Experimento coloca pessoas em situação de homofobia e mostra suas reações

40
24840

Mostramos aqui um experimento feito na Lituânia em que um negro pede ajuda às pessoas para traduzir um texto, porém, quando começam a ler, é algo completamente racista contra ele.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Dessa vez, o experimento envolveu a questão homoafetiva, na Espanha. A ação foi elaborada pela Federação Estatal LGBT para estimular a denúncia à homofobia.

No vídeo abaixo, você vai ver a seguinte situação: um casal de rapazes pede ajuda para pessoas que compreendem Espanhol ajudá-los a traduzir as coordenadas que escreveram para eles em um papel. Ao começarem a traduzir, se deparam com comentários homofóbicos e até ameaças físicas.

Como você acha que as pessoas reagiram ao se deparar com essa leitura desagradável, desrespeitosa e criminosa? E você, como reagiria?

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

lgbt-espanha10 lgbt-espanha1 lgbt-espanha2 lgbt-espanha4 lgbt-espanha3 lgbt-espanha5 lgbt-espanha7 lgbt-espanha9

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

40 COMENTÁRIOS

    • Sim. Todos os dias crianças, adolescentes, jovens, adultos e idosos sofrem homofobia. É triste. Ainda há muito que se lutar pelo direito legítimo de se exercer a sexualidade como tem que ser.

    • Sim. Todos os dias crianças, adolescentes, jovens, adultos e idosos sofrem homofobia. É triste. Ainda há muito que se lutar pelo direito legítimo de se exercer a sexualidade como tem que ser.

  1. Assim como mulheres, negros, pobres, idosos, crianças……………….

      • Mas crianças passam fome no mundo todo……e injustiças acontecem no mundo todo!!

        • Recorrer à fome ou outras causas é sempre uma opção cômoda pra quem ainda não acertou as contas com elas por perto. Abraçar uma causa inalcançável parece ser o álibi perfeito pra disfarçar a própria intolerância.

          • sou tão insignificante que vc está falando comigo, sr. pândego, kkkkkkkkkkkk

          • antes de lutar pelo fim da homofobia eu tenho q alimentar as crianças na africa? ou primeiro eu preciso colocar todos os agressores de mulher na cadeia? qual é a ordem q vc estabelece para o mundo para q entao possamos chegar ao combate da homofobia?

        • Mas e então, qual a sua sugestão? Vamos assistir a isso tudo e bater palmas? Ou vamos nos unir para diminuir um pouco o sofrimento dos que precisam? Você está preocupada com os que passam fome, acredito que há instituições precisando da sua ajuda. Só procurar no Google.

    • Preconceito existe de todas as formas. E lutar contra um, não anula a luta contra outros.

    • então vamos lutar contra eles TAMBÉM! Ou você está sugerindo de não fazer nada só pq injustiça existe mesmo? Interpretei errado?

      • Eu não estou sugerindo nada, apenas estou lembrando que outras pessoas sofrem também, e que devem ser protegidos.

        • Mas qual é o contexto da sua “lembrança”?
          Luciane, acredito que não tenha sido essa a intenção, mas esse comentário foi meio negativista. Aparentemente, a maneira como se expressou pode causar um pouco de discórdia, afinal, se estamos lutando contra um preconceito não faz sentido algum seu comentário. Ele pareceu “jocoso” se me permite dizer. Como se só tivéssemos dando atenção para um assunto em específico. Sendo que a sra deveria COMEMORAR, afinal, essa campanha mostra que existem pessoas amáveis e dispostas a ajudar sem preconceito QUEM QUER QUE SEJA.

          O que me faz pensar numa seguinte reflexão: Dividir as pessoas e categorizar, como a sra fez (mulheres, negros, pobres, idosos e crianças), não é um tipo de preconceito? Afinal, não queremos que todos sejam tratados de forma igual?

          Sra. Luciane… espero ter interpretado errado. Mas ficaria triste em pensar que a sra, como uma mulher perto da meia idade, categoriza pessoas como a sra em grupos. :/

          • Rodrigo, interpretação depende de cada pessoa, creio eu que posso sim mencionar outras pessoas, pois a luta pelo respeito é para todos, sem categorizar, eu, como mulher sinto na pele muitos problemas apenas pelo fato de ser mulher (perto da meia idade sim, saber envelhecer é uma arte) e, acho que se alguém pode achar até “jocoso”, esse alguém me faz pensar que cada um luta por si e que cada um que percorra seu caminho de forma individual, o que acho errado. O fato de eu não concordar com a prática homossexual não me faria ter coragem de agredir a um homossexual, e o fato de eu expor aqui minha opinião em apenas não concordar não me faz homofóbica. Acho que todo ser humano deve respeitar e ser respeitado. Opiniões diferentes todos terão em todos os lugares e para sempre. Me doi o coração ver pessoas sofrerem violências pelo simples fato de serem crianças indefesas, idosos indefesos, negros por causa da pele, cabelo, etc., mulheres porque as acham inferiores, homossexuais porque os acham inferiores, pobres porque literalmente não tem valor, gordos porque são nojentos, magros porque são esquisitos, deficientes porque são inúteis, feios porque são desprezados, etc., e etc., (estou apenas reproduzindo opiniões ofensivas que muitos fazem questão de expor) porque é isso e muito mais que se fala e se julga pelo mundo afora. Creio eu não ter ofendido a ninguém por pensar diferente e me achar no direito de me expressar assim como todos aqui.

          • vamos refletir… o q vc acharia se um muçulmano dissesse q respeita sua opiniao, mas q nao aceita a pratica de mulheres e homens terem o mesmo direito. vc se sentiria ofendida? nao? ou vc acha q eh apenas um ponto de vista? uma pergunta, “pratica homossexual” o que seria, duas pessoas do mesmo sexo se gostarem e resolverem partilhar suas vidas. eh isso q vc eh contra? ql seria sua sugestao? q eles passassem o resto da vida sos? ou q se casassem com o sexo oposto so pra satisfazer o desejo de pessoas como vc? q tal eu dizer para um negro q nao vou agredi-lo. mas q nao concordo q ele case-se com uma mulher branca, ou q viva numa sociedade como se fosse igual aos outros? vc acha q nao estaria discriminando ? acho q vc precisa refletir.. ate pq vc ja eh uma pessoa de meia idade e ao q parece ainda tem um mente bastante infantil , imatura , egoista e preconceituosa. melhore.

          • Concordo com Rafael, ninguém tem que concordar com nada ou discordar de nada formas diferentes de amor sempre irão existir, o fato de sermos hétero não nos dá direito de achar que só nossa forma de amar é a certa, preconceito velado em opinião é ainda preconceito, ao invés de numerar quais necessidades de melhoria no mundo devam ser prioritárias, melhore como ser humano, a cada leitura, cada comentário, mude seus conceitos, ame e aceite as pessoas sem classifica-las. O mundo precisa sim acabar com a fome, mas precisa primeiro acabar com a injustiça e com rótulos desnecessários.

      • Essa mulher e perca de tempo, da uma olhadinha nas discussões dela.
        Chega a dar pena rs.

  2. Assim como mulheres, negros, pobres, idosos, crianças……………….

      • Mas crianças passam fome no mundo todo……e injustiças acontecem no mundo todo!!

        • Recorrer à fome ou outras causas é sempre uma opção cômoda pra quem ainda não acertou as contas com elas por perto. Abraçar uma causa inalcançável parece ser o álibi perfeito pra disfarçar a própria intolerância.

          • sou tão insignificante que vc está falando comigo, sr. pândego, kkkkkkkkkkkk

          • antes de lutar pelo fim da homofobia eu tenho q alimentar as crianças na africa? ou primeiro eu preciso colocar todos os agressores de mulher na cadeia? qual é a ordem q vc estabelece para o mundo para q entao possamos chegar ao combate da homofobia?

        • Mas e então, qual a sua sugestão? Vamos assistir a isso tudo e bater palmas? Ou vamos nos unir para diminuir um pouco o sofrimento dos que precisam? Você está preocupada com os que passam fome, acredito que há instituições precisando da sua ajuda. Só procurar no Google.

    • Preconceito existe de todas as formas. E lutar contra um, não anula a luta contra outros.

    • então vamos lutar contra eles TAMBÉM! Ou você está sugerindo de não fazer nada só pq injustiça existe mesmo? Interpretei errado?

      • Eu não estou sugerindo nada, apenas estou lembrando que outras pessoas sofrem também, e que devem ser protegidos.

        • Mas qual é o contexto da sua “lembrança”?
          Luciane, acredito que não tenha sido essa a intenção, mas esse comentário foi meio negativista. Aparentemente, a maneira como se expressou pode causar um pouco de discórdia, afinal, se estamos lutando contra um preconceito não faz sentido algum seu comentário. Ele pareceu “jocoso” se me permite dizer. Como se só tivéssemos dando atenção para um assunto em específico. Sendo que a sra deveria COMEMORAR, afinal, essa campanha mostra que existem pessoas amáveis e dispostas a ajudar sem preconceito QUEM QUER QUE SEJA.

          O que me faz pensar numa seguinte reflexão: Dividir as pessoas e categorizar, como a sra fez (mulheres, negros, pobres, idosos e crianças), não é um tipo de preconceito? Afinal, não queremos que todos sejam tratados de forma igual?

          Sra. Luciane… espero ter interpretado errado. Mas ficaria triste em pensar que a sra, como uma mulher perto da meia idade, categoriza pessoas como a sra em grupos. :/

          • Rodrigo, interpretação depende de cada pessoa, creio eu que posso sim mencionar outras pessoas, pois a luta pelo respeito é para todos, sem categorizar, eu, como mulher sinto na pele muitos problemas apenas pelo fato de ser mulher (perto da meia idade sim, saber envelhecer é uma arte) e, acho que se alguém pode achar até “jocoso”, esse alguém me faz pensar que cada um luta por si e que cada um que percorra seu caminho de forma individual, o que acho errado. O fato de eu não concordar com a prática homossexual não me faria ter coragem de agredir a um homossexual, e o fato de eu expor aqui minha opinião em apenas não concordar não me faz homofóbica. Acho que todo ser humano deve respeitar e ser respeitado. Opiniões diferentes todos terão em todos os lugares e para sempre. Me doi o coração ver pessoas sofrerem violências pelo simples fato de serem crianças indefesas, idosos indefesos, negros por causa da pele, cabelo, etc., mulheres porque as acham inferiores, homossexuais porque os acham inferiores, pobres porque literalmente não tem valor, gordos porque são nojentos, magros porque são esquisitos, deficientes porque são inúteis, feios porque são desprezados, etc., e etc., (estou apenas reproduzindo opiniões ofensivas que muitos fazem questão de expor) porque é isso e muito mais que se fala e se julga pelo mundo afora. Creio eu não ter ofendido a ninguém por pensar diferente e me achar no direito de me expressar assim como todos aqui.

          • vamos refletir… o q vc acharia se um muçulmano dissesse q respeita sua opiniao, mas q nao aceita a pratica de mulheres e homens terem o mesmo direito. vc se sentiria ofendida? nao? ou vc acha q eh apenas um ponto de vista? uma pergunta, “pratica homossexual” o que seria, duas pessoas do mesmo sexo se gostarem e resolverem partilhar suas vidas. eh isso q vc eh contra? ql seria sua sugestao? q eles passassem o resto da vida sos? ou q se casassem com o sexo oposto so pra satisfazer o desejo de pessoas como vc? q tal eu dizer para um negro q nao vou agredi-lo. mas q nao concordo q ele case-se com uma mulher branca, ou q viva numa sociedade como se fosse igual aos outros? vc acha q nao estaria discriminando ? acho q vc precisa refletir.. ate pq vc ja eh uma pessoa de meia idade e ao q parece ainda tem um mente bastante infantil , imatura , egoista e preconceituosa. melhore.

          • Concordo com Rafael, ninguém tem que concordar com nada ou discordar de nada formas diferentes de amor sempre irão existir, o fato de sermos hétero não nos dá direito de achar que só nossa forma de amar é a certa, preconceito velado em opinião é ainda preconceito, ao invés de numerar quais necessidades de melhoria no mundo devam ser prioritárias, melhore como ser humano, a cada leitura, cada comentário, mude seus conceitos, ame e aceite as pessoas sem classifica-las. O mundo precisa sim acabar com a fome, mas precisa primeiro acabar com a injustiça e com rótulos desnecessários.

      • Essa mulher e perca de tempo, da uma olhadinha nas discussões dela.
        Chega a dar pena rs.

  3. Que bela atitude de suporte dessas pessoas, me arrancou algumas lágrimas. Fico feliz de ver que ainda há empatia e pessoas com boas atitudes pelo mundo. Bela iniciativa esse vídeo.

  4. Que bela atitude de suporte dessas pessoas, me arrancou algumas lágrimas. Fico feliz de ver que ainda há empatia e pessoas com boas atitudes pelo mundo. Bela iniciativa esse vídeo.

Comments are closed.