda com sua beleza estonteante...

Em apenas 24h, vaquinha para menino que cuida sozinho da mãe doente arrecada mais de R$277 mil

Genteeee, que alegria! Em menos de 24h, batemos a meta da vaquinha para comprar uma casa para o menino José, 15 anos, a mãe...

Menino de 15 anos, que cuida sozinho da casa e da mãe doente, comove desconhecidos e ganha vaquinha

Quinze anos e já com a responsabilidade de um chefe de família. Essa é a idade do José, sozinho, o adolescente cuida da mãe...

Desempregado investe último dinheiro pra aprender, fazer e vender pudim em SP: negócio decolou após desabafo!

Dá água na boca, não dá? Eu sou suspeito, amo pudim, mas teve gente que pediu o pudim ‘cenográfico’ do Jonas, só que não...

Instagram

Ex-cortadora de cana cria marca milionária de semijoias 14