Ex-morador de rua troca polimento de faróis por doação de leite para ONGs

Ao longo deste mês, o empresário Jayme Lima, 35 anos, se engajou em diversas ações sociais pela cidade de Jundiaí, no interior paulista. Ex-morador de rua, ele resolveu agradecer a cidade que o acolheu estendendo a mão para quem mais precisa de ajuda.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Jayme morou nas ruas de São Paulo por dez anos depois de sofrer uma depressão profunda. “Com a depressão, cai no mundo apenas com uma mochila nas costas e depois fiquei com vergonha de voltar para minha família”, recorda.

Com a ajuda de uma mulher que conheceu virtualmente e que o convidou para morar em Jundiaí, Jayme voltou a exercer a profissão que tinha quando mais jovem: polir faróis automotivos e atender a clientela nas ruas.

 

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Conquistando uma certa estabilidade financeira, decidiu abrir seu próprio negócio: uma oficina especializada no polimento de faróis de carros e motos na Avenida Nove de Julho.

Leia também: Após 30 anos, morador de rua reencontra família graças à ajuda de desconhecidos

“Nunca sofri preconceito [por ter sido morador de rua] aqui e tinha uma vontade imensa de agradecer todo acolhimento que recebi”, diz o polidor. Com isso em mente, ele resolveu limpar o lago artificial formado na cascata do Jundiaí Shopping duas vezes por mês.

“Ele estava abandonado e decidi deixá-lo mais bonito”, ressalta.

 

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

E não parou por aí! No domingo (20), das 7h às 17h, Jayme arrecadou sozinho 60 litros de leite que foram entregues para ONGs da região. “Vou comprar mais 100 litros para completar a doação”, revela.

Uma semana depois, trocou mão de obra por leite e outros donativos.

Ex-morador de rua polimento faróis troca leite ongs jundiaí

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Arrecadação de donativos

Jayme passou o dia polindo faróis na mesma avenida onde funciona o seu negócio. No fim do dia, havia arrecadado três sacolas de roupas seminovas, R$ 100 em dinheiro e aproximadamente 100 litros de leite.

Orgulhoso, Jayme diz: “Jundiaí provando mais uma vez que além de linda, é também uma cidade solidária e acolhedora”.

E nós completamos: graças a pessoas como você, Jayme! 👏

Educação, esporte e arte são fundamentais para a inclusão social de grupos vulneráveis, concorda? Conheça então três projetos que defendem essas causas, escolha a sua favorita, apoie e concorra a um super prêmio de R$ 1 milhão da promoção “Ganhou, Causou”, da Nestlé. Clique aqui e saiba como participar!

Fonte: Tribuna de Jundiaí/Fotos: Arquivo pessoal

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

Relacionados

MARCAS QUE NOS APOIAM


Quer receber boas notícias todas as manhãs?

995,785FãsCurtir
1,922,545SeguidoresSeguir
9,396SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Magazine Luiza doa 1.000 colchões e travesseiros para moradores de rua em Belém (PA)

Desde o último sábado (21), o Estádio Olímpico do Pará, o Mangueirão, passou a receber centenas de pessoas em situação de rua da Região Metropolitana...

Após ver família comendo restos do lixo, homem abre restaurante para servir pessoas carentes

O dono de um restaurante em Vila Velha (ES) abriu seu estabelecimento para atender gratuitamente pessoas em situação de rua durante a pandemia de...

Angelina Jolie doa R$ 5 milhões para manter merenda de alunos durante quarentena

A atriz Angelina Jolie, 44 anos, doou US$ 1 milhão (R$ 5,2 milhões) para manter a distribuição de merendas escolares para crianças de baixa...

Idosa de 87 anos confecciona máscaras de proteção para distribuir gratuitamente no MA

Sem conseguir encontrar máscaras de proteção, a professora, bióloga e engenheira civil Renatha Costa uniu forças com sua avó, dona Bernarda, 87 anos, para...

Idoso de 80 anos constrói trenzinho para cães que resgatou das ruas

Um idoso de 80 anos passa seu tempo livre operando o que provavelmente pode ser o trem mais divertido do mundo! O senhor Eugene Bostick...

Instagram