Ex-fuzileiro naval aluga um avião para resgatar cuidadores e 200 animais vulneráveis no Afeganistão

Nesta quarta-feira (25), o ministro britânico da Defesa, Ben Wallace, anunciou à imprensa que vai autorizar a retirada de 200 animais de estimação, entre cães e gatos, de um abrigo na região de Cabul, a capital do Afeganistão, para o Reino Unido.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

O resgate está feito por um ex-fuzileiro naval, que alugou um avião inteiro para levar uma equipe de cuidadores afegãos e os animais até um lugar seguro.

soldado evacuação cães e gatos de santuário que ele cuidava afeganistão

Paul Farthing, que serviu com os Royal Marines na província afegã de Helmand, em meados dos anos 2000, criou o santuário Nowzad há 15 anos. O objetivo era ajudar a aumentar a conscientização da população sobre o bem-estar dos animais. Sua clínica treinou as primeiras veterinárias totalmente qualificadas do Afeganistão.

“Se você chegar com esses animais, procuraremos um horário para seu avião”, tuitou Wallace sobre Paul Farthing, um ex-soldado que abriu um abrigo de animais em Cabul e quer evacuar cerca de 140 cães e 60 gatos, assim como seus funcionários afegãos e famílias.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

soldado evacuação cães e gatos de santuário que ele cuidava afeganistão

Dias atrás, o governo do Reino Unido chegou a dizer que não daria “prioridade aos animais sobre homens, mulheres e crianças desesperadas que batem à porta”.

Ex-fuzileiro naval aluga um avião para resgatar cuidadores e 200 animais vulneráveis no Afeganistão 1

O comunicado não foi bem recebido e pouco depois, o primeiro-ministro Boris Johnson mudou de postura e anunciou que concederá visto para todos os funcionários da ONG de bem-estar animal Nowzad, que atua no Afeganistão, e para suas famílias – cerca de 68 pessoas no total.

Ex-fuzileiro naval aluga um avião para resgatar cuidadores e 200 animais vulneráveis no Afeganistão 2

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Enquanto isso, milhares de afegãos continuam esperando no aeroporto de Cabul para saírem do país em algum dos voos organizados pelos países ocidentais.

Desde o dia 14 de agosto, os Estados Unidos retiraram cerca de 70.700 pessoas. Já o Reino Unido retirou mais de 10.200 pessoas. Outras nações da União Europeia e países do Oriente Médio também têm oferecido resgate e apoio para o povo afegão.

Ex-fuzileiro naval aluga um avião para resgatar cuidadores e 200 animais vulneráveis no Afeganistão 3

Empresas também têm buscado ajudar: nesta semana, o Airbnb, plataforma online de serviço de hospedagem Airbnb afirmou que vai oferecer acomodação 100% gratuita para 20 mil refugiados afegãos que fugiram do país após a tomada de poder do grupo radical Talibã.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

O objetivo é ajudá-los a se reassentar pelo mundo e garantir que eles recomecem a vida com dignidade e oportunidades.

Veja também:

Fonte: O Tempo
Fotos: Arquivo pessoal / Ben Wallace

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM








Ex-fuzileiro naval aluga um avião para resgatar cuidadores e 200 animais vulneráveis no Afeganistão 4

Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
5,144,250SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Desconhecidos ajudam pai e filho que dormiam em areia fria da praia com vaquinha (CE)

Pai e filho dormiam debaixo de uma tenda de palha na praia e passavam muito frio e fome, sem nenhumas condições de higiene e conforto.

Menino autista tatua braço da mãe, que é tatuadora, e vídeo viraliza: ‘Ele achou mágico’

Mãe sendo mãe! ❤️🥰 A tatuadora Flavia Carvalho, de Curitiba (PR), incentivou o Alexandre, seu filho caçula, para fazer uma tatuagem nela. Ale tem 7 anos,...

Idosa recebe cartas de amor quase 70 anos depois do seu envio durante a II Guerra

Já fazia duas semanas que algumas cartas dirigidas a Dorothy Bartos chegaram na casa de Martha Rodriguez em Chicago. As cartas eram de um marinheiro...

Ela nasceu surda e sua avó a ensinou falar através de leitura labial

Mesmo tendo o apoio da avó, Morgana sofreu bastante bullying por conta do seu "sotaque surdo".

Idosa que perdeu o nariz devido a um câncer agressivo e hoje passa por necessidades ganha vaquinha

Dona Maria está com 81 anos, gente. Mora em São Paulo (capital) e há mais de 20 anos enfrenta um câncer de pele agressivo,...

Instagram

Ex-fuzileiro naval aluga um avião para resgatar cuidadores e 200 animais vulneráveis no Afeganistão 5