Fazenda em SP transforma pasto em floresta capaz de produzir até 1 milhão de mudas por ano

Enquanto a conferência das Nações Unidas sobre Mudança do Clima (COP26) busca soluções para frear o aquecimento global que afeta as sociedades como um todo, pequenas iniciativas têm surgido para fazer a diferença, desde já.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Uma fazenda em Garça, no interior paulista, repensou seu próprio conceito de agronegócio para produzir e gerar lucro sem prejudicar o meio ambiente.

Fazenda de SP transforma pasto em floresta capaz de produzir até 1 milhão de mudas por ano

Na propriedade, pastos foram transformados em florestas com a ajuda e delicadeza de dezenas de mulheres, que transplantam as mudas e as convertem em árvores frondosas.

Ao longo dos anos, esse trabalho paciente mudou a realidade da fazenda.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Uma muda precisa ficar 3 meses na sombra para se desenvolver e ganhar força. Depois, mais 3 meses no sol para crescer para o plantio. Dentro do viveiro florestal, são cultivadas mudas de árvores nativas destinadas a recuperação ambiental, e árvores de madeira nobre que são comercializadas.

O viveiro foi idealizado pela agrônoma Valéria Ciriello, que pensou no futuro do planeta e na necessidade de recompor as áreas degradadas, sem abrir mão do seu sustento e do sustento de outras famílias.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Em sete anos, graças ao trabalho de recuperação ambiental na fazenda da família, mais de 300 hectares de área foram revitalizados.

Hoje, a propriedade de Valéria se transformou em uma empresa que comercializa mudas para quem quer recuperar áreas degradadas e também para quem cultiva árvores de madeira nobre.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Todo ano, até 1 milhão de mudas são produzidas. Uma em cada 5 delas são destinadas à recuperação ambiental e o restante para os produtores de madeira nobre.

Josiane Simírio e Alexssandra Tereza trabalham como viveiristas e parceiras de Valéria na fazenda. No dia a dia, separam as encomendas e trabalham no plantio de mudas – um ofício que despertou nelas a consciência ambiental que faltava.

Elas contam que fazem questão de levar os ensinamentos do trabalho para casa.

No seu entorno, a fazenda de Graça tem uma agrofloresta totalmente recuperada, onde os proprietários cultivam pupunha, cuja produção abastece os supermercados da cidade.

Futuramente, a ideia é ampliar o atendimento para outras cidades da região.

Graças ao processo de reflorestamento feito nos últimos anos, a nascente dentro da propriedade voltou a ganhar vida, tanto que a água desce com tanta força que é suficiente para irrigar o viveiro, e ainda tornou a fazenda autossustentável!

Na visão de Valéria, é necessário oferecer incentivos para os produtores recuperarem suas áreas e tornar o país um lugar melhor para se viver. “Não destruir, proteger e recuperar são formas de contribuir para que gerações futuras tenham chance de viver em um planeta melhor”, disse.

Assista ao vivo os ganhadores do Prêmio Razões para Acreditar, dia 07/12 às 18h! Ative as notificações clicando aqui.

Fonte: Futuro Florestal
Fotos: Reprodução / TV Tem

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM


Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
4,258,127SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Como o autoconhecimento pode ser positivo para você e toda a sociedade

“Eu não diria que as pessoas têm medo de autoconhecimento, diria que elas não estão acostumadas, não tem o hábito de investirem tempo, energia e dinheiro nisso”, diz a especialista em desenvolvimento humano Viviane Ribeiro.

National Geographic oferece acervo para reconstrução do Museu Nacional

A National Geographic Society ofereceu recursos financeiros e itens de seu acervo para reconstrução do Museu Nacional.

Depois de 3 anos curadas do câncer, meninas recriam foto que viralizou

A responsável por esse lindo reencontro e grande inspiração é a fotógrafa americana Lora Scantling. Em 2014, ela fotografou as meninas Rylie, Rheann e Ainsley quando...

Projeto recolhe kits de viagem e redistribui para moradores de rua

Conheça o Mini Gentilezas, um projeto que dá o melhor destino possível para aqueles kits de viagem que você traz dos hotéis e geralmente...

Coronavírus: moradores de rua são abrigados em casas e escolas de Maceió (AL)

A Arquidiocese de Maceió (AL) e a prefeitura da capital alagoana estão trabalhando em conjunto para assegurar vaga a pelo menos 240 moradores em...

Instagram