Lis e Mel, gêmeas que nasceram siamesas, comemoram um ano de cirurgia bem-sucedida

As irmãs Lis e Mel nasceram unidas pelo crânio. Em 27 de abril do ano passado, quando tinham apenas 10 meses de idade, elas foram separadas no Hospital da Criança de Brasília (DF), após uma cirurgia bem-sucedida que durou dez horas.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Exatos um ano depois, uma equipe de reportagem da Rede Globo foi até a casa das gêmeas para saber como elas estavam se recuperando – e ao mesmo tempo lidando com o novo coronavírus.

A repórter Rita Yoshimine ficou emocionada com a evolução de Lis e Mel, e publicou um post em seu perfil no Instagram contando como foi a visita.

irmãs gêmeas lis e mel um ano depois cirurgia
Foto: Reprodução / Instagram: @ritayoshimine

Participe do nosso canal no Telegram e receba todas as matérias e novidades do Razões, clique aqui.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

“Não foi do jeito que eu tinha imaginado… Mas meus olhos entregam o sorriso que a máscara esconde. Um ano depois da rara e complexa cirurgia de separação das gêmeas siamesas ligadas pelo crânio, não teve beijo, não teve abraço – e elas estranharam um pouco o tecido no meu rosto”, escreveu Rita.

“(Mas) teve distância de segurança e muito carinho, demonstrado de longe”, continuou.

A repórter conta ter ficado muito feliz ao ver as meninas plenamente saudáveis, “correndo pra todo lado”, sendo independentes, apesar de estarem confinadas em casa devido à quarentena.

Mais do que isso, ver a família das gêmeas seguindo seu rumo após tanta luta encheu de lágrimas os olhos de Rita.

“Mel e Lis, guerreirinhas cuja trajetória inspira a mim e a tanta gente: Deus continue abençoando vocês! Obrigada por receberam nossa equipe, mais uma vez. Eu sempre aprendo muito e volto com a esperança renovada”, afirmou.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Relembre a história das gêmeas que um dia foram siamesas clicando aqui.

irmãs gêmeas lis e mel um ano depois cirurgia
Foto: Divulgação / Hospital da Criança

Campanha para pai e filho que dormiam em praia conseguirem comprar sua casinha. Clique aqui para ajudar!

Confira o post na íntegra:

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

 

Ver essa foto no Instagram

 

Uma publicação compartilhada por Rita Yoshimine (@ritayoshimine) em

O Razões tem seu próprio podcast para espalhar boas notícias, ouça os episódios na sua plataforma favorita clicando aqui.

Compartilhe o post com seus amigos!

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM



Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
2,855,310SeguidoresSeguir
25,019SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Skate com carrinho de bebê promete tornar passeio em família divertidos para todos

Com esta combinação inteligente, mães e pais podem agora viajar mais rápido do que normalmente fariam a pé com um carrinho de criança comum.

Menino de 10 anos anima motorista após ônibus quebrar. Dias depois, ela retribui com bicicleta nova

Acho que aquele ditado “Gentileza gera gentileza” se encaixa perfeitamente na história de Shamika e DJ! Shamika é motorista de ônibus no Condado de Milwaukee,...

Servente de pedreiro supera a depressão e faz sucesso nas redes sociais como modelo

Modelar e construir são duas funções que podem sim estar juntas. O jovem Francisco Albuquerque, de 26 anos, é quem prova que não precisam...

Jovens da Rocinha vão produzir aplicativo de mobilidade para a comunidade

Jovens de 16 a 24 anos irão desenvolver um aplicativo de mobilidade urbana para a comunidade.

Melinda Gates doará US$ 1 bilhão para combater desigualdade de gênero no trabalho

"Me comprometo a doar [essa quantia] para aumentar o poder e a influência das mulheres nos Estados Unidos", disse a filantopa. Melinda também é empresária e esposa do fundador da Microsoft, Bill Gates.

Instagram

Lis e Mel, gêmeas que nasceram siamesas, comemoram um ano de cirurgia bem-sucedida 2