Faxineiro do interior baiano vence obstáculos e se forma em jornalismo em Brasília

Ronaldo Rocha, de 24 anos, formou-se em jornalismo pela Faculdade Anhanguera, em Brasília, curso financiado com o salário de faxineiro, função na qual o jovem exerceu com muito orgulho por seis anos. “Se alguém algum dia perguntar: qual sua profissão? Não tenho vergonha, sou faxineiro”, afirma.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Nascido em Barreiras, no interior baiano, onde morava com os pais, Ronaldo mudou-se sozinho para Brasília com apenas 17 anos, em 2012, com o sonho de se tornar jornalista.

Ao chegar na cidade, passou fome até arranjar um emprego como faxineiro em uma escola pública. Morava de favor em uma das regiões mais carentes da capital brasileira.

Com o pequeno salário, se alimentava e bancava os estudos na faculdade, na qual ingressou em 2014. Focado, pensava somente no diploma, conquistado no dia 24 de fevereiro.

Recentemente, o jovem foi contratado como chefe de comunicação da assessoria de imprensa da Administração Regional da Candangolândia. Mudou de vida.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Faxineiro do interior baiano vence obstáculos e se forma em jornalismo em Brasília

Segundo seus pais, Ronaldo sempre sonhou em ser jornalista. Não à toa, o rapaz saiu de casa tão cedo para se aventurar na terceira metrópole mais populosa do país. Ainda não havia sequer concluído o Ensino Médio, tendo terminado o terceiro ano na capital.

Foram quase cinco anos de perseverança. Oito cansativas horas de trabalho por dia com o balde e a vassoura e outras quatro com o lápis e o caderno, frequentando as aulas. Ele não pensa duas vezes: “valeu a pena”.

“Eu queria quebrar o tabu para mostrar que também faxineiro é capaz de realizar um sonho. Eu entrei (na solenidade de formatura) com a vassoura, o balde e o rodo na mão pra mostrar que todas as profissões são dignas, quando são realizadas com respeito”, disse o rapaz. “Independentemente de qualquer profissão, nós somos capazes de alcançar os nossos ideais”, reforçou.

Confira a reportagem completa:

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Fonte: G1
Foto: Reprodução / YouTube

Quer ver a sua pauta aqui? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

MARCAS QUE NOS APOIAM


Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,067,715SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Garçom recebe gorjeta de 1.000 dólares que usará para pagar os estudos

Que sorte grande deve ser ganhar uma gorjeta de 1.000 dólares (aproximadamente 3.200 reais). Isso aconteceu com um garçom nos Estados Unidos. O jovem Brian...

Repórter foi fazer uma matéria que na verdade era seu pedido de casamento

Pegue um balde de pipoca e suspire a vontade, pois essa é uma história que renderia um bom enredo para um filme de comédia-romântica,...

75 anos depois, veterano da Segunda Guerra recria foto com garoto belga que lhe deu abrigo

Era 6 de junho de 1944, o ‘Dia D’ que você conhece nos livros de história, quando George ‘Bunny’ Avery desembarcou nas praias de...

Projeto ‘Pedala Junto’ ajuda deficientes visuais a andar de bicicleta no RJ

Pela primeira vez no Rio, projeto foi lançado na Lagoa e usou bicicletas adaptadas ODKV ('o de cá vê') e tandem – aquelas compridas, feitas para mais de uma pessoa pedalar ao mesmo tempo.

Médico sul-africano cura surdez de paciente com primeiro transplante de ouvido do mundo

Uma equipe de médicos da capital sul-africana, Pretoria, foi saudada pela comunidade internacional no pioneirismo em realizar o primeiro transplante bem-sucedido do ouvido humano. Foi...

Instagram

Faxineiro do interior baiano vence obstáculos e se forma em jornalismo em Brasília 3